Wiki Sporting, a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal

Forum SCP - A Comunidade do Sporting Clube de Portugal


Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.
Agosto 30, 2014, 13:37

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão

Anúncios:

Início Início  Ajuda Ajuda  Regras Regras  Pesquisa Pesquisa  Entrar Entrar  Registe-se Registe-se       Wiki Wiki  Links Links 
Fórum SCP - A Comunidade do Sporting Clube de Portugal Assuntos Desportivos Futebol de Outras Equipas e Selecções Jogadores (Moderadores: Angel Lion, Stunner) Tópico:

Entrevista de Pinilla

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Páginas: [1] 2 seguinte » Ir para o fundo Imprimir
Autor Tópico: Entrevista de Pinilla (Lida 3430 vezes)

Entrevista de Pinilla , « em: Abril 02, 2008, 03:05 »



*
Júnior

Mensagens: 2125
Idade: 27
Localidade: Dafundo
Masculino


Peço desculpa pelo post gigantesco, e também não sabia onde por isto, por isso, cá vai disto :S

"Pinilla
"Se fosse hoje não saía do Sporting!"
RAFAEL TOUCEDO, em Edimburgo [Escócia]

Época e meia no Sporting, com momentos fantásticos e outros horríveis - eis a história do chileno Maurício Pinilla em Alvalade. Foi uma promessa que acabou por não vingar. Em entrevista a O JOGO, o avançado, agora ao serviço do Hearts, reconhece erros da sua parte, justificados pela instabilidade emocional que vivia na altura - que só agora resolveu - e que o levou a tomar muitas decisões precipitadas na sua carreira, tal como a do abandono quando, no entanto, acreditava que ainda tinha muito para dar aos leões. Apesar do curto período de passagem pelo Sporting, Pinilla sente grande afecto pelo emblema de Alvalade e… arrependimento pela saída.

P | A sua passagem pelo Sporting ficou marcada por grande irregularidade, altos e baixos, polémica sobre a sua vida pessoal… O que é que recorda dessa experiência e desse tempo?

R | Do Sporting, recordo tudo de positivo. Tenho carinho por todos os clubes por onde passei, mas o Sporting é especial... além de Portugal ser um país maravilhoso e ao qual adorava voltar um dia. O Sporting é um clube espectacular. Tudo o que lá vivi e aprendi foi positivo.

P | Mas, na prática, nem tudo foi positivo. Acabou por sair sem triunfar…

R | Recuperei de uma lesão num joelho e custou-me voltar a entrar na equipa. Entretanto, iam subindo jovens e as portas da equipa inicial começaram a fechar-se. Mas não tenho qualquer ressentimento. Tratei sempre de dar o máximo e as pessoas sabiam que eu em campo dava tudo, corria e lutava ao máximo. Tenho boas recordações de toda a gente e estou muito contente por ter vivido essa experiência tão linda. O Sporting, além de ser um grande clube, é uma grande família, onde as pessoas se preocupam umas com as outras.

P | Se gostava tanto do Sporting, como justifica a saída a meio da temporada 2005/06?

R | Chegou uma altura em que falei com o técnico [Paulo Bento] e vi que não ia contar comigo na segunda metade da época. As pessoas de fora estavam muito contentes comigo, mas o treinador não, e então decidimos que, se não contava comigo, ia-me embora. E fui, com muita pena, porque sabia que podia fazer muito mais pela equipa. Estava em alta e, quando chegou, Paulo Bento cortou-me a ascensão e a boa sequência depois da operação. Não o culpo a ele, são coisas do futebol… Surgiu a possibilidade de voltar a Espanha e fui para o Racing de Santander. Os jogadores sempre querem jogar, e não ia ficar só pelo dinheiro, amo o futebol e queria era jogar. Fui triste. Mas estou arrependido por ter saído.

P | Pode-se dizer que Paulo Bento foi o "responsável" pela sua saída?

R | Não gosto de falar mal dos treinadores. Tive muito boa relação com Peseiro, por exemplo, e também alguns desentendimentos, mas é o normal. Todos querem jogar e é o treinador que escolhe. Às vezes não aceitava porque queria jogar, sabia que estava em boa forma, estava ansioso por jogar e custava-me aceitar ficar de fora. Normalmente é o jogador que faz, com o seu trabalho, com que jogue ou não, mas outras vezes tem a ver com o treinador…

P | Porque é que, se fosse hoje, a sua decisão seria diferente?

R | Na altura passava por um mau momento psicológico e as minhas decisões eram apressadas. Sabia que podia triunfar no Sporting. São experiências de vida que acontecem, serviram-me para ser a pessoa que sou agora. Se fosse hoje e estivesse no Sporting, não me ia embora!"

"Vitória sobre o Rangers: sim ou sim!


O Glasgow Rangers, adversário do Sporting nos quartos-de-final da Taça UEFA, é um clube que Pinilla conhece bem da liga escocesa. Para o chileno, os leões vão qualificar-se "de certeza absoluta", baseando a sua opinião na diferença de talento entre as duas equipas. "É sim ou sim! O Sporting qualifica-se. Pela sua qualidade e porque se dedica realmente a jogar futebol. O Rangers é muito mais agressivo, mais forte, mas técnica e tacticamente o Sporting é melhor. Eles estão em primeiro do campeonato escocês, pois têm uma equipa forte que acaba por depender muito de um par de avançados e de uma defesa forte. Para o Sporting, a jogar bom futebol, será impossível perder", comentou o atacante, ainda ferrenho torcedor dos leões, e que estará presente no Estádio de Ibrox, amanhã à noite, vestido de verde e branco. Hoje, porém, já deverá rever amigos no clube, pois em princípio assistirá à sessão de treino orientada por Paulo Bento já em terras escocesas."


"Agora sim: já me sinto preparado para triunfar


O futuro de Pinilla está dependente do Hearts, clube com o qual tem contrato até ao fim desta temporada, com opção por mais quatro. O clube e a liga não são os preferidos de Pinilla, mas o avançado chileno tem uma dívida de gratidão muito grande para com o Hearts, e, como tal, quer respeitar as suas intenções no que toca ao futuro.

"Cá, no Hearts, estou muito contente. Passei por muita coisa na minha vida e este clube deu-me a possibilidade de recuperar psicológica e animicamente. Não tenho jogado, por causa das lesões, mas, mesmo assim, estou contente, quero agradecer-lhes", frisa o chileno.

Durante esta temporada Pinilla chegou a pensar deixar o futebol por causa de uma crise que atravessava, derivada do seu momento a nível desportivo e pessoal (separação da mulher e consequente afastamento da filha), mas o Hearts providenciou o seu internamento numa clínica de recuperação psicológica em Marbella (Espanha) e ainda hoje paga três mil euros todas as semanas para que uma médica da citada clínica se desloque a Edimburgo para acompanhar a sua evolução: "Tinha crises de ansiedade, estava muito mal, devido a uma depressão. As coisas corriam mal pessoalmente, desportivamente até sozinho me lesionava... não sabia o que fazer, ainda pensei em deixar o futebol e dedicar-me a negócios, mas depois chegou uma altura em que decidi que não podia deixar a modalidade. Cheguei a acordo com o clube e fui para uma clínica. Estive lá seis semanas internado e percebi o que queria fazer da vida e por isso estou muito contente. Estou à disposição do Hearts. Tenho sítios para onde ir e fico contente porque os clubes continuam a valorizar o que eu posso dar no futuro. Mas só penso no Hearts, devo muito a este clube. Se quiserem accionar a opção de renovação por mais quatro temporadas, fico!"

Posto isto, e com o processo de recuperação na sua fase final, Pinilla assegura estar, finalmente, em condições de render aquilo que prometeu: "Estou preparado para triunfar. Agora, finalmente, sinto-me em pleno. Em Portugal e em Espanha tinha problemas, às vezes não fui cem por cento profissional, tinha a cabeça cheia de dúvidas. Em alguns momentos não sabia o que fazer. Agora sim, quero jogar, triunfar, e voltar à elite do futebol mundial. Quero trabalhar para isso.""


"Popularidade atrapalhou

Pinilla reconhece que a fama atrapalhou a sua carreira, mas diz ter aprendido com os erros: "Sou mediático no Chile e em Portugal também fui. Qualquer coisa aparece logo nos jornais. Mas agora só falo de futebol porque foi isso que fez de mim uma pessoa conhecida. Às vezes não se sabe lidar com a fama, é divertido, e, quando as coisas correm mal, rebentam contigo.""

"Críticas "injustas" a Tello

Em Alvalade, Tello era um dos "apoios" e amigos de Pinilla, situação normal pelo facto de serem ambos chilenos num emblema estrangeiro. Para o atacante, as críticas do clube ao seu compatriota, quando este trocou os leões pelo Besiktas, no início desta temporada, não têm razão de ser: "Mantenho contacto com o Tello. A sua saída foi complicada. O Sporting esperou muito para renovar e ele teve a sua oportunidade na Turquia e aproveitou-a. O Sporting esteve até para não renovar com ele, houve alturas em que não quiseram - sei disso porque sou seu amigo - e já antes, na anterior renovação, ele tinha aceite condições mais baixas do que as que tinha. Não me parece justo que falem mal dele, afinal sempre esteve lá, foi profissional e deu tudo pelo clube, deu 100% e esteve sempre à disposição. A decisão é pessoal, por muito carinho que ele tenha pelo Sporting.""


"Regresso a Portugal é uma possibilidade

Portugal continua a estar no horizonte de Pinilla. O chileno sabe que voltar ao Sporting será complicado, apesar da sua vontade, mas não descarta representar outros emblemas no nosso país, com excepção dos arqui-rivais leoninos, Benfica e FC Porto. E já foi alvo de contactos exploratórios de alguns clubes lusos, revela: "Adorava voltar a Portugal. Tenho muito carinho pelos portugueses, Lisboa é impressionante, e mesmo sem ser Lisboa... não quero falar de clubes, pois alguns contactaram-me, mas o mais importante é jogar. São clubes bons, mas nenhum dos grandes. Se acabar por ficar livre e tiver a possibilidade, acho que as minhas principais opções passam por Portugal. Gosto muito das pessoas e vivi lá uma experiência bonita na minha carreira. Eu, por exemplo, nunca jogaria no Benfica ou no FC Porto, porque o Sporting marcou a minha vida. Poderia jogar noutro clube ou outra vez no Sporting, mas não nos rivais históricos!" "
« Última modificação: Abril 02, 2008, 08:12 por Paracelsus » Registado

Save your breath. You'll need it to blow up your date.


Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #1 em: Abril 02, 2008, 10:18 »



*

Condecorações:Extra-Futebol 2008


Mensagens: 11078
Idade: 31
Localidade: Lisboa, Portugal
Masculino

WWW
Independentemente do que se vai dizer para aqui sobre o profissionalismo do Pinilla, eu sempre achei que ele era um avançado muito bom e tive pena quando se foi embora. Entre ele e Deivid, Purovic, Derlei, Alecsandro e Bueno... eu preferia o Pinigol!

Fui a Braga ver o seu hattrick, estive no golo contra o AZ ... foram bons momentos e sei que ele podia dar-nos muitos mais!
Registado

"Por cada leão que cair, outro se levantará." - António Oliveira
Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #2 em: Abril 02, 2008, 10:29 »


A viver o Sporting desde 1981


*
Sénior

Condecorações:Artigo do Ano 2009


Mensagens: 4213
Idade: 33
Localidade: Lisboa
Masculino

WWW
Totalmente de acordo com o Protrunks. Adorava ver o Pinilla a jogar e quem me dera que ele ainda andasse por cá. De qualquer modo, e após ler esta entrevista, parece que a saída (em termos mentais) lhe fez bem. Pode ser que um dia volte, acho que nos dava bastante jeito.
Registado

SPORTING SEMPRE!

Uma paixão para além da verde e branca:

Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #3 em: Abril 02, 2008, 10:48 »



*

Condecorações:Extra-Futebol 2007Extra-Futebol 2006


Mensagens: 13599
Idade: 43
Localidade: UK
Masculino


Pinilla tinha potencial mas foi quase sempre medíocre. A sua incapacidade para ganhar uma bola de cabeça fazia inveja a Purovic. Duvido que venha ainda a fazer algo de significativo na carreira.
Registado

Saudades do futuro.
Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #4 em: Abril 02, 2008, 12:54 »


"United We Stand Divided We Fall"


*

Mensagens: 10594
Idade: 29
Localidade: Ilha Terceira - Açores
Masculino

WWW
o melhor golo que ele marcou ao serviço do SCP foi contra o Moreirense (na minha opiniao)  Bater Palmas
Registado

Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #5 em: Abril 02, 2008, 13:08 »



*
Juvenil

Mensagens: 785
Idade: 35
Masculino


Independentemente do que se vai dizer para aqui sobre o profissionalismo do Pinilla, eu sempre achei que ele era um avançado muito bom e tive pena quando se foi embora. Entre ele e Deivid, Purovic, Derlei, Alecsandro e Bueno... eu preferia o Pinigol!

Fui a Braga ver o seu hattrick, estive no golo contra o AZ ... foram bons momentos e sei que ele podia dar-nos muitos mais!

Eu tambem gostava de ver Pinigol jogar. Penso que tinha condições para ser um bom ponta de lança, agora a cabeça é que não o ajudou muito... foi pena.
Só uma coisa, dos jogadores que referes na comparação, não metia o Deivid no mesmo saco.  Wink
Registado

Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #6 em: Abril 02, 2008, 13:24 »



*

Condecorações:Extra-Futebol 2008


Mensagens: 11078
Idade: 31
Localidade: Lisboa, Portugal
Masculino

WWW
Independentemente do que se vai dizer para aqui sobre o profissionalismo do Pinilla, eu sempre achei que ele era um avançado muito bom e tive pena quando se foi embora. Entre ele e Deivid, Purovic, Derlei, Alecsandro e Bueno... eu preferia o Pinigol!

Fui a Braga ver o seu hattrick, estive no golo contra o AZ ... foram bons momentos e sei que ele podia dar-nos muitos mais!

Eu tambem gostava de ver Pinigol jogar. Penso que tinha condições para ser um bom ponta de lança, agora a cabeça é que não o ajudou muito... foi pena.
Só uma coisa, dos jogadores que referes na comparação, não metia o Deivid no mesmo saco.  Wink

Eu meto porque na minha opinião Maurício Pinilla tem muito (mas muito) mais potencial...  Wink

Opiniões!  Positivo!
Registado

"Por cada leão que cair, outro se levantará." - António Oliveira
Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #7 em: Abril 02, 2008, 14:01 »



*
Veterano

Mensagens: 8832
Idade: 31
Localidade: Lisboa
Masculino


Apesar de não lhe levar a mal caso fosse,fica bem dizer que não ia para os andrades nem para os lamps. Smiley
Registado

2h9m21s
Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #8 em: Abril 02, 2008, 18:17 »



*

Condecorações:Extra-Futebol 2013Extra-Futebol 2012Extra-Futebol 2010Extra-Futebol 2009


Mensagens: 25636
Idade: 30
Masculino


Ninguém gostava do Pinigol mas agora já todos o queriam em Alvalade.

Fui o primeiro a mostrar desagrado com a saída do Pinilla que vivia um excelente momento na recta final do Campeonato [marcava]. A nível mental poderia deixar muito a desejar mas se o Carlos "emplastro" Martins teve 6 opurtunidades, porque carga de água, este não tem direito a + 1 ano?

 Sempre que me lembro que tivemos Deivid [marcava e também dava a marcar], Pinilla [gostava muito dele] e Alecsandro [com meia época nas pernas ainda marcou 8 (?) golos] e neste momento temos Derlei [por muito bom que seja, não tem joelhos para jogar futebol], Tiui [não sabe o que é um remate] e Purovic [as bolas é que tabelam nele] até fico com remorsos por ter criticado os 3 primeiros.
Registado

Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #9 em: Abril 02, 2008, 18:47 »



*
Juvenil

Mensagens: 785
Idade: 35
Masculino


Independentemente do que se vai dizer para aqui sobre o profissionalismo do Pinilla, eu sempre achei que ele era um avançado muito bom e tive pena quando se foi embora. Entre ele e Deivid, Purovic, Derlei, Alecsandro e Bueno... eu preferia o Pinigol!

Fui a Braga ver o seu hattrick, estive no golo contra o AZ ... foram bons momentos e sei que ele podia dar-nos muitos mais!

Eu tambem gostava de ver Pinigol jogar. Penso que tinha condições para ser um bom ponta de lança, agora a cabeça é que não o ajudou muito... foi pena.
Só uma coisa, dos jogadores que referes na comparação, não metia o Deivid no mesmo saco.  Wink

Eu meto porque na minha opinião Maurício Pinilla tem muito (mas muito) mais potencial...  Wink

Opiniões!  Positivo!

Na minha opinião tambem. Mas eu quis dizer que não metia o Deivid no mesmo saco do Purovic, Alecsandro, Bueno, ou seja eu estava a fazer a comparação com estes, não com o Pinilla.
Registado

Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #10 em: Abril 02, 2008, 18:53 »



*
Sénior

Mensagens: 4801
Idade: 28
Masculino


O Pinilla teve o mesmo azar que está a ter o Purovic, simplesmente a equipa não joga para eles, logo não se pode pedir que façam muito.
Registado
Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #11 em: Abril 02, 2008, 20:20 »

Skafeos

O unico "azar" que o Pinilla teve foi ter aquela cabecinha de ar, ao que parece ta a mudar
« Última modificação: Abril 06, 2008, 05:04 por Skafeos » Registado
Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #12 em: Abril 06, 2008, 04:55 »



*
Júnior

Mensagens: 2334
Idade: 25
Localidade: Lisboa
Masculino


eu sempre gostei do pinigol...

pini pini pini pinigol...
Registado
Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #13 em: Abril 06, 2008, 11:47 »



*
Júnior

Condecorações:Apostas NBA 2010-2011


Mensagens: 2615
Idade: 25
Localidade: Porto
Masculino


Pensei que era a unica pessoa que achava que o Pinilla tinha grnde potencial. Felizmente vocês partilham dessa opinião. Sempre gostei muito dele, acho que foi mt mau negócio mandá-lo embora. É cero que aquela cabeça ás vezes parava, mas o miudo era bom e o Sporting devia ter aproveitado isso. Gostei da entrevista, mostra que gostou de nós e o facto de dizer que não jogava no benfas e no fóculporto diz muito da sua personalidade e do sentimento que tem pelo Sporting. Por mim voltava já em Junho!!

Pi, pi, pi, PINIGOOOL!!!
Registado

Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #14 em: Abril 06, 2008, 23:07 »



*
Veterano

Mensagens: 7875
Localidade: S. M. Feira


Mas quantos mais anos tem o Pinilla que andar a ser mediocre até vocês perceberem que o gajo é caruncho do pior? Esqueçam lá a entrevista (claro que adora o Sporting, é um clube muito acima dos seus horizontes e jamais voltará a estar perto de algo parecido) e digam-me quantos golos é que marcou ANTES e DEPOIS de ter passado pelo Sporting. No Sporting foram 7 golos (5 no campeonato e 2 na UEFA) em 28 jogos. Acho que 20 anos depois de se retirar ainda haverá adeptos a dizer "ena, o Pinilla é que era bom". Chorem o Deivid, agora esse chileno de 3ª categoria nem no Hearts...

Registado
Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #15 em: Julho 02, 2008, 08:33 »



*

Mensagens: 7035
Idade: 41
Localidade: Lisboa
Masculino



Estou à disposição do Hearts. Tenho sítios para onde ir e fico contente porque os clubes continuam a valorizar o que eu posso dar no futuro. Mas só penso no Hearts, devo muito a este clube. Se quiserem accionar a opção de renovação por mais quatro temporadas, fico!"


Citar
Hearts dispensa chileno Pinilla

O Hearts, onde jogam os portugueses José Gonçalves e Bruno Aguiar, dispensou o atacante Mauricio Pinilla. O avançado sul-americano, de 24 anos, que jogou no Sporting em 2004/05 não foi feliz no clube de Edimburgo - as lesões marcaram a sua passagem por Tynecastle. Chegou em 2006 e apenas participou em oito encontros pelo clube escocês, tendo apontado somente dois golos.
- JogoOnline - 2 Jul 08



As voltas que a vida dá... Mais um que passou ao lado de um boa carreira.
Registado

Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #16 em: Julho 02, 2008, 13:54 »



*
Veterano

Condecorações:Humorista Ano 2013Humorista Ano 2012Humorista Ano 2011Humorista 2010


Mensagens: 14092
Idade: 35
Localidade: Ponta Delgada
Masculino

WWW
Prometeu tanto numa semana, 3 golos em Braga e um grande golo contra o AZ. Depois deu nisto Bater Cabeça Deus dá nozes a quem não tem dentes.
Registado

“no small number of these whaling seamen belong to the Azores, where the outward bound Nantucket whalers frequently touch to augment their crews from the hardy peasants of those rocky shores.”
Herman Melville - Moby Dick
Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #17 em: Julho 02, 2008, 13:59 »



*

Condecorações:Extra-Futebol 2008


Mensagens: 11078
Idade: 31
Localidade: Lisboa, Portugal
Masculino

WWW
Pelo caminhar das coisas ainda o vamos ver de vermelho, tal como outro que também passou ao lado de uma grande carreira e também jurou amor ao nosso SPORTING.  Roll Eyes
Registado

"Por cada leão que cair, outro se levantará." - António Oliveira
Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #18 em: Julho 03, 2008, 00:30 »



*

Condecorações:Extra-Futebol 2007Extra-Futebol 2006


Mensagens: 13599
Idade: 43
Localidade: UK
Masculino


Pelo caminhar das coisas ainda o vamos ver de vermelho, tal como outro que também passou ao lado de uma grande carreira e também jurou amor ao nosso SPORTING.  Roll Eyes

Ficava tão preocupado com esse como estou com o outro! Rebolar de Tanto Rir
Registado

Saudades do futuro.
Re: Entrevista de Pinilla , « Resposta #19 em: Julho 03, 2008, 09:20 »



*

Mensagens: 7035
Idade: 41
Localidade: Lisboa
Masculino


Pinilla no se rinde: "Ahora tengo tres o cuatro ofertas"


Si fuera por catete, Mauricio Pinilla hace rato se hubiese enchufado hasta la Eurocopa y hoy se lo pelearían clubes como el Manchester United y el Real Madrid. Ya, es cierto que lo que tiene de perseverante lo tiene de califa, pero eso no impide que el "Señor de la noite" piense positivo luego de su abrupta salida del Hearts.

"Ahora tengo tres o cuatro opciones en países como Portugal e Italia, pero estoy esperando por la confirmación. Debo encontrarme con mi representante y podremos discutir mi futuro", juró a Evening News el delantero criado desde potrillo en el Chuncho.

¿Pero será posible? ¿De cuál habrá tomado? Pa' que convide, pos. Y es que la historia de "Pinigel" ha estado marcada, además de las minas faranduleras y el sagrado copete, por los fracasos futbolísticos y los retiros que nunca fueron. En el 2003 el Inter lo cedió al Chievo Verona, donde comenzó con los guatazos, y luego pasó encañado por el Celta de Vigo, Sporting de Lisboa y Racing de Santander, hasta que fichó en el Hearts escocés.

¿Luego? La depre lo llevó a los brazos de su gran amor. ¿La Gise? ¿La Cote? Nada de eso. Con crisis de pánico y todo volvió en el 2007 al Bulla para recuperarse, pero el remedio fue peor que la enfermedad. Con la Kmasu como su segundo hogar, Pinilla se desvinculó de la "U" y el rumor fue tomando fuerza: El pelotero adicto a la silicona se retira del fútbol.

CATETE
Pero el cabro salió porfiado. Como aún le quedaban vitaminas en reposo, retornó a Escocia, donde sólo lo pescaron en las discos y happy hours. "Estuve mucho tiempo lesionado. Me estaba preparando para la próxima temporada y lamento bastante no poder jugar más. Me hubiese gustado mostrarle más a la gente mis habilidades, pero ya no podré hacerlo", fue la triste reflexión del ex azul.

¿Qué tanto influyó que el Hearts quisiera vigilarlo hasta cuando estuviera en el baño? "No voy a referirme a ese tema. Entiendo su decisión y no quiero hablar del club porque ellos fueron muy buenos conmigo. Es triste, pero esto es parte del fútbol", señaló como un "gentleman" el farandulín, quien no aguantó que le rebajaran el sueldo ni que le impusieran un personal trainer durante las 24 horas, entre otras condiciones.

¿El triste balance? Ocho partidos en dos años. Pero Mauricio no se rinde y en las próximas semanas tendría que decidir cuál será su nuevo equipo, aunque algunos "históricos", como Sandrino Castec, ya no le compran. "Si puede fichar en Portugal o Italia significa que está tocado por una varita mágica. ¿Cómo lo van a contratar si apenas jugó en Escocia? En todo caso yo creo que es el momento de que se destape en Europa, porque si vuelve a Chile sería el final de su carrera", fue la sentencia del ex "Bombardero".

GASTRONOMÍA TIENTA A "PINI" Y SU FAMILY

Para muchos, Mauricio Pinilla tendría que haber sido guardia de un toples, barman o asesor comunicacional de la Tía Mane. Pero el ex de Yamna Lobos y Gise Gallardo, entre otras diosas, optó por el fútbol, aunque ahora podría desarrollar su faceta bohemia a concho, considerando que aún no estampa la mosca en ningún club.

Sí, pues hace rato que "Pinigel" tenía en mente abrir un par de restaurantes de lujo, lo que podría anteceder a una disco top, estilo Sala Murano, ¿onofre? En todo caso, el cesante de la pelotita aclaró en su momento que "son inversiones que manejará mi familia, no yo" y que "serán parecidos a lo que hay en Europa, con cocina de primer nivel y tragos novedosos". ¿Cartel de jefe? Nada de eso. Aquella vez Pinilla sostuvo que "estarían mi papá y mi hermana, porque yo pienso estar ocupado en el fútbol", ¡cueck!.

La Cuarta - Chile - 03 Jul 2008

http://www.lacuarta.cl/contenido/64_13354_9.shtml

Registado

Gosta deste tópico? Partilhe-o:
Páginas: [1] 2 seguinte » Ir para o topo Imprimir
Fórum SCP - A Comunidade do Sporting Clube de Portugal Assuntos Desportivos Futebol de Outras Equipas e Selecções Jogadores (Moderadores: Angel Lion, Stunner) Tópico:

Entrevista de Pinilla

« tópico anterior seguinte »
Ir para:

Powered by SMF 1.1.19 | SMF © 2011, Simple Machines
Tema SMFone modificado por Avantix e Paracelsus.
Optimizado para o Mozilla Firefox na resolução 1024 x 768.
© 2004 - 2010 | Fórum SCP | Alguns Direitos Reservados
Fórum não-oficial do Sporting Clube de Portugal

Ajuda | | Sitemap | Política de Privacidade