[Blog] Words of Waste

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

http://wordsofwaste.blogspot.com/


Este é o meu blog pessoal.

Quem me conhece mais a fundo sabe que o grande sonho deste pobre humano é ser escritor, nem será bem isso, é mesmo contar estórias, depois de vários meses de textos e pensamentos soltos no Blog resolvi dar-lhe outro rumo, estou a escrever um "romance", ou uma "ficção" nem sei que lhe chame, que vai evoluindo de capitulo para capitulo, como se fosse uma série em fasciculos ou algo do genero, tem linguagem vergonhosa, conceitos chocantes, sexo, gajas, drogas e outras coisas más, e está a ser escrito ao sabor da mão, não sei onde vai parar nem que destino vai ter,  gostava que dessem uma olhada, fizessem comentários, se gostam se nao gostam, o que acham do nivel da escrita, etc, digam de vossa justiça...


Let me Entertain You.

P.S- A nova fórmula do Blog começa num texto chamado Prólogo, se nao quiserem ler para trás, podem cingir-se a ler o material novo...

Thxs...  8)
« Última modificação: Novembro 12, 2008, 12:00 pm por Paracelsus »
Another day, another idiot...
Para os poucos fieis leitores do "Dias de um futuro esquecido", deixo aqui a boa nova que fui contactado por uma editora (nao posso divulgar), cuja qual tinha mandado o endereço do blog, no sentido de continuar a escrever, e pediram-me para conseguir uma licença cibernética (algo parecido com direitos de autor na Net, podem ver no fim da pagina do blog), pois estão atentos ao trabalho publicado até agora, e poderão estar interessados num futuro (ja se sabe que é longo prazo) próximo em dar uma hipótese ao "Tio Incy", a todos os que têm dado força (Alô Rui e Lioness), o meu obrigado, e peço já agora que divulguem e continuem a acompanhar o diário do Ícone.

 8)  :wink:
Another day, another idiot...
Meti nos meus favorites e volta e meia vou lá, ainda ontem ou anteontem lá dei um pulito.

A editora é mesmo a sério ou é "daquelas"? Há muita aldrabice no meio. Boa sorte!
É daquelas a sério, com nome, seria espectacular, e acredita que sei bem a aldrabice toda, nao sabia que tb eras leitor, obrigado pela atenção e pelos votos de boa sorte. :wink:  :arrow:
Another day, another idiot...
Se assim for, muito bom! Toda sorte! Já agora podes dar a morada do blog?  :wink:
Sporting Sempre! 14.244
www.wordsofwaste.blogspot.com

Mas se carregares no "www" na parte de baixo dos meus posts, ou consultares o "thread" 3 ou 4 posts acima tb la está  :wink:  :lol:  :arrow:
Another day, another idiot...
:lol:  Ok. Vou estar mais atento.  :wink:  Vou ler, e vai já para os favoritos.
Sporting Sempre! 14.244
Como está escrito no cabeçalho do Blog, o conto em si começa num Post chamado Prólogo em 22 de Julho, o que está para trás são apenas textos dispersos, claro que se quiserem ler tudo são bem-vindos, mas o que refiro é mesmo o conto. :arrow:

A ideia inicial seria sempre dar continuaçao a estoria perante os comentarios ou sugestoes dos leitores, o Rui foi o unico a faze-lo e teve a sua ideia cumprida, ainda falta mais uma, mas so mais para a frente, tenho em conta uns 40 a 50 leitores assiduos, como ninguem comenta praticamente, limito-me a deixar a minha imaginação fluir, mas se quiserem dizer qq coisa, a gerencia agradece... :wink:
Another day, another idiot...
A história principal é engraçada. Negra quanto baste quanto ao nosso futuro como raça humana, como seria de esperar em qualquer história futurista. Embora no episódio do acidente em Canas de Senhorim estivesse à espera de um desfecho mais negro  :twisted:

Tentei ler algumas no início mas já não são tanto do meu gosto.

Infelizmente Portugal não tem massa crítica suficiente para os escritores, o normal é os romances ficarem-se pela tiragem mínima de 5.000 exemplares, excepto se for a história de um jogador de futebol ou personagem do Big Brother  :roll:

A única hipótese de um escritor português, que queira viver só da escrita e que não escreva sem sinais de pontuação  :D é o mercado brasuca. De resto, só por hobby. Oxalá esse contacto com a editora floresça, o mais difícil é mesmo chamar a atenção e pelos vistos já conseguiste.

Uma vez li algures que uma história, ser for publicada pela primeira vez em meios "online", perdia os direitos de autor, é a isso que te referes com a questão dos direitos de autor online?

E já tentaste alguma vez escrever algo maior, a apontar para as 100-120 mil palavras? Isso é que é dificil, não basta a qualidade como escritor, nem a inovação ou imaginação.
Alemid,

Fica a sugestão, e será aproveitada, continua a visitar ;) É mesmo isso que eu quero.

Exacto, a entidade que podes verificar no fim da pagina do blog tenta ser pioneira na materia, nao tem poder juridico, mas para la tenta caminhar.

Eu tenho uma obra escrita há quase 6 anos que tem muito mais que isso, recusada pela editorial noticias sem sequer a lerem com medo de serem acusados de plagio, o meio é fechado, se estivesse na disposição de dar o cú ja estava publicado há anos (isto é textualmente verdade  :? )
Another day, another idiot...
Oh Tio Incy (começaste com isso agora não me vou calar)

quando sai o teu livro é que eu tenho de ler 6 obras, 3 para português e outras 3 para Literatura Portuguesa, isso dava uma boa análise!  :D

Estou a brincar não deve dar para ler, a prof matava-me, mas assim que sair vou comprar
Sporting Sempre
Citação de: "Incitatus"
Para os poucos fieis leitores do "Dias de um futuro esquecido", deixo aqui a boa nova que fui contactado por uma editora (nao posso divulgar), cuja qual tinha mandado o endereço do blog, no sentido de continuar a escrever, e pediram-me para conseguir uma licença cibernética (algo parecido com direitos de autor na Net, podem ver no fim da pagina do blog), pois estão atentos ao trabalho publicado até agora, e poderão estar interessados num futuro (ja se sabe que é longo prazo) próximo em dar uma hipótese ao "Tio Incy", a todos os que têm dado força (Alô Rui e Lioness), o meu obrigado, e peço já agora que divulguem e continuem a acompanhar o diário do Ícone.

 8)  :wink:

Incy, finalmente, não sabes como esta notícia me deixa feliz. (ou aliás sabes! :P Há muito que merecias pela excelente qualidade da tua escrita.  :wink:

Tenho seguido atentamente o blog, como sempre. :D
Para os poucos leitores do" Dias de um Futuro esquecido", só para avisar que já saíu o novo capítulo. XIII-I.

Eu sei que não ando profiquo, mas nem sempre quantidade é sinónimo de qualidade, a estória está a adquirir novo rumo, e a dica do Alemid, de não ter gostada do desenlace da infecção viral, vai ser explorado, o blog onde vcs me ajudam a escrever, continuem a falar, digam qq coisa por mais insignificante que pareça, eu aproveito tudo.

Obrigado pela atenção...  :wink:  :idea:  :arrow:
Another day, another idiot...
velho Inci

escreve o que te vai na alma. e, meu caro, sabes que te leio...
no tempo feliz sonhei o poema
escrito no sol