Elias Trindade

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

O Elias ontem esteve mal (mesmo assim acho que defensivamente foi o melhor médio) mas não entendo muito bem tanta gente referir-se a um facto...passes falhados. O Elias foi o 2º jogador com mais eficácia ao nivel do passe. Apenas Polga foi o melhor , mas com muito menos passes

86 passes...90% certos vs 58 do Schaars com 82% certos e 91 do Rinaudo com 86% certos.

Estes números não atestam absolutamente nada sobre o valor da exibição de cada um mas desmistificam esse facto que o Elias falhou muitos passes. Pelo contrário , até foi o que falhou menos. O Schaars fez menos 30 passes e falhou mais 2. Rinaudo fez mais 5 passes e falhou mais 4 que o Elias.

Se foram adequados, pouco arriscados , etc isso é outra conversa. Mas não percebo bem essa referencia que parece que se espalha sem ter o mínimo de verdade.
My name is Ash and I am a slave. As far as I can tell, the year is 1300 A.D and I'm being dragged to my death. It wasn't always like this, I had a normal life, once.....
Ash pela parte que me toca é o que dá escrever pela ideia que se tem no jogo e nao ir ver qqr dado estatistico... :-[

Mas continuo com a mesma opiniao que o Elias ontem nao esteve bem no passe pq quando tentava fazer 1 passe com algum risco normalmente nao lhe corria bem enquanto Schaars teve boas assistencias para os colegas.
18 de Maio de 1996 eu não me esqueço e tu? R.I.P Rui Mendes
Ash pela parte que me toca é o que dá escrever pela ideia que se tem no jogo e nao ir ver qqr dado estatistico... :-[

Mas continuo com a mesma opiniao que o Elias ontem nao esteve bem no passe pq quando tentava fazer 1 passe com algum risco normalmente nao lhe corria bem enquanto Schaars teve boas assistencias para os colegas.

Também me acontece isso várias vezes  :D Mas como já li várias vezes referencia a esse aspecto , acabei por ir verificar.

E realmente os numeros não indicam nada sobre a qualidade do passe e a decisão do mesmo , o grau de dificuldade , etc (e lembro-me bem do que referes , tentou algumas rupturas ao nivel do passe que nao correram bem)
My name is Ash and I am a slave. As far as I can tell, the year is 1300 A.D and I'm being dragged to my death. It wasn't always like this, I had a normal life, once.....
Jogasse sempre como na segunda parte e a história era outra..
"O Mundo sabe que, pelo teu amor, eu sou doente..."
Esperava grandes coisas do Elias. Até agora só tenho tido decepções.
Esperava grandes coisas do Elias. Até agora só tenho tido decepções.
:great:
"I studied Italian five hours a day for many months to ensure I could communicate with the players, media and fans. Ranieri had been in England for five years and still struggled to say ‘good morning’ and ‘good afternoon." José Mourinho
Esperava grandes coisas do Elias. Até agora só tenho tido decepções.
:great:

Estou completamente de acordo. E este até foi um dos jogadores, por quem eu tinha mais expectativas no principio de época.
Tem feito aquilo que se espera de um jogador na sua posição. Se há falha que lhe aponto foram 3 ou 4 situações de finalização que poderiam ter feito a diferença. Agora um tipo que recupera bolas em tudo o que é canto, ataca e é o primeiro a defender, faz dobras aos laterais e aos extremos como vejo poucos a fazer... é um poço de força e quase 95% de qualquer médio que jogue por essa Europa fora já tinha "rebentado" há muito.

Acredito que precisasse de uma organização diferente a nível táctico, mas não estou nada desiludido com a contratação, antes pelo contrário. Mas os médios "8" têm esse papel ingrato... dá-se pouco por eles e são fundamentais dentro de qualquer táctica. Schaars sofre do mesmo. É dos que mais contribui para a qualidade da equipa mas muitos adeptos não o entendem.
Citar
Filipe Barros:

Tem feito aquilo que se espera de um jogador na sua posição. Se há falha que lhe aponto foram 3 ou 4 situações de finalização que poderiam ter feito a diferença. Agora um tipo que recupera bolas em tudo o que é canto, ataca e é o primeiro a defender, faz dobras aos laterais e aos extremos como vejo poucos a fazer... é um poço de força e quase 95% de qualquer médio que jogue por essa Europa fora já tinha "rebentado" há muito.

Acredito que precisasse de uma organização diferente a nível táctico, mas não estou nada desiludido com a contratação, antes pelo contrário. Mas os médios "8" têm esse papel ingrato... dá-se pouco por eles e são fundamentais dentro de qualquer táctica. Schaars sofre do mesmo. É dos que mais contribui para a qualidade da equipa mas muitos adeptos não o entendem.

Um "8" não joga num qualquer limbo, onde a percepção daquilo que faz em campo se torna algo difícil de descortinar. O nosso meio campo tem revelado problemas sem bola, desprotegendo a defesa, que acaba muitas vezes por levar com todas as culpas, isto  quando os médios adversários têm todo o tempo para lançar os seus avançados ou para trocar a bola entre si. Também com bola, os problemas são mais que muitos. Pouca verticalidade, inépcia quando o espaço é curto, nenhuma capacidade de desequilíbrio, incapacidade de transporte, posse e gestão de bola. Não se trata de um problema estanque ao meio campo, mas é também um problema deste. É culpado e vítima.

Onde encaixam então, os bons desempenhos de Schaars e Elias, tendo em conta o que escrevo acima? E, já agora, o futebol produzido pelo Sporting?

- Ou o que escrevo não traduz a realidade.

- Ou Elias e/ou Schaars não têm estado bem.

- Ou não são complementares. Pelo menos nos 2 vértices mais adiantados no terreno.
Parece-me claro que o maior problema do Elias e do Schaars é não serem minimamente complementares. São os dois demasiado iguais, em termos de modo de jogo, com as devidas diferenças (Elias mais rápido, Schaars com maior capacidade de passe).
Ambos Elias e Schaars fazem bem as suas funções, mas fazem o mesmo... não obstante, os jogos menos maus dos últimos tempos, coincidiram com a existência de um verdadeiro 6 (Rinaudo), um único 8 (Elias) e um 10 (Matias). Não quero com isto dizer que Elias é melhor que Schaars e vice-versa... digo que ambos em campo são desnecessários.
Se tivesse que optar por um deles ( Elias ou Schaars) sem dúvida que escolhia o Schaars. O Elias pelo que mostrou até agora nem valia metade do que demos por ele. Não consigo gostar do homem, parece que joga quando quer para além de falhar bastantes golos. Já o Schaars é um jogador de pura classe, faz bons passes, temporiza bem o jogo, ou seja pauta bem todo o jogo, para além de ser bastante regular e bater bem as bolas paradas.
Se tivesse que optar por um deles ( Elias ou Schaars) sem dúvida que escolhia o Schaars. O Elias pelo que mostrou até agora nem valia metade do que demos por ele. Não consigo gostar do homem, parece que joga quando quer para além de falhar bastantes golos. Já o Schaars é um jogador de pura classe, faz bons passes, temporiza bem o jogo, ou seja pauta bem todo o jogo, para além de ser bastante regular e bater bem as bolas paradas.

É uma escolha difícil mas escolheria o Elias. É um jogador mais rápido e que me parece que se faz sentir mais no jogo trabalhando muito com base no seu pulmão enorme. Não quero com isto dizer que o Schaars não o tem, contudo, parece-me que o Elias neste sentido é superior. O Schaars é um jogador mais posicional e mais cerebral.

Não obstante do que disse a utilização dos dois deve ser ser intercalada com os colegas que estão em campo. O Schaars é um LÍDER, um jogador com claro perfil de capitão: no nosso plantel não abundam muitos, portanto, quando não há outro para além dele com estas características, seria a minha escolha primária.
O Elias tem de ser titular por duas razões:

1) É o pulmão do meio campo (com Rinaudo de fora).

2) É o jogador mais fresco do plantel (sem lesões e sem os jogos da Liga Europa nas pernas).
O Elias tem de ser titular por duas razões:

1) É o pulmão do meio campo (com Rinaudo de fora).

2) É o jogador mais fresco do plantel (sem lesões e sem os jogos da Liga Europa nas pernas).
Tem vindo a descer de rendimento. Provavelmente desceu em conjunto com a equipa. Continuo à espera da verdadeira razão pela sua contracção (opinião pessoal).
"I studied Italian five hours a day for many months to ensure I could communicate with the players, media and fans. Ranieri had been in England for five years and still struggled to say ‘good morning’ and ‘good afternoon." José Mourinho
O Elias tem de ser titular por duas razões:

1) É o pulmão do meio campo (com Rinaudo de fora).

2) É o jogador mais fresco do plantel (sem lesões e sem os jogos da Liga Europa nas pernas).

Tão ou mais importante que essas razões é a qualidade do jogador em si. E, pelo menos na minha opinião, Elias não tem mostrado qualidade para ser titular no Sporting.

Sou da opinião de que não é compatível com Schaars, por ser da mesma posição que o holandês. Logo, em circunstâncias normais, apenas um deles jogaria, apresentando o Sporting a seguinte estrutura no meio-campo: Rinaudo-Schaars-Matías. E também defendo que Elias deveria ser aposta mais forte na sua posição e não a "10", onde tem tido um rendimento muito abaixo do esperado, e onde existem outros jogadores de grande valia (como Matías ou André Martins).

"EU AMO O SPORTING!"
"Somos guerreiros e jamais viramos a cara à luta. Morremos pelo Sporting!"
O Elias é um jogador de passe, não gosta de progredir com a bola nos pés, a sua primeira intenção é sempre passar a bola.
Em termos de recuperação da bola embora não tenha acesso a estatísticas acredito que seja dos melhores.
Não vejo porque é incompatível com o Schaars.
Vamos ver se com o Sá Pinto a privilegiar a posse o Elias aparece mais no jogo ofensivo da equipa, alias ele já demonstrou ser capaz disso.
« Última modificação: Fevereiro 25, 2012, 23:53 pm por jmbb »
Jogador completamente banal...
Jogador completamente banal...

Antecipaste-te 10 seg.
 :arrow:


Mas é que tem sido sempre isto. Neste momento anda a empatar e a estragar o meio campo do Sporting quando lá deveria estar o Matias com o resto. Mas os 8M pesam muito.
Não sou da opinião que ele é um jogador banal. O Elias é um bom jogador, mas hoje está a jogar muito mal. Substituía-lo agora pelo Matías Fernandez.