Wiki Sporting, a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal

Forum SCP - A Comunidade do Sporting Clube de Portugal


Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.
Novembro 26, 2014, 20:28

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão

Anúncios:

Início Início  Ajuda Ajuda  Regras Regras  Pesquisa Pesquisa  Entrar Entrar  Registe-se Registe-se       Wiki Wiki  Links Links 
Fórum SCP - A Comunidade do Sporting Clube de Portugal Universo Sporting Clube de Portugal Redacção Porta 10-A Tópico:

ÀS ARMAS

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Páginas: « anterior 1 ... 11 12 [13] 14 15 ... 17 seguinte » Ir para o fundo Imprimir
Autor Tópico: ÀS ARMAS (Lida 33148 vezes)

Re: ÀS ARMAS , « Resposta #240 em: Fevereiro 02, 2012, 11:12 »



*
Iniciado

Mensagens: 131
Idade: 23
Masculino


Há uns dias, alguém que dizia que "neste momento preferia não ganhar títulos e salvar o clube, do que ganhar mas perdê-lo". A minha resposta foi clara e imediata: é bonito pensar assim, e é assim que deve ser. O problema é que, com esta gente no poleiro, não vamos ter uma coisa nem outra. E isto vem sendo claro como água, especialmente ao longo desta época.

No início, passado todo o trauma com os incidentes das eleições, admito que dei umas "tréguas" a esta direção, especialmente naquela boa série de resultados. Mas agora acabou, o copo verteu.

Infelizmente não sou sócio, e a distância geográfica impede-me de ser presença assídua em Alvalade. Como tal, o meu papel nesta luta terá parca importância. Ainda assim, gostaria de pedir a todos os sócios, novos ou velhos, que moram perto de Lisboa ou não: UNAM-SE E LUTEM. Ontem caiu um, mas ainda faltam muitos outros saltarem do poleiro. Se conhecerem outros sócios, falem com eles e convençam-nos a fazer o mesmo.

Não sei se há AGs agendadas mas, se houver, marquem presença e mostrem a vossa/nossa indignação. Se não houver (e isto serve também para todos os sócios que moram longe de Lisboa), inundem a SAD de cartas a mostrar o vosso/nosso desagrado. Sempre da forma mais correta possível, como é evidente. A violência não resolve nada.

Temo que, se algum dia o Sporting for vendido a um investidor estrangeiro (e esse dia está muito perto, não se iludam), nunca mais o consigamos recuperar. E isso assusta-me.

Saudações Leoninas.
Registado


Re: ÀS ARMAS , « Resposta #241 em: Fevereiro 02, 2012, 11:32 »



*
Sénior

Mensagens: 8462
Masculino


Pois, eu acho que está mesmo na altura de pegar nas Armas e fazer algum barulho... Hoje ás 12:00h em Alvalade até teria sido uma boa altura, mas essa oportunidade já passou, acho que ainda andamos todos meio "abanados" com o que se tem estado a passar, eu pelo menos estou... parece um filme e ainda por cima já sei como vai ser.

Próximas datas relevantes em Alvalade para um "ajuntamento" ... Sugestões ? Esperar por uma AG ? Depois pode ser tarde...
Isto por algum lado e de alguma maneira tem que começar.
Registado

És um verdadeiro Leão na Internet... mas ainda não és sócio? Muda isso num só minuto, faz-te sócio e sê uma voz activa/participativa no nosso clube! Precisamos da ajuda de todos os Sportinguistas! -> http://socionumminuto.pt/

A verdade sobre o Sporting da "geração" Roquette

Documentário "GOLPE NO SPORTING" - Capítulo 1 - "Os Credíveis"
Documentário "GOLPE NO SPORTING" - Capítulo 2 - "Afinação Eleitoral"
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #242 em: Fevereiro 02, 2012, 12:26 »



*
Sénior

Mensagens: 3631
Idade: 31
Localidade: Loures
Masculino


Pois, eu acho que está mesmo na altura de pegar nas Armas e fazer algum barulho... Hoje ás 12:00h em Alvalade até teria sido uma boa altura, mas essa oportunidade já passou, acho que ainda andamos todos meio "abanados" com o que se tem estado a passar, eu pelo menos estou... parece um filme e ainda por cima já sei como vai ser.

Próximas datas relevantes em Alvalade para um "ajuntamento" ... Sugestões ? Esperar por uma AG ? Depois pode ser tarde...
Isto por algum lado e de alguma maneira tem que começar.

Se a ideia for essa, a organização não devia ser publica...
Temos que ter algum cuidado com o que se organiza aqui à vista de todas...a meu ver, até o bloqueio que existe para o camarote é curto...

De resto, como é obvio, concordo! É altura de fazer alguma coisa!
Registado
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #243 em: Fevereiro 02, 2012, 14:01 »



*
Iniciado

Mensagens: 591
Idade: 25
Localidade: Lisboa
Masculino


Pois, eu acho que está mesmo na altura de pegar nas Armas e fazer algum barulho... Hoje ás 12:00h em Alvalade até teria sido uma boa altura, mas essa oportunidade já passou, acho que ainda andamos todos meio "abanados" com o que se tem estado a passar, eu pelo menos estou... parece um filme e ainda por cima já sei como vai ser.

Próximas datas relevantes em Alvalade para um "ajuntamento" ... Sugestões ? Esperar por uma AG ? Depois pode ser tarde...
Isto por algum lado e de alguma maneira tem que começar.

Se a ideia for essa, a organização não devia ser publica...
Temos que ter algum cuidado com o que se organiza aqui à vista de todas...a meu ver, até o bloqueio que existe para o camarote é curto...

De resto, como é obvio, concordo! É altura de fazer alguma coisa!

Caros Sportinguistas, a nossa situação é grave. Isso já todos nós sabemos.

Está na altura de agir.

Venho por este meio recrutar Sportinguistas devotos para a criação de um grupo de Sensibilização do Mundo Sportinguista para a Verdade. Não revelarei mais nada publicamente. O projecto é novo. Está em fase embrionária. Preciso de pessoas e ideias para levar isto para a frente.

Espero que me levem tão a sério quanto escrevo.

Quem estiver interessado que me mande PM.

Apelo à vossa alma Sportinguista para que possamos "abrir os olhos" a quem não quer ver.

SL

P.S: Não deixem de me contactar porque acham que a ideia vai morrer logo, porei a minha dedicação pessoal nisto para que não morra.
« Última modificação: Fevereiro 02, 2012, 14:07 por BTF » Registado
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #244 em: Fevereiro 02, 2012, 14:53 »



*
Sénior

Mensagens: 3180
Localidade: Lisboa
Masculino


Pois, eu acho que está mesmo na altura de pegar nas Armas e fazer algum barulho... Hoje ás 12:00h em Alvalade até teria sido uma boa altura, mas essa oportunidade já passou, acho que ainda andamos todos meio "abanados" com o que se tem estado a passar, eu pelo menos estou... parece um filme e ainda por cima já sei como vai ser.

Próximas datas relevantes em Alvalade para um "ajuntamento" ... Sugestões ? Esperar por uma AG ? Depois pode ser tarde...
Isto por algum lado e de alguma maneira tem que começar.

Se a ideia for essa, a organização não devia ser publica...
Temos que ter algum cuidado com o que se organiza aqui à vista de todas...a meu ver, até o bloqueio que existe para o camarote é curto...

De resto, como é obvio, concordo! É altura de fazer alguma coisa!

Caros Sportinguistas, a nossa situação é grave. Isso já todos nós sabemos.

Está na altura de agir.

Venho por este meio recrutar Sportinguistas devotos para a criação de um grupo de Sensibilização do Mundo Sportinguista para a Verdade. Não revelarei mais nada publicamente. O projecto é novo. Está em fase embrionária. Preciso de pessoas e ideias para levar isto para a frente.

Espero que me levem tão a sério quanto escrevo.

Quem estiver interessado que me mande PM.

Apelo à vossa alma Sportinguista para que possamos "abrir os olhos" a quem não quer ver.

SL

P.S: Não deixem de me contactar porque acham que a ideia vai morrer logo, porei a minha dedicação pessoal nisto para que não morra.
Já ganhou... Já ganhou!!
BTF ao poder!!! Vitória
Registado
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #245 em: Fevereiro 02, 2012, 15:00 »


Ex-UT2007


*
Sénior

Condecorações:Apostas NBA 2012-2013Apostas NBA 2011-2012Vencedor Torneio Sueca 2012, Fórum SCP


Mensagens: 8391
Idade: 28
Localidade: Viseu


Já ganhou... Já ganhou!!
BTF ao poder!!! Vitória

Em casa, à lareira é que estamos bem!
Registado

Re: ÀS ARMAS , « Resposta #246 em: Fevereiro 02, 2012, 15:01 »



*
Sénior

Mensagens: 3631
Idade: 31
Localidade: Loures
Masculino


Pois, eu acho que está mesmo na altura de pegar nas Armas e fazer algum barulho... Hoje ás 12:00h em Alvalade até teria sido uma boa altura, mas essa oportunidade já passou, acho que ainda andamos todos meio "abanados" com o que se tem estado a passar, eu pelo menos estou... parece um filme e ainda por cima já sei como vai ser.

Próximas datas relevantes em Alvalade para um "ajuntamento" ... Sugestões ? Esperar por uma AG ? Depois pode ser tarde...
Isto por algum lado e de alguma maneira tem que começar.

Se a ideia for essa, a organização não devia ser publica...
Temos que ter algum cuidado com o que se organiza aqui à vista de todas...a meu ver, até o bloqueio que existe para o camarote é curto...

De resto, como é obvio, concordo! É altura de fazer alguma coisa!

Caros Sportinguistas, a nossa situação é grave. Isso já todos nós sabemos.

Está na altura de agir.

Venho por este meio recrutar Sportinguistas devotos para a criação de um grupo de Sensibilização do Mundo Sportinguista para a Verdade. Não revelarei mais nada publicamente. O projecto é novo. Está em fase embrionária. Preciso de pessoas e ideias para levar isto para a frente.

Espero que me levem tão a sério quanto escrevo.

Quem estiver interessado que me mande PM.

Apelo à vossa alma Sportinguista para que possamos "abrir os olhos" a quem não quer ver.

SL

P.S: Não deixem de me contactar porque acham que a ideia vai morrer logo, porei a minha dedicação pessoal nisto para que não morra.
Já ganhou... Já ganhou!!
BTF ao poder!!! Vitória

Parece-me obvio que a altura de se fazer alguma coisa está cada vez mais proxima de passar por nós e sem sequer nos levantarmos da cadeira em que estamos sentados...

Das duas uma, ou aceitamos essa inevitabilidade sentados confortávelmente ou lutamos conforme possamos para que tal não aconteca!

Uma coisa é certa, não ficarei com o peso na consciencia por nada ter feito para evitar a venda da alma do Sporting Clube de Portugal!
Registado
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #247 em: Fevereiro 02, 2012, 15:04 »



*
Iniciado

Mensagens: 86
Idade: 19
Localidade: Faro
Masculino


Há uns dias, alguém que dizia que "neste momento preferia não ganhar títulos e salvar o clube, do que ganhar mas perdê-lo". A minha resposta foi clara e imediata: é bonito pensar assim, e é assim que deve ser. O problema é que, com esta gente no poleiro, não vamos ter uma coisa nem outra. E isto vem sendo claro como água, especialmente ao longo desta época.

No início, passado todo o trauma com os incidentes das eleições, admito que dei umas "tréguas" a esta direção, especialmente naquela boa série de resultados. Mas agora acabou, o copo verteu.

Infelizmente não sou sócio, e a distância geográfica impede-me de ser presença assídua em Alvalade. Como tal, o meu papel nesta luta terá parca importância. Ainda assim, gostaria de pedir a todos os sócios, novos ou velhos, que moram perto de Lisboa ou não: UNAM-SE E LUTEM. Ontem caiu um, mas ainda faltam muitos outros saltarem do poleiro. Se conhecerem outros sócios, falem com eles e convençam-nos a fazer o mesmo.

Não sei se há AGs agendadas mas, se houver, marquem presença e mostrem a vossa/nossa indignação. Se não houver (e isto serve também para todos os sócios que moram longe de Lisboa), inundem a SAD de cartas a mostrar o vosso/nosso desagrado. Sempre da forma mais correta possível, como é evidente. A violência não resolve nada.

Temo que, se algum dia o Sporting for vendido a um investidor estrangeiro (e esse dia está muito perto, não se iludam), nunca mais o consigamos recuperar. E isso assusta-me.

Saudações Leoninas.
Estou na mesma situação. Devido à distância que me separa de Alvalade não posso ser tão ativo quanto gostaria na vida sportinguista. Não estou fisicamente convosco mas estou espiritualmente. VENHAM ELES. PARA A LUTA SPORTINGUISTAS!
Registado

Re: ÀS ARMAS , « Resposta #248 em: Fevereiro 02, 2012, 16:01 »



*
Iniciado

Mensagens: 591
Idade: 25
Localidade: Lisboa
Masculino


Pois, eu acho que está mesmo na altura de pegar nas Armas e fazer algum barulho... Hoje ás 12:00h em Alvalade até teria sido uma boa altura, mas essa oportunidade já passou, acho que ainda andamos todos meio "abanados" com o que se tem estado a passar, eu pelo menos estou... parece um filme e ainda por cima já sei como vai ser.

Próximas datas relevantes em Alvalade para um "ajuntamento" ... Sugestões ? Esperar por uma AG ? Depois pode ser tarde...
Isto por algum lado e de alguma maneira tem que começar.

Se a ideia for essa, a organização não devia ser publica...
Temos que ter algum cuidado com o que se organiza aqui à vista de todas...a meu ver, até o bloqueio que existe para o camarote é curto...

De resto, como é obvio, concordo! É altura de fazer alguma coisa!

Caros Sportinguistas, a nossa situação é grave. Isso já todos nós sabemos.

Está na altura de agir.

Venho por este meio recrutar Sportinguistas devotos para a criação de um grupo de Sensibilização do Mundo Sportinguista para a Verdade. Não revelarei mais nada publicamente. O projecto é novo. Está em fase embrionária. Preciso de pessoas e ideias para levar isto para a frente.

Espero que me levem tão a sério quanto escrevo.

Quem estiver interessado que me mande PM.

Apelo à vossa alma Sportinguista para que possamos "abrir os olhos" a quem não quer ver.

SL

P.S: Não deixem de me contactar porque acham que a ideia vai morrer logo, porei a minha dedicação pessoal nisto para que não morra.

Só para informar que já obtive respostas e o processo já está a ganhar pernas. Juntem - se à luta!!
Registado
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #249 em: Fevereiro 02, 2012, 16:06 »



*
Sénior

Mensagens: 3180
Localidade: Lisboa
Masculino


Antes demais queria aqui expressar alguma admiração, ou não, por todas estas manifestações revoltadas em redor da auditoria agora anunciada.
Não vislumbrei em toda a apresentação um único facto que constituisse surpresa face aquilo que já era do conhecimento publico.
Ainda assim, parece-me que tal documento é uma surpresa para muitos!
De resto, aquilo que não passa de uma soma dos relatórios de conta anuais anteriores devidamente auditados, podia bem ser uma matriz para a actual situação financeira dos  três maiores clubes portugueses.
Isto com as devidas diferenças, o Porto encontra-se numa situação mais controlada e já o Benfica é neste momento o clube com o maior descontrole de contas.
Como já aqui referi, as estratégias assumidas por todos seguem uma dada matriz com as devidas nuances que têm que ver com a natureza específica de cada um dos clubes.
Dessa auditoria não se depreende gestão fraudulenta ou danosa mas, eventualmente, ruinosa.
Ainda assim, volto a relembrar que todas as diferentes direcções agiram de modo diferente adoptando estratégias distintas e até, de certo modo, reactivas face às condicionantes do processo.
Em traços gerais pode-se dizer que Roquette teve como objectivo principal do seu projecto a conversão imobiliária do património do clube com o fim, não atingível, de se tornar autónomo e auto-sustentável, de modo a fornecer fundos necessários à actividade desportiva.
Esse projecto falhou, basicamente por assentar em crédito bancário demasiado avultado para as capacidades do clube.
Já com Dias da Cunha tentou-se inverter os fluxos necessários a este equilíbrio usando-se a formação e outras mais valias criadas com os passes dos jogadores para cobrir o serviço de dívida.
No entanto, era intenção de D.Cunha que se mantivesse o projecto imobiliário inalterado ainda que fosse extremamente deficitário.
Soares Franco veio alterar significativamente esta estratégia.
Entendia ele que o Sporting, sendo um clube essencialmente desportivo, só podia relançar-se se apostasse directamente nessa vertente desportiva.
Entendia ele que o Sporting tinha, entre outros, dois factores fundamentais a explorar: a sua formação e o empenho da sua massa associativa!
Numa altura em que o serviço de divida atingia já mais de 17 milhões de euros anuais, consumindo toda e qualquer possibilidade de tornar o clube desportivamente competitivo, ele renegoceia o parte do património imobilario a fim de reduzir este valor para cerca de 11 milhões, permitindo assim libertar capital para investir directamente no plantel do clube.
Essa política financeira levou ao equilíbrio de contas durante um determinado período mas o desgaste provocado pelo desempenho desportivo que adiava indefenidamente aquilo que os adeptos mais queriam - as vitórias absolutas - levou ao fim desse ciclo.
Bettencourt teve a aura de conseguir, através de um discurso bem mais popular e enaltecedor que o seu antecessor, agregar em seu redor algum entusiasmo e empenho das massas...!
Mas nem por um momento me entusiasmou...
E aqui reside o factor primordial desta equação.
Aquilo que Bettencourt planeou foi basicamente ir reinventar duas estratégias dos seus antecessores.
A Dias da Cunha foi buscar a estratégia desportiva assente num plantel mais maduro com alguns duvidosos valores reciclados de outros campeonatos, isto tudo coordenado por elementos tidos como detentores de larga experiência pelo seu historial em outros emblemas.
Basicamente, traiu todos os valores do Sporting.
Desdenhou a formação ao ponto de empurrar dois dos mais valiosos jogadores para fora do clube - Moutinho e Veloso - enchendo o clube de jogadores fora de prazo ou sem estatuto para o clube.
Desdenhou todos os valores internos, indo buscar dirigentes pretensamente experientes como foi o caso de Costinha - verdadeiro erro de casting!
Para tal desastrosa estratégia desportiva foi rebuscar a ideia pretendida por Soares Franco de constituir obrigações sobre o capital da sociedade subscritas quase na totalidade por entidades bancarias - as famosas VMOC - mas enquanto um pretendia tornar o clube mais viável através da amortização de encargos, o outro mais não fez que desbaratar 55 milhões de euros em compras perfeitamente duvidosas...
Com a agravante de ter obtido autorização para tal alienação de capital da SAD detida pelo clube através de maioria simples enquanto SF apenas a queria desde que houvesse um empenho de uma maioria qualificada de 75% dos sócios.

A situação atingiu um descontrole total sem se vislumbrar uma estratégia definida!
Mas neste processo todo não se pode menosprezar o tal factor primordial anteriormente referido.
E esse factor são os sócios... somos nós todos!
Para além da legitimidade dos socios nas sucessivas direcções, crentes do seu sucesso, existe ainda a constante pressão que nos leva a tornar os nossos dirigentes entre heróis ou alegados ladroes consoante o sucesso desportivo...!
Somos nós próprios que determinamos as regras muito restritas sob o qual se pode mover o clube desde que alimente as massas adeptas ávidas de vitórias gloriosas...!
Por isso mesmo, só me posso rir quando alguns propõe aqui um default desportivo que leve o clube viver uma realidade espartana em nada assente em vitorias mas apenas em sobrevivência sustentada nas possibilidades financeiras do clube.

Em minha opinião, o discurso de Godinho Lopes não colhe por falta de algum realismo!
Pretender que o clube gere uma facturação de 70 milhões de euros anuais na actual situação financeira do pais é perfeita utopia.
O Sporting não existe, de facto, de não fôr um sistemático pretendente ao sucesso desportivo ainda queca par com fortes opositores directos.
Este é de resto um factor que nos coloca sempre uma imensa dúvida quanto à concretização de objectivos desportivos, uma vez que não corremos sozinhos nesse empenho!
O que já não é aceitável, para um clube da dimensão histórica e desportiva do Sporting, é que este se sinta arredado constantemente de qualquer possibilidade de competir com os seus adversários.
Mantenho a minha tese que, seja com Godinho Lopes ou outro qualquer que venha tomar o seu lugar, o futuro imediato do Sporting passa por financiamento directo privado que catapulte o clube para patamares mais elevados!
Os sócios e adeptos serão sempre saciados desde que o clube vença, esse é o desígnio do clube e o interesse fundamental dos adeptos.


 
Registado
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #250 em: Fevereiro 02, 2012, 16:28 »



*
Júnior

Mensagens: 4828
Idade: 34
Localidade: Ch. Caparica



O Sporting não existe, de facto, de não fôr um sistemático pretendente ao sucesso desportivo ainda queca par com fortes opositores directos.


Só para descomprimir um pouco.  Maldoso
Registado

A continuidade e a sua credibilidade trouxeram-nos a esta triste realidade. Basta!

Re: ÀS ARMAS , « Resposta #251 em: Fevereiro 02, 2012, 17:25 »



*
Sénior

Mensagens: 3180
Localidade: Lisboa
Masculino



O Sporting não existe, de facto, de não fôr um sistemático pretendente ao sucesso desportivo ainda queca par com fortes opositores directos.


Só para descomprimir um pouco.  Maldoso
Eh Eh!
 Rir Muito Alto
Assim é que é! Bem atento aos textos dos outros...
Registado
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #252 em: Fevereiro 02, 2012, 17:59 »


On a steel horse I ride


*

Condecorações:Membro do Ano 2012Membro do ano 2011


Mensagens: 25173
Localidade: VILA NOVA GAIA
Masculino



Como sempre, de agradável leitura e sobriedade, mas... ( ):
Citar
pepeu:


Isto com as devidas diferenças, o Porto encontra-se numa situação mais controlada e já o Benfica é neste momento o clube com o maior descontrole de contas.


Será? Pelo histórico dos R&C das 3 sociedades, não me parece de todo, isso. E já me debrucei sobre tal e comentei-o aqui no fórum, onde inclusive postei números desde o principio da década passada das 3 SADs.

Citar

Dessa auditoria não se depreende gestão fraudulenta ou danosa mas, eventualmente, ruinosa.


Sustentas isso, com base em quê? Como referiste, o documento agora apresentado não é mais que uma soma de diferentes R&C ao longo dos anos, sem análise qualitativa e mais aprofundada sobre a gestão do clube. Pedro Baltazar ( a quem não atribuo grande credibilidade ) faz referência a comportamentos pouco éticos, Nicolau Santos, numa declaração autista, entende que é tempo de olhar para o futuro, "independentemente de decisões erradas ou actos de gestão danosa do passado." Mais que nunca, a necessidade de uma auditoria de gestão é latente e tendo em conta os dirigentes que temos tido e o meu julgamento sobre a sua postura e caráter, não ponho de parte actos de gestão danosa. Não ponho.


[quote}
Para tal desastrosa estratégia desportiva foi rebuscar a ideia pretendida por Soares Franco de constituir obrigações sobre o capital da sociedade subscritas quase na totalidade por entidades bancarias - as famosas VMOC - mas enquanto um pretendia tornar o clube mais viável através da amortização de encargos, o outro mais não fez que desbaratar 55 milhões de euros em compras perfeitamente duvidosas...

[/quote]

Bettencourt não foi buscar nada. Foi o seguidor do pretendido por FSF, numa passagem de testemunho de algo pensado e estruturado anteriormente e concretizado por JEB.

Os 55M foram utilizados para reestruturar dívida. Exactamente o que FSF quis e para isso deixando a SAD potencialmente nas mãos dos bancos. JEB não desvirtuou esta operação, conclui-a.

Citar
Por isso mesmo, só me posso rir quando alguns propõe aqui um default desportivo que leve o clube viver uma realidade espartana em nada assente em vitorias mas apenas em sobrevivência sustentada nas possibilidades financeiras do clube.

Sabes porque te ris? Porque subscreves a tal inevitabilidade que temos falado. Porque assumes que manteremos a incompetência nos lugares de poder. Provavelmente sim, mas não tem que ser assim. Porque vejo tal como uma das soluções, sim. Mas com gente que saiba o que faz, com capacidade de transmitir aos sócios a realidade e também capaz de os mobilizar em redor de um ideal. Um renascer, repito, de valores intrinsecos ao Sporting, incutidos pelos fundadores. Falas de sobrevivência e é esta que está já em causa. Entendo que é possível a tal travessia no deserto que tenho falado, mas desta vez programada e validada por todos os Sportinguistas, mas com a ambição de renascermos mais fortes que nunca.

Citar
Em minha opinião, o discurso de Godinho Lopes não colhe por falta de algum realismo!
Pretender que o clube gere uma facturação de 70 milhões de euros anuais na actual situação financeira do pais é perfeita utopia.

Não é uma utopia, é demagogia.

Citar

O Sporting não existe, de facto, de não fôr um sistemático pretendente ao sucesso desportivo ainda queca par com fortes opositores directos.
Este é de resto um factor que nos coloca sempre uma imensa dúvida quanto à concretização de objectivos desportivos, uma vez que não corremos sozinhos nesse empenho!
O que já não é aceitável, para um clube da dimensão histórica e desportiva do Sporting, é que este se sinta arredado constantemente de qualquer possibilidade de competir com os seus adversários.
Mantenho a minha tese que, seja com Godinho Lopes ou outro qualquer que venha tomar o seu lugar, o futuro imediato do Sporting passa por financiamento directo privado que catapulte o clube para patamares mais elevados!
Os sócios e adeptos serão sempre saciados desde que o clube vença, esse é o desígnio do clube e o interesse fundamental dos adeptos.


Financiamento directo privado? Não te coíbas de o escrever com todas as letras: VENDA DO FUTEBOL DO SPORTING.

- Quem são os investidores/financiadores?
- Em que condições se fará essa venda?
- Por quanto?
- Capacidade de intervenção do Sporting no futebol, que já não será seu?
- Como se garantirá o pagamento das despesas fixas, não muito longe do dobro das receitas de mesmo carácter? Com o dinheiro desses investidores privados? Financiando-se na banca ( provavelmente estrangeira ), em nome da SAD? Ou com os petrodólares saídos do seu bolso?


Sem haver qualquer resposta a estas questões, colocar essa hipótese a partir do nada, entendo-a como uma validação da nossa falência como clube e não falo da económico/financeira.

Registado

Re: ÀS ARMAS , « Resposta #253 em: Fevereiro 02, 2012, 18:38 »



*
Sénior

Mensagens: 3180
Localidade: Lisboa
Masculino


@Lion73
Não me alongarei muito nas tuas considerações, perfeitamente sustentadas e legitimas ainda que de prespectivas algo diferentes das minhas mas longe de serem antagónicas.
Queria apenas centrar-me no ponto essencial: o futuro!
Isso sem evocar a ideia, aqui expressa por alguns e por ti também, que o Sporting deveria-se refundar em moldes mais modestos mas onde prevalece-se a alma...

Lion!
O Sporting é um clube enorme...
O Sporting é um clube que com a sua camisola atravessou países e continentes e fez-se grande em qualquer parte do mundo!
O Sporting é um daqueles emblemas míticos no mundo inteiro...
É verdade que os nossos adversários directos são mundialmente reconhecidos, seja pela sua história ou pelas suas conquistas recentes, mas isso só nos engrandece!
O Sporting vive há demasiado tempo suspenso numa dinâmica que não nos catapulta mas antes nos consome diariamente devido à seu constante fracasso, umas vezes obvio e evidente e outras vezes apenas por um triz...!
O Sporting precisa urgentemente de gente inteligente e empenhada à sua frente.
Gente que não tema ter que enfrentar os socios pela verdade mas que tudo faça ao seu alcance para nos tornarmos vitoriosos!
O sonho do Sporting Europeu não era nem é descabido, falta-nos apenas a estrutura física e mental necessária para o atingir...
Mas se isso, perante as circunstâncias tiver que passar por um clube partilhado com investidores estranhos ao clube...
Então eu pergunto: o quê que investidores pessoais e institucionais nos trouxeram de melhor para levar o clube onde chegou?!
Achas efectivamente que terias um clube reunido em volta de um projecto de modéstia desportiva apenas para nos conservar a alma do clube?
Registado
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #254 em: Fevereiro 02, 2012, 19:01 »



*
Júnior

Mensagens: 4828
Idade: 34
Localidade: Ch. Caparica



O Sporting não existe, de facto, de não fôr um sistemático pretendente ao sucesso desportivo ainda queca par com fortes opositores directos.


Só para descomprimir um pouco.  Maldoso
Assim é que é! Bem atento aos textos dos outros...

Claro que sim. Mesmo que não se concorde na generalidade, quem expõe os argumentos de forma correcta merece ser lido.
Registado

A continuidade e a sua credibilidade trouxeram-nos a esta triste realidade. Basta!

Re: ÀS ARMAS , « Resposta #255 em: Fevereiro 02, 2012, 19:05 »



*
Sénior

Mensagens: 3180
Localidade: Lisboa
Masculino



O Sporting não existe, de facto, de não fôr um sistemático pretendente ao sucesso desportivo ainda queca par com fortes opositores directos.


Só para descomprimir um pouco.  Maldoso
Assim é que é! Bem atento aos textos dos outros...

Claro que sim. Mesmo que não se concorde na generalidade, quem expõe os argumentos de forma correcta merece ser lido.
Obrigado pelo elogio, o que vindo da "oposição" ainda se torna mais saboroso... Positivo!
Registado
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #256 em: Fevereiro 02, 2012, 19:06 »



*
Iniciado

Mensagens: 479
Idade: 32
Masculino


Antes demais queria aqui expressar alguma admiração, ou não, por todas estas manifestações revoltadas em redor da auditoria agora anunciada.
Não vislumbrei em toda a apresentação um único facto que constituisse surpresa face aquilo que já era do conhecimento publico.
Ainda assim, parece-me que tal documento é uma surpresa para muitos!

A situação atingiu um descontrole total sem se vislumbrar uma estratégia definida!
Mas neste processo todo não se pode menosprezar o tal factor primordial anteriormente referido.
E esse factor são os sócios... somos nós todos!

Por isso mesmo, só me posso rir quando alguns propõe aqui um default desportivo que leve o clube viver uma realidade espartana em nada assente em vitorias mas apenas em sobrevivência sustentada nas possibilidades financeiras do clube.

Em minha opinião, o discurso de Godinho Lopes não colhe por falta de algum realismo!
Pretender que o clube gere uma facturação de 70 milhões de euros anuais na actual situação financeira do pais é perfeita utopia.
O Sporting não existe, de facto, de não fôr um sistemático pretendente ao sucesso desportivo ainda queca par com fortes opositores directos.

O que já não é aceitável, para um clube da dimensão histórica e desportiva do Sporting, é que este se sinta arredado constantemente de qualquer possibilidade de competir com os seus adversários.
Mantenho a minha tese que, seja com Godinho Lopes ou outro qualquer que venha tomar o seu lugar, o futuro imediato do Sporting passa por financiamento directo privado que catapulte o clube para patamares mais elevados!







Existem muitos Sportinguistas que não sabiam, nem queriam saber da situação financeira do Clube, para eles o Sporting é ir ver a bola, vibrar com o futebol e nalguns casos com as modalidades. Com certeza a maioria não é menos Sportinguista que eu ou tu. O problema é que muitos sócios e adeptos, não estavam habituados a ter que "controlar" de perto as contas do clube e foram quase sempre apanhados em contra-mão, nos últimos 16 anos, porque o clube tem sido alvo de uma gestão corrupta, continuada e com objectivos cada vez mais claros. Tentar amenizar a situação através da racionalização dos factos e utilizando nuances entre as últimas direcções, não faz com que elas sejam diferentes e que não partilhem de uma visão estratégica e interesses comuns.
O teu discurso tenta claramente "amansar" os ânimos e invocar a alternativa do investimento privado, incutindo a ideia tenebrosa de que se tivermos que ser menos competitivos durante umas épocas deixamos de existir, (como se não tivéssemos perdido competitividade a larga escala nos últimos anos).
O único investimento privado que se arrisca a entrar num clube em falência técnica e cravado de incompetência e conluios, é um que garanta que os mesmos erros não se vão repetir e que garanta poder decisivo, quer seja com vista a lucros a curto ou médio-longo prazo. Acreditar que alguém de repente, ou faseadamente, vai colocar 300 milhões num clube cheio de vícios, sem querer tirar partido disso, principalmente não estando, à mercê da vontade dos sócios é acreditar em histórias da carochinha.
O pior que fizeram ao Sporting, nem foi tirar-lhe competitividade e privar os sócios e adeptos de títulos, mas sim, hipotecar praticamente todo o património, angriado por sócios e fundadores ao longo de quase um século. O Sporting possuía entre terrenos, imóveis e numa vertente menos material, um naming e modalidades que valiam muito e de que todos nos orgulhávamos.
O mais importante antes de arrumar a casa, é culpar e responsabilizar quem devastou, não só património, mas a mística e a identidade.  
E pode-se começar logo pelos que estiveram ligados à construção do novo estádio, à venda da alvaláxia, com permissão para a instalação de um lidl na "cara" do clube, pela incompetência na construção dos mesmos, na ausência de um pavilhão para as modalidades, na academia que se revelou um negócio alheio aos interesses do Clube, na venda dos terrenos do antigo estádio, na ausência de uma sala de sócios condigna, no assassínio da identidade de uma instituição, sem o consentimento dos sócios, roubando-lhe a matriz do símbolo, tirando e pondo pormenores até no nome do Clube. Criando sub-empresas atrás de sub-empresas, nas costas dos sócios, irreconhecíveis à maioria do universo sportinguista, sem que este tivesse uma palavra sequer no processo. Para já não falar do desprezo que foi dado a antigas glórias do clube, como num famoso Sporting benfica, em que fazia anos o Peyroteo e não foi nem sequer feita referência a isso, preferiram espalhar pelas bancadas panfletos sem interesse e transmitir nos ecrãs gigantes, toda a treta que alimenta a "máquina" ferrujenta e perra que envolve a sad. A mim isso custa-me muito mais que uma derrota no futebol, ou ver centrais cheias de papagaios vermelhos, que por inércia da direcção ali papagueavam, enquanto por cima, esses roquetteiros corruptos se entretinham em conversas cheias de humor com o bigodaças do outro lado da 2ª circular. Antigo Bingo do Sporting ainda alguém se lembra?
Atribuir responsabilidades, cortar o mal pela raíz é a solução, certamente não será ficando à espera do tal mecenas que cheio de dinheiro e cheio de boa-vontade, para não roubar mais o clube aos sócios, que as coisas ficarão melhores. E mesmo que não fiquem melhores pelo menos quem encheu o bandulho à custa de várias gerações de sócios, adeptos e de fundadores, não vai sair bem de cena.
De certeza que tanto a banca, como todos aqueles que estiveram ligados às últimas direcções, se virem que tanto os sócios como os adeptos, não vão descansar até verem responsabilidades atribuídas, saltarão quais lebres à frente de um bom perdigueiro e acusarão aos seus semelhantes, danos iguais ou piores aos que fizerem ao Clube, quais cobardes cheios de remorso.


Citar
Somos nós próprios que determinamos as regras muito restritas sob o qual se pode mover o clube desde que alimente as massas adeptas ávidas de vitórias gloriosas...!  
   

Isto é uma piada?

Citar
Para além da legitimidade dos socios nas sucessivas direcções, crentes do seu sucesso, existe ainda a constante pressão que nos leva a tornar os nossos dirigentes entre heróis ou alegados ladroes consoante o sucesso desportivo...!

 Seta

Isto mesmo! As vitórias, pelo menos a mim, não me inibem de pensar que, tanto a legitimidade dos sócios, (eleições e não só), já tem um grande ponto de interrogação à frente, como a existência de conluios e roubo descarado do Clube quer na vertente patrimonial como da mística são uma grande afirmação.  



Citar
Os sócios e adeptos serão sempre saciados desde que o clube vença, esse é o desígnio do clube e o interesse fundamental dos adeptos.

Para haverem desígnios tem que existir clube e neste caso um clube com sócios com palavra activa na vida do Clube. Sacrificar tudo, inclusive a história pelos resultados, não fez concerteza parte dos desígnios projectados pelos fundadores. Muito menos dirigentes, que se aproveitam dos cargos para fins que em nada estão ligados ao Clube.
Por isso: Atribuir responsabilidades é uma necessidade!
« Última modificação: Fevereiro 02, 2012, 19:21 por Bit06 » Registado
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #257 em: Fevereiro 02, 2012, 19:27 »



*
Sénior

Mensagens: 3148


Futebol não é razão, é emoção. É paixão!
O Sporting é dos seus Sócios, Adeptos, Simpatizantes, etc.
O Sporting não se pode por na frieza dos gráficos, das engenharias, ou das afinações! A realidade do Clube tem de ser posta desportivamente, alicerçada nas vitórias! Sempre!
Registado
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #258 em: Fevereiro 02, 2012, 19:36 »


Ex-jvmartins76

No avatar!

*
Juvenil

Mensagens: 1595
Idade: 33
Localidade: Lisboa
Masculino


Antes demais queria aqui expressar alguma admiração, ou não, por todas estas manifestações revoltadas em redor da auditoria agora anunciada.
Não vislumbrei em toda a apresentação um único facto que constituisse surpresa face aquilo que já era do conhecimento publico.
Ainda assim, parece-me que tal documento é uma surpresa para muitos!


Mantenho a minha tese que, seja com Godinho Lopes ou outro qualquer que venha tomar o seu lugar, o futuro imediato do Sporting passa por financiamento directo privado que catapulte o clube para patamares mais elevados!
Os sócios e adeptos serão sempre saciados desde que o clube vença, esse é o desígnio do clube e o interesse fundamental dos adeptos.


Nem todos os sócios/adeptos/simpatizantes têm acesso a tudo o que se passa no Sporting extra-futebol.

Venda-se o clube. Em saldo que estamos na época deles. Venda-se igualmente os adeptos. A malta quer é vitórias. E tudo o resto que se lixe. Se o gajo que vier quiser por as camisolas amarelas às pintas, tudo bem!  E porquê? Porque "o desígnio do clube é a vitória".
Eu quero que o Sporting vença. Que seja o maior. A todo o custo? Sim. Nem que seja por meio a zero. Nem que seja por milagre. Nem que seja com golos de São Pedro e defesas do Anjo Gabriel.
Agora vender? Vender pá? Vender?

Prefiro um Sporting na regional a jogar com coxos e marretas mas o NOSSO Sporting. Não o Sporting do "sheike" al-ramlá vendido a tuta e meia.

Isto está mau? Está. Há culpados? Há. Sabemos quem são eles? Sim. Todos querem ver isso? Não.

Este artolas deste presidente prometeu mundos e fundos. E como é que estamos? No mesmo pá. No mesmo. Não mudou nada. Ok, se calhar mudou. Perdemos mais uma época. Oferecemos o pateta do Djaló. O homem é coxo? É. Que vai comer o raio da relva cheio de raiva? Vai. Há quem se ria por termos "despachado" o Djaló. Eu não. Porque nada pior do que um tipo f*****.

Voltando ao topico, somos nós o que pá? Mas somos nós o que. Aqui ninguém decide nada. Estamos rodeados de abutres. Enquanto houver 1 centimo vai haver 1 tipo a querer rouba-lo.

O Sporting é um clube enorme? Será que é? Ou é um clube que é amado de uma forma ENORME pelos adeptos? O que resta do Sporting? OS ADEPTOS PÁ! NADA MAIS!
Registado
Re: ÀS ARMAS , « Resposta #259 em: Fevereiro 02, 2012, 19:37 »



*
Sénior

Mensagens: 3180
Localidade: Lisboa
Masculino


Futebol não é razão, é emoção. É paixão!
O Sporting é dos seus Sócios, Adeptos, Simpatizantes, etc.
O Sporting não se pode por na frieza dos gráficos, das engenharias, ou das afinações! A realidade do Clube tem de ser posta desportivamente, alicerçada nas vitórias! Sempre!
Seta
Simples mas extremamente assertivo...!
A alma do Sporting constrói-se em redor de vitórias e sucessos.
A haver, seremos sempre um clube imenso senão definhamos longe do nosso único propósito!
Registado
Gosta deste tópico? Partilhe-o:
Páginas: « anterior 1 ... 11 12 [13] 14 15 ... 17 seguinte » Ir para o topo Imprimir
Fórum SCP - A Comunidade do Sporting Clube de Portugal Universo Sporting Clube de Portugal Redacção Porta 10-A Tópico:

ÀS ARMAS

« tópico anterior seguinte »
Ir para:

Powered by SMF 1.1.20 | SMF © 2011, Simple Machines
Tema SMFone modificado por Avantix e Paracelsus.
Optimizado para o Mozilla Firefox na resolução 1024 x 768.
© 2004 - 2010 | Fórum SCP | Alguns Direitos Reservados
Fórum não-oficial do Sporting Clube de Portugal

Ajuda | | Sitemap | Política de Privacidade