Fórum SCP

Ainda a (não) redução dos Campeonatos

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

esta proposta até tem algum jeito  :wink:

mas... afinal, mudar para quê? não é a forma como se organiza o campeonato que determina a qualidade do mesmo. há tantos outros factores...  :roll:
Citação de: "stromp"
já escrevi isto algumas vezes.

cá vai:

liga com 12 clubes.
finda esta fase, os primeiros 6 disputariam o título e apuramentos para as taças europeias. os restantes disputariam a fuga à descida.
teríamos duas vezes o Benfica e o Porto em Alvalade- não vejo aqui nenhum enjoo de clássicos.
haveria melhores jogos, menos jogos, mais receitas, mais interesse.
avanço com um tópico para a discussão: as equipas partiriam para a 2ª fase com os pontos ganhos ou com metade? prefiro a primeira hipótese- por ser, essencialmente, pura desportivamente.


Esse não é o modelo que se usa no Hoquei?
"A 18 de Julho de 1911, os jogadores do Sporting recusaram-se a entrar em campo para defrontar a equipa do Benfica, alegando que estes não eram dignos de pisar as suas instalações"

Esforço, Dedicação, Devoção e Glória. Eis o Sporting!
Citação de: "stromp"
já escrevi isto algumas vezes.

cá vai:

liga com 12 clubes.
finda esta fase, os primeiros 6 disputariam o título e apuramentos para as taças europeias. os restantes disputariam a fuga à descida.
teríamos duas vezes o Benfica e o Porto em Alvalade- não vejo aqui nenhum enjoo de clássicos.
haveria melhores jogos, menos jogos, mais receitas, mais interesse.
avanço com um tópico para a discussão: as equipas partiriam para a 2ª fase com os pontos ganhos ou com metade? prefiro a primeira hipótese- por ser, essencialmente, pura desportivamente.


Uma boa hipótese, seria muito mais competitivo, principalmente nos últimos 10 jogos que seriam sempre com equipas do "top 6".
Sendo o campeonato uma prova de regularidade, também concordo que os pontos ganhos na 1ª fase deviam valer na totalidade.

MAs isto é apenas a ponta do novelo, falta estruturar devidamente o resto das competições, como também disse o Netzer.
Eu também já esrevi isto algumas vezes. tal e qual. É o único modelo que vejo a proporcionar algum equilíbrio entre competitividade e receitas.

Discordo totalmente que a duplicação de derbis/clássicos os tornasse entediantes, ou acabasse com o elan.

E acho que deviam partir para a segunda parte com os mesmos pontos.

E a Divisão de Honra deveria ser igual. Passaríamos de 36 para 24 clubes profissionais.

A.A.

Citação de: "stromp"
já escrevi isto algumas vezes.

cá vai:

liga com 12 clubes.
finda esta fase, os primeiros 6 disputariam o título e apuramentos para as taças europeias. os restantes disputariam a fuga à descida.
teríamos duas vezes o Benfica e o Porto em Alvalade- não vejo aqui nenhum enjoo de clássicos.
haveria melhores jogos, menos jogos, mais receitas, mais interesse.
avanço com um tópico para a discussão: as equipas partiriam para a 2ª fase com os pontos ganhos ou com metade? prefiro a primeira hipótese- por ser, essencialmente, pura desportivamente.
Citar
já escrevi isto algumas vezes.

cá vai:

liga com 12 clubes.
finda esta fase, os primeiros 6 disputariam o título e apuramentos para as taças europeias. os restantes disputariam a fuga à descida.
teríamos duas vezes o Benfica e o Porto em Alvalade- não vejo aqui nenhum enjoo de clássicos.
haveria melhores jogos, menos jogos, mais receitas, mais interesse.
avanço com um tópico para a discussão: as equipas partiriam para a 2ª fase com os pontos ganhos ou com metade? prefiro a primeira hipótese- por ser, essencialmente, pura desportivamente.


Na terra dos sonhos...

Também para mim era a melhor solução, mas como é que se explicava a certos "clubes amigos" que deixavam de poder estar na 1ª
Eu sou responsável pelo que escrevo, não pelo que os outros entendem!

Nunca discutas com um idiota. Ele arrasta-te até ao nível dele, e depois vence-te em experiência.
Citação de: "psilva"
Citar
já escrevi isto algumas vezes.

cá vai:

liga com 12 clubes.
finda esta fase, os primeiros 6 disputariam o título e apuramentos para as taças europeias. os restantes disputariam a fuga à descida.
teríamos duas vezes o Benfica e o Porto em Alvalade- não vejo aqui nenhum enjoo de clássicos.
haveria melhores jogos, menos jogos, mais receitas, mais interesse.
avanço com um tópico para a discussão: as equipas partiriam para a 2ª fase com os pontos ganhos ou com metade? prefiro a primeira hipótese- por ser, essencialmente, pura desportivamente.


Na terra dos sonhos...

Também para mim era a melhor solução, mas como é que se explicava a certos "clubes amigos" que deixavam de poder estar na 1ª



A redução para 16 deveria ser encarada apenas como um transição para os 12 finais porque doutra forma não serve para nada.
Para mim esta é sem duvida a melhor solução, mas este ano eles já adiaram e para o ano inventarão outra forma de não mexer em nada.