Confissão de Fernando Mendes acerca das arbitragens

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Caros,

Depois da vergonha que todos presenciámos na Taça de Portugal é preciso, mais uma vez, apontar armas a quem conspurca há décadas a verdade desportiva em Portugal.

Hoje no programa ‘Mercado’ da CMtv o ex-jogador do Sporting, Fernando Mendes, disse, mais que uma vez e preto-no-branco, que as arbitragens em Portugal são condicionadas e que ao longo dos anos o Sporting tem sido o clube mais prejudicado dos três grandes.

Em baixo coloco um link para um video com um excerto daquilo que ele disse.
As acusações que ele faz são graves já que, como é conhecido, Fernando Mendes, foi um ex-jogador do Sporting, do Benfica e do Porto.

Ele repete que havia uma diferença de tratamento em relação aos jogadores do SCP. Ora se foi jogador dos três clubes parece-me que há matéria suficiente para tornar o video do nosso interesse.

http://we.tl/IjyisMxnHH

Sei que este video não constitui prova alguma em relação à situação actual.
Penso no entanto que é ilustrativo da podridão que desde longa data corrói o futebol em Portugal.

SL.

ps: O link é válido por uma semana e fiquem à vontade para o partilhar, guardar e reproduzir.
« Última modificação: Dezembro 17, 2015, 03:12 am por psfilipe »
nada que não se soubesse já.
Sporting Sempre!
Deviam apontar nomes e quem está com a corrupção desde 1980 eles sabem-no muitíssimo bem, eu apontaria sem nenhum problema.
23-03-2013 A noite mais feliz da minha vida como Sportinguista.
A partir de agora mandamos nós e o Sporting terá o seu caminho novamente, quero vos agradecer a todos e dizer claramente para que toda a gente oiça:
Viva o Sporting Clube de Portugal! É nosso outra vez!
Palavras do Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho. Bem haja Presidente!
O problema da caça às bruxas (para além de ser sempre condicionada a quem a comanda) é a ineficácia. Já tivemos um 25 de Abril e pouco se aprendeu... Interessa muito mais delimitar o acesso a posições de relevo no futebol português, bem como branquear as funções operadas nessas posições de relevo.