[Séries de TV] - Gostos, Opiniões & Novidades

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Eh pá, vocês que são uns "experts" nisto de séries e zombies, etc., são capazes de me explicar qual a diferença entre "The Walking Dead" e "Fear the Walking Dead"?

O "Fear the Walking Dead" é uma prequela ou história alternativa da série principal "The Walking Dead", é no mesmo universo e criada pelo mesmo autor da banda desenhada, Robert Kirkman.

Eh pá, vocês que são uns "experts" nisto de séries e zombies, etc., são capazes de me explicar qual a diferença entre "The Walking Dead" e "Fear the Walking Dead"?

O "Fear the Walking Dead" é uma prequela ou história alternativa da série principal "The Walking Dead", é no mesmo universo e criada pelo mesmo autor da banda desenhada, Robert Kirkman.

Ahhhhhhhhhhhh!

 :great:

E não sabia que estas séries tinham primeiro aparecido em BD's.
Finalmente um bom episódio de The Walking Dead.

Este gostei bastante.
Marvels Iron Fist

disponivel nos "locais" habituais
« Última modificação: Março 17, 2017, 18:33 pm por citizenkane »
Finalmente um bom episódio de The Walking Dead.

Este gostei bastante.

Eu bem digo que neste momento TWD vale a pena  :mrgreen:
A sério que Prison Break vai voltar?? Uma das primeiras séries que me agarrou. Mas pelo que se vai lendo pela net acho que não se deve esperar grande coisa desta sequela...
Comecei a ver Designated Survivor e não parei até esgotar os espisódios na Netflix.
Muito bom! :venia:
Já saiu o Iron Fist, a série tem sido estilhaçada pela crítica com reviews muito más.
Vi dois episódios apenas, e sinceramente para já não a acho assim tão má como a pintam(embora claramente muito longe das fantásticas temporadas do Daredevil).

Muitas das críticas incidem nas coreografias de luta na série, e de facto realmente não são boas.Parecem demasiado coreografadas( quando o objectivo é terem um aspecto natural e espontâneo) e muitas vezes parece que são feitas em slow motion (essa é a pior parte).

Numa série que incide basicamente em artes marciais isso é um aspecto que não pode ser ignorado.

Ainda assim irei continuar a ver a série.
Comecei a ver Designated Survivor e não parei até esgotar os episódios na Netflix.
Muito bom! :venia:

O que é que achas-te do último episódio The End of the Beginning?
Herói neoliberal – Entende-se como sendo o individuo que usufruindo dos benefícios do estado social,
opta por esquemas de fraude e evasão fiscal em prejuízo do bem comum.
Finalmente um bom episódio de The Walking Dead.

Este gostei bastante.

Concordo TWD para mim tem sido um vicio
Mais dois episódios vistos do Iron Fist(ou punho de ferro, foi assim que o conheci  :mrgreen: ) e sinceramente continuo a não desgostar da série.

Porém fico com a sensação que a série foi uma tremenda oportunidade perdida, e ontem quando vi mais uma cena de luta fiquei com a ideia que teria sido altamente se tivessem aplicado um estilo de luta e coreografias similar á do Kill Bill.

Ou melhor ainda, aos filmes de Kung Fu asiáticos que o Tarantino usou para inspiração.

E para complementar isso com um twist, esse tipo de luta só existiria nas partes que o Danny Rand(o punho de ferro) luta.Até para dar uma ideia clara ao público que este tipo é um lutador de artes marciais diferente dos comuns lutadores e depois usar o estilo de luta mais normal da Colleen como contraponto a isto...lá está o twist ;) .

A série em alguns momentos muito raros tem de facto pinceladas(dai eu ter tido essa ideia) disso, mas nunca abraça essa ideia com convicção.

É pena, certamente teria sido algo que fãs e crítica iriam gostar e diferenciaria a série de uma forma positiva (e até consigo ver a crítica a fazer elogios e comparações com o Kill Bill).


Foi uma oportunidade perdida, e assim sendo as lutas são do mais genérico e comum que existe (parecem saídas de um episódio qualquer do Arrow, ou pior).
Acabei de ver o Iron Fist.É definitivamente a pior série deste universo Marvel Netflix, não há volta a dar.

A série tem boas ideias aqui e acolá no seu argumento, mas são infelizmente pessimamente exploradas.

Gostei:

 :mais: A personagem Colleen Wing é talvez o ponto alto da série.A actriz em questão tem uma interpretação sólida e convincente da mesma (e como se não bastasse é extremamente gira  :mrgreen:).

A relação que a mesma tem com o Danny Rand também é algo que funcionou bem na série(muito por culpa dela).

 :mais: Os Meechaum, Joy e Ward

Boas actuações por ambos os actores(um deles é aparentemente um actor que entra numa série universalmente adorada aqui no forum, Banshee), os seus papeis foram bem escritos (inclusive um deles é bem diferente da sua contra parte dos comics) e o seu trajecto e crescimento durante a série foi credível e interessante acompanhar( sobretudo o Ward).


Não gostei

 :menos: :menos: :menos:

Os vilões nas séries da Marvel netflix curiosamente sempre foram mais interessantes e memoráveis que inclusive aqueles dos filmes dos estúdios Marvel ( vejam os filmes, existe algum vilão realmente memorável nos mesmos?).

O Kingpin foi fabuloso, o David Tennant como o Homem Purpura foi talvez a melhor parte da Jéssica Jones.O Mahershala Ali como Cotton foi a melhor interpretação que tivemos  nestes séries todas (infelizmente não foi bem aproveitado como disse aqui na altura, se soubessem que o tipo iria receber um oscar...).

Infelizmente os vilões no Iron Fist estão longe de serem memoráveis, são genéricos e sem nenhum traço distinto digno de relevo.Por mais que os actores em questão que os interpretam fizessem o seu melhor, com personagens tão mal escritas era impossível fazer melhor.

A história essa como referi tem boas ideias mas nunca as consegue concretizar de uma forma realmente positiva,é pena.

E como referi num post anterior, para uma série que tem na sua essência as artes marciais como pano de fundo as lutas nas mesmas parecem ter sido retiradas de um episódio qualquer do Arrow (se calhar até nessa série se faz algo por vezes melhor).

Algo que notei é que o nível de produção da série é extremamente baixo comparativamente com por exemplo um Daredevil, muito baixo mesmo.Talvez isso explique muita coisa.

E agora o pior de tudo...

O próprio Iron Fist(Punho de ferro)!Ou melhor o actor Finn Jones que o interpreta que muitos certamente se vão recordar da sua participação na Guerra de tronos( e na altura não me apercebi que era tão mau actor).

O tipo é mau, muito mau.É verdade que a personagem está muito mal escrita mas a interpretação do Finn Jones chega a ser cringe em muitos momentos (vejam com atenção aquelas cenas em que o mesmo tem de exprimir sentimentos de raiva, frustação etc...chega a ser cómico  :lol:).

Mas o mal está feito, e o actor já inclusive gravou a próxima série Netflix( defenders), vamos esperar que tendo textos ao seu dispor um pouco melhores que aqueles que teve aqui muitos dos problemas sejam atenuados.


Resumindo não recomendo esta série, só mesmo a fãs enormes do universo Marvel da Netflix que não queiram perder o fio á meada (até porque segue-se os defenders) e aos fãs de comics (haverá sempre algum ponto de interesse na série para os mesmos).

O resto, não percam tempo com isto.O que não faltam são boas séries por ai para investirem o vosso tempo.

Fazer um filme de Death Note.

Tremo só de pensar.
Fazer um filme de Death Note.

Tremo só de pensar.

Já existia: http://www.imdb.com/title/tt0810827/

Vou reformular:

Considerar sequer a ideia de fazer um filme de Death Note, seja em que tempo ou circunstância for.

Tremo só de pensar.

 :mrgreen:
Primeiro, deviríamos estar a ter esta conversa no tópico certo :

http://www.forumscp.com/index.php?topic=7908.16180


Para não alongar o off topic, primeiro dizer que a adaptação feita parece-me muito diferente do original(ainda que seja um curto teaser).

O tipo que faz de Raito(???), pelo o trailer aparenta ter um perfil muito diferente da personagem do anime original.Suponho que não seja uma adaptação muito literal do original, e se assim for tomaram a decisão certa.

Segundo, quer me parecer que dependente do sucesso do Death Note e Ghost in The Shell podemos vir a ter uma nova tendência de adaptações em Hollywood.E já falta pouco para perceber isso (o Ghost está quase a estrear).