Mistérios sem resposta.

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Sobre as Crop Circles lembro-me de ver um documentário a provar a mão do ser humano nisto tudo, até mostravam que a maioria que fazia eram matemáticos com bastante tempo livre.

.. eu vi na National Geographic e concluiram o contrário. :mrgreen: :great:

Afirmaram que não havia sequer material capaz de fazer círculos tão exactos, precisos e perfeitos daquela forma, para além de que a realização de tais "obras" seria caso para semanas e até meses de trabalho, matematicamente delineado. :o :mais: Recordar que a ocorrência da maioria dos círculos foi feita da noite para o dia, menos de 12h e durante a noite. Mostrem-me como é que se faz e já agora, porque é que quem fez não vem retirar os louros?

Eu não acredito em nada de ET's - sobretudo aquelas visões que as pessoas têm no céu - mas aqui dou a mão à palmatória, algo de muito estranho, complexo e irreal se passou. :arrow:

O documentário que vi não era da National Geographic, e já não me lembro de quem era, já o vi há uns 2 anos mas lembro-me de eles explicarem a possibilidade da mão do ser-humano em realizar tais coisas. Não perguntes é como porque já nem lembro nem te saberia explicar.

Só um ponto curioso para a discussão, todas as crop circles que aparecem ou é nos Estados Unidos, na Inglaterra ou na Rússia, nunca viste nenhuma em Portugal de certeza. Três dos países mais desenvolvidos cientificamente do mundo, tudo isto podem ser experiências ou testes pela partes deles. Sei lá, mas gosto de alimentar estes mitos! :mrgreen:
   Crop circles e Nazca são dois fenómenos distintos, atenção.

   As linhas de Nazca são muito antigas, existem várias teorias mas as mais comuns apontam para um trabalho humano, feito pelos antepassados índios locais, direccionados para o céu, para os deuses. Há quem fale que seriam uma espécie de tributo, um rito cultural e religioso, há quem refira que são uma espécie de sinais de geo-referência, o que é facto é que foram delineadas para poderem ser compreendidas e observadas a partir de vista aérea. Não só as linhas, como as grandes bandas rectilíneas, em forma de pista, situadas na região do planalto de Nazca, que há quem diga que formam uma espécie de "espaço-porto", para as naves poderem aí aterrar. Esse trabalho sim deixa-me intrigado, porque é de facto notório que as cumeadas foram aplanadas e não há vestígios da remoção de rocha e terras, e não tem aspecto de ser um fenómeno geológico e erosivo natural. Estamos a falar de aplanar quase de forma perfeita o topo de formações de granito, em alguns casos.

   Aqui está uma imagem do planalto de Nazca:

  

   Quanto aos crop circles, eles também não são tão recentes como se possa pensar. Existem lendas inglesas que remontam ao demónio dos círculos em campos de cereais. Há quem fale de avistamentos de orbs, pequenos objectos metálicos ou luminosos, e até existem aqui e ali filmes desses objectos a sobrevoar os campos e até há um que, forjado ou não, mostra um desses objectos a sobrevoar um campo, imobilizar-se no ar, e vê-se o círculo a começar a formar-se por baixo dele, uma espécie de modelação electro-magnética das searas. Depois o objecto afasta-se. Estes elementos em filme são por vezes (muitas vezes) falsificados, mas nem tudo pode ser desmontado com tanta facilidade e existem fotografias e vídeos, alguns até de organizações e instituições internacionais, como a NASA, entre muitas outras, que registam fenómenos do género. Na II Guerra Mundial, os Foo Fighters rodeavam os aviões aliados e acompanhavam-nos ao longo de várias milhas. Eram objectos luminosos e não está provado que fossem materiais, podendo ser alguma forma de energia. Há quem os refira como uma arma secreta de defesa anti-aérea dos alemães. E há fotografias dos mesmos, ou pelo menos apontadas como sendo reais e datadas da época.

   Há também, sem margem para dúvida, pessoas que se especializaram a criar estes crop circles, os circle-makers. Têm sítios na web e tudo. Vejam este. Já tem uns aninhos. Agora, cabe a cada um informar-se sobre o tema se pretender ter uma opinião mais fundamentada.

   Na América do Sul há inúmeras civilizações primitivas e mistérios relacionados com elas. Cuzco, Puma-Punko, Tiahuanaco, são sítios arqueológicos com construções e edificações que remontam a tempos anteriores aos Incas, e que os próprios afirmavam desconher quem ao certo eram os seus autores e aquelas técnicas de construção, quando inquiridos pelos espanhóis sobre a sua autoria, que ainda hoje são de vanguarda e muito dificilmente se conseguem replicar. E olhem que foram os Incas que construíram Machu Picchu, que só por si é prodigioso. Só aí há mais do que matéria para ficar com os queixos caídos, e não tem nada a ver com "coisas do outro mundo", são coisas da história da Terra e dos seus povos e habitantes, bem reais e materiais. Assim como as ruínas de civilizações desconhecidas que se encontram ao largo de algumas ilhas caribenhas, e também no Pacífico, ao largo do Japão, entre outros locais. Até no Mediterrâneo se descobriram coisas fascinantes, de cidades milenares desaparecidas. Estes temas fascinam-me.

   Encontrei esta hiperligação sobre esses e outros temas da arqueologia. Podem visitar aqui.
« Última modificação: Janeiro 27, 2012, 02:04 am por HULK VERDE »
 
Eram os Deuses Astronautas?  Este documentário (inicialmente um livro)  que eu vi e fiquei mesmo  :o :xock:    

Também acho que pode muito bem existir vida fora deste planeta, a probabilidade disso ser verdade é enorme. Mas agora daí até haver vida inteligente que actua tipo troll a fazer desenhos nas colheitas, a construir piramides e a raptar pessoas para as violar vai um grande bocado.

[youtube=650,535]http://www.youtube.com/watch?v=yVSQuNBreQc[/youtube]
« Última modificação: Janeiro 27, 2012, 00:25 am por Dealer16 »
"Não podes saltar a uma bola com os braços encostados ao corpo! Não és nenhum pinguim!" - JJ (05/09/16)

E dos illuminati ? Ninguém fala ?  :great:
HabemusNani
Meanwhile in China!

[youtube=650,535]http://www.youtube.com/watch?v=XDfoRilwdhg&feature=player_embedded#![/youtube]



Neste site ainda se vê mais locais "curiosos".

http://www.lifeslittlemysteries.com/1932-curious-china-pics.html

Grande tópico!! Então e o chupacabra? :mrgreen:
Com 19 anos apenas chegou a Lisboa a 26 de Junho de 1937 e não assinou logo contrato. Deu apenas a sua palavra de honra em como jogaria no Sporting sem ter sequer discutido questões monetárias. Apesar de abordado por um clube do norte, pensa-se serem os corruptos, e também pelos lampiões, oferecendo-lhe melhores condições, Peyroteo não aceitou pois estava verbalmente comprometido com o Sporting.
Estou no IPhone por isso espero que o post saia bem:


Sempre que se fala destas questões lembro-me logo deste artista:


:)

Btw: Giorgio A. Tsoukalos’s
there's someone in my head but it's not me.
Há um mistério enorme que ninguém fala.

Como é que desde 95 que a mesma m**** continua a liderar o Sporting e não sai de lá ??? :inde:
Há um mistério enorme que ninguém fala.

Como é que desde 95 que a mesma trampa continua a liderar o Sporting e não sai de lá ??? :inde:
Esse é fácil! Sócios carneiros com uma ou outra afinação!
Há um mistério enorme que ninguém fala.

Como é que desde 95 que a mesma trampa continua a liderar o Sporting e não sai de lá ??? :inde:

 :lol: :lol: :lol:

Uhhh essa é difícil!
tópico muito interessante  :great:

Amanhã, com mais tempo, vou ler os sites, e os comentários, mais em pormenor. Mas são sem dúvida, assuntos que me despertam curiosidade.
Estou no IPhone por isso espero que o post saia bem:


Sempre que se fala destas questões lembro-me logo deste artista:

*pic*
:)

Btw: Giorgio A. Tsoukalos’s

Eu lembro-me deste:

[youtube=650,535]http://www.youtube.com/watch?v=UyHzhtARf8M[/youtube]

:mrgreen:
"Não podes saltar a uma bola com os braços encostados ao corpo! Não és nenhum pinguim!" - JJ (05/09/16)



Artefatos encontrados em túmulos pertencentes à civilização Inca com uma forma bastante semelhante ao que chamamos hoje de aeronaves, estima-se que estes artefatos foram criados à cerca de 3000 anos atrás.

Até pode ser tudo uma grande coincidência mas não deixa de dar que pensar.


Artefatos encontrados em túmulos pertencentes à civilização Inca com uma forma bastante semelhante ao que chamamos hoje de aeronaves, estima-se que estes artefatos foram criados à cerca de 3000 anos atrás.

Até pode ser tudo uma grande coincidência mas não deixa de dar que pensar.
Viagens no tempo!  :mrgreen:
Os crop circles são feitos por comuns humanos e demoram semanas a fazer, sempre de forma clandestina.

Quando estão terminados, chama-se a comunicação social e diz-se que "ontem à noite aquilo não estava lá".
Alguém já ouviu falar do mistério do navio Maria Celeste?

(desculpem ir em brasileiro e ser longo)

http://www.mdig.com.br/index.php?itemid=5234

Citar
Uma das muitas histórias de mar espantosas e impressionantes é, sem sombra de dúvidas, o mistério da Maria celeste. Não só pela estranheza do acontecimento em si, senão porque daí foram criados uma infinidade de relatos folclóricos, mitos e lendas.

Mary Celeste era uma embarcação de 282 toneladas que, depois de ganhar fama de maldita, foi vendida ao mercador nova-iorquino James H. Winchester por 11 mil dólares em 1869. A embarcação serviu de nave mercante durante anos, até que em 1872, aconteceu um dos acontecimentos mais estranhos da história.

Sob o comando do famoso capitão Benjamin Briggs, Mary Celeste partiria em 5 de Novembro da ilha Staten em Nova Iorque com rumo a Itália. Carregava uma preciosa carga de barris de álcool industrial, 4 vezes mais valioso que o navio. A tripulação, além do capitão, era composta por sete experimentados homens de mar e duas passageiras. Sarah, a esposa do capitão e Sophia Matilda, sua pequena filha de 2 anos, já que passariam um tempo em família por Itália.

O grande mistério
É aqui onde começa um dos mistérios mais apaixonantes da história marítima. Em 5 de Dezembro, aproximadamente a 370 milhas da costa portuguesas, o timoneiro de um navio mercante de origem britânica, chamado Dei Gratia, avistou Mary Celeste. Depois de anos como marinheiro imediatamente notou algo fora do comum, apesar de que a embarcação avistada viajava com suas velas estendidas. Depois de conversar com outros oficiais, avisaram o capitão do navio, David Morehouse que ficou surpreso e preocupado pois Briggs era seu grande amigo, e sabia que naquela data o Mary Celeste já deveria ter aportado na Itália.

Morehouse imediatamente ordenou sua tripulação a acercar ao navio com bastante cautela, e quando estavam a uns 400 metros da outra embarcação, aguardaram duas horas observando e tentando se comunicar com a tripulação do Mary Celeste. Não obstante, e apesar que o navio não apresentasse nenhum sinal de ter sido atacado ou avariado, o mesmo parecia estar vazio. Razão suficiente para enviar um pequeno contingente para abordar a nave e ver o que tinha ocorrido com a tripulação.

Depois de horas de espera os marinheiros retornaram ao Dei Gratia, reportando não ter encontrado nenhum ser humano na embarcação, e sua valiosa carga, salvo por nove barris, permanecia intacta. Mais curioso ainda era que o único bote salva-vidas do navio não estava presente e as provisões de alimentos comida, bem como também a água fresca, ainda se encontravam nos porões da embarcação. Entre outros objetos encontrados estavam os objetos pessoais de toda a tripulação, jóias, a roupa da menina, diário do capitão e inclusive uma navalha de barbear ainda com espuma. [Arthur Conan Doyle depois exageraria ao contar esta história dizendo que também encontraram pratos com a comida dos tripulantes ainda quente].

O porque do desaparecimento da tripulação permanece até hoje como um grande mistério. No exterior da nave não existia sinal alguma de que tenha sido atacada ou de que tivesse atravessado um temporal, e no interior da mesma não tinha sinais de violência e tanto a carga quanto as posses pessoais da tripulação permaneciam intactas, motivo pelo qual não pôde ter sido um ato de pirataria ou de motim.

O diário do capitão não continha registro algum de mau tempo. Sua última entrada havia sido realizada em 25 de novembro a 160 quilômetros dos Açores.

O navio foi rebocado pela tripulação do Dei Gratia até o Estreito de Gibraltar, onde uma corte Britânica em conjunto com o cônsul estadunidense em Gibraltar, Horatio J. Sprague, se encarregariam de pesquisar o ocorrido. Conquanto em um primeiro instante criam ter encontrado uma espada cheia de sangue, terminaram descobrindo que seria somente oxidação e, até os dias de hoje, o destino da tripulação permanece no maior mistério.

O destino do navio
Mary Celeste foi novamente vendida e utilizada durante 12 anos transportando todo tipo de objetos e mercadorias. Seu destino final foi o Caribe, onde um mercador chamado GC Parker carregou-a de lixo e dizendo para a seguradora que se tratava de uma carga valiosa, tentou afundá-la ao jogá-la contra um recife. No entanto, a maldição da Mary Celeste cairia sobre Parker, e a nave não afundou. Inclusive, depois de que tentassem colocar fogo na embarcação. Parker foi descoberto, preso e enviado a julgamento, ainda que tenha morrido por causa de uma doença desconhecida antes de chegar ao tribunal. O navio foi abandonado a deriva no Caribe, permanecendo, até os dias atuais, junto ao Holandês errante como outra das naves fantasmas que enriquecem o folclore marinho.

Então, o que aconteceu?
Ninguém sabe. Mas uma das teorias mais aceitas indica que durante uma pequena tormenta, o capitão, temendo que sua carga explodisse, ordenou sua tripulação a baixar o bote salva-vidas, e ato seguido amarraram o barco à popa do navio com uma uma longa corda. Desta maneira, seguiriam o barco desde o bote enquanto eram rebocados sem o perigo da explosão. Mas algo imprevisto teria acontecido, e o bote se soltou, deixando a tripulação à deriva. A Wikipedia em inglês tem uma boa lista de teorias que vai desde as mais possíveis até as mais fantasiosas.



Como é possível isto acontecer? :mrgreen:

[youtube=650,535]http://www.youtube.com/watch?v=QL5Bbu63DQo[/youtube]
Bem isto passou-se em Portugal...

Há uns meses atrás foi-me relatada uma história, acontecida há 30 anos atrás, deveras interessante. Em plena Trafaria de noite, à beira do rio Tejo, foi avistada uma intensa luz, uma luz que transformava a noite em dia, vinda de um objecto não identificado que sobrevoava o rio.. etc. Decidi procurar na net, e eis que encontro o relato de outra pessoa, um relato que condiz na perfeição ao que me foi contado...

http://www.gasolim4.blogger.com.br/J15JUL79.htm

Alguém sabe algo sobre isto? Já ouviram esta história?
Porque ninguém fala disto, mas pelos vistos, isto foi presenciado por diversas pessoas da margem sul e de Lisboa...
Bem isto passou-se em Portugal...

Há uns meses atrás foi-me relatada uma história, acontecida há 30 anos atrás, deveras interessante. Em plena Trafaria de noite, à beira do rio Tejo, foi avistada uma intensa luz, uma luz que transformava a noite em dia, vinda de um objecto não identificado que sobrevoava o rio.. etc. Decidi procurar na net, e eis que encontro o relato de outra pessoa, um relato que condiz na perfeição ao que me foi contado...

http://www.gasolim4.blogger.com.br/J15JUL79.htm

Alguém sabe algo sobre isto? Já ouviram esta história?
Porque ninguém fala disto, mas pelos vistos, isto foi presenciado por diversas pessoas da margem sul e de Lisboa...

Acho que essa história já aqui foi relatada no fórum, em outro tópico, por um forista que partilhou o testemunho de um familiar directo.