Daniel Carriço

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Bom jogo defensivamente, mas claramente não pode jogar ali. É menos um na construção e quem perde com isso é o Sporting.

Quero e exige-se que jogue a central porque já o merece claramente!!
Bom jogo defensivamente, mas claramente não pode jogar ali. É menos um na construção e quem perde com isso é o Sporting.

Quero e exige-se que jogue a central porque já o merece claramente!!
o problema é que a posiçao em que tem jogado é fundamental, e quando falta o rinaudo, nao me ocorre ninguem melhor para o substituir. a nao ser claro, quando temos que ir atra do resultado, que nao era o caso ontem. como o sá pinto disse, neste momento o mais importante é o pragmatismo.
Bom jogo defensivamente, mas claramente não pode jogar ali. É menos um na construção e quem perde com isso é o Sporting.

Quero e exige-se que jogue a central porque já o merece claramente!!
o problema é que a posiçao em que tem jogado é fundamental, e quando falta o rinaudo, nao me ocorre ninguem melhor para o substituir. a nao ser claro, quando temos que ir atra do resultado, que nao era o caso ontem. como o sá pinto disse, neste momento o mais importante é o pragmatismo.

Eu vejo pelo menos 3 opções que são mais que óbvias e que desempenham melhor o papel de nº 6 do que o Carriço: Schaars, André Santos e Renato Neto.

Até posso compreender a opção Carriço em jogos mais duros, jogos contra equipas do nível igual ou superior ao Sporting. Mas contra equipas mais fracas, considero que o Sporting deve privilegiar a posse-de-bola e não é com Carriço a trinco que conseguimos isso.
Bom jogo defensivamente, mas claramente não pode jogar ali. É menos um na construção e quem perde com isso é o Sporting.

Quero e exige-se que jogue a central porque já o merece claramente!!
o problema é que a posiçao em que tem jogado é fundamental, e quando falta o rinaudo, nao me ocorre ninguem melhor para o substituir. a nao ser claro, quando temos que ir atra do resultado, que nao era o caso ontem. como o sá pinto disse, neste momento o mais importante é o pragmatismo.

Eu vejo pelo menos 3 opções que são mais que óbvias e que desempenham melhor o papel de nº 6 do que o Carriço: Schaars, André Santos e Renato Neto.

Até posso compreender a opção Carriço em jogos mais duros, jogos contra equipas do nível igual ou superior ao Sporting. Mas contra equipas mais fracas, considero que o Sporting deve privilegiar a posse-de-bola e não é com Carriço a trinco que conseguimos isso.

Não vi nada do R. Neto que justifique esta afirmação.

Num jogo contra equipas claramente mais fracas e que sejam pouco ofensivas, concordo com a utilização do A. Santos ou, eventualmente, do Schaars a trinco.

Já o digo desde o início da época. O lugar do Carriço é a titular ao lado do Onyewu. Não havendo Onyewu é ao lado do Xandão.
Acho que fez uma exibição de mão cheia. É que o rapaz esteve bem em tudo. Juntou bem aos centrais. Dobrou bem os laterais. Limpou a sua área de acção defensivamente. E, perante um adversário a pressionar muito á frente, até saiu bem a jogar.

Fez tudo o que o Sá Pinto queria dele (um jogador forte fisicamente para se aproximar dos centrais; o Légia pressionava logo á saída da bola do Sporting, e a atacar procurava muito o jogo directo e físico para o avançado-centro). Porto seguro.

Continuaria a não ser a minha principal opção para o meio-campo defensivo. Porém, preocupa-me menos um Daniel Carriço na primeira linha do meio-campo, que um Stijn Schaars na segunda.

Porque Sá Pinto quer formar um trio atrás (centrais e trinco), e para isso o Carriço até é razoável (lembro-me de o ter comparado com o Javi Garcia - físico, posicionamento, jogo aéreo, coberturas).

Já o holandês raramente dá linhas de passe verticais; antes vem perto do trinco pedir que ele lhe dê a bola, de forma tão curta que parece duplo pivot.

Quando assim é, também se torna difícil ao trinco assumir o passe vertical - não tendo um dos médios a trabalhar para receber.

Apesar de tudo isto, para este jogo com o Rio Ave, escolhia-o para o centro da defesa. Há falta de opções lá, e ele parece escolha óbvia para o lugar, porque é como defesa-central que se pode evidenciar significativamente.

Mas, como diz o Sá Pinto, provou que pode jogar como trinco sem comprometer de todo.

E com mais confiança, com um Elias (ou AM) a trabalhar para receber mais á frente tal como Matías, e os extremos a continuarem a vir buscar ao meio do meio-campo ofensivo, até na construção pode melhorar.

Ainda assim, acredito que o Schaars vá mostrar ser o melhor para o lugar. E não vejo nenhum defesa-central com capacidade para ser melhor que o Daniel no actual momento (o Rodríguez infelizmente nem conta como aposta, pelas lesões).

Portanto, optava, para domingo, por um Daniel e um Polga atrás, com um Schaars a servir de referência á frente. Seria problemático para o Rio Ave: pressionar os centrais ou o trinco?

Qualquer um tem capacidade para passar bem, de forma vertical e perigosa, na zona onde jogam (o Carriço e o Polga ligeiramente mais atrás que o Schaars).

Mas parabéns Daniel. Cumpriste por completo os desejos - as exigências - do treinador.
Bom jogo defensivamente, mas claramente não pode jogar ali. É menos um na construção e quem perde com isso é o Sporting.

Quero e exige-se que jogue a central porque já o merece claramente!!
o problema é que a posiçao em que tem jogado é fundamental, e quando falta o rinaudo, nao me ocorre ninguem melhor para o substituir. a nao ser claro, quando temos que ir atra do resultado, que nao era o caso ontem. como o sá pinto disse, neste momento o mais importante é o pragmatismo.

Eu vejo pelo menos 3 opções que são mais que óbvias e que desempenham melhor o papel de nº 6 do que o Carriço: Schaars, André Santos e Renato Neto.

Até posso compreender a opção Carriço em jogos mais duros, jogos contra equipas do nível igual ou superior ao Sporting. Mas contra equipas mais fracas, considero que o Sporting deve privilegiar a posse-de-bola e não é com Carriço a trinco que conseguimos isso.

Não vi nada do R. Neto que justifique esta afirmação.

Num jogo contra equipas claramente mais fracas e que sejam pouco ofensivas, concordo com a utilização do A. Santos ou, eventualmente, do Schaars a trinco.

Já o digo desde o início da época. O lugar do Carriço é a titular ao lado do Onyewu. Não havendo Onyewu é ao lado do Xandão.

Nos dois primeiros jogos que foi chamado a jogar (curiosamente mal chegou a Lisboa) foi talvez o mais competente e completo do meio-campo, mas mesmo assim foi relegado para a bancada, e jogou a médio defensivo.

Nos últimos dois jogos em que participou, aí sim, não esteve muito bem.
Espero que volte á sua verdadeira posição que é defesa Central. Já chega de invenções com ele a trinco e etc. Com a lesão do Rodriguez, espero vê-lo no centro da defesa já no Domingo. Se isso não acontecer começo a não entender nada..
No Domingo que sejam Carriço e Xandão os nossos centrais titulares!
23-03-2013 A noite mais feliz da minha vida como Sportinguista.
A partir de agora mandamos nós e o Sporting terá o seu caminho novamente, quero vos agradecer a todos e dizer claramente para que toda a gente oiça:
Viva o Sporting Clube de Portugal! É nosso outra vez!
Palavras do Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho. Bem haja Presidente!
Concordo com os comentários anteriores de colocar o Carriço no seu lugar habitual mas continuo a achar que, na falta do Fito à frente da defesa e com o Schaars a jogar bem na posição 8, ele é o melhor para ocupar aquele lugar. Jogou bem, esteve forte em todas as situações, não me lembro de falhas técnicas. Gostei muito.
Sendo que Elias e Schaars, lado a lado parecem ter uma determinada tendência a anular-se, não desdenho o Schaars a 6, o Elias a 8 e o Matias a 10, levando Carriço para o centro da defesa.
«O importante é ganhar. Quer se goste mais de umas coisas e menos de outras, quer se tenha uma opinião mais para a esquerda ou mais para a direita, o que realmente importa é que cada um de nós ponha sempre os interesses do Sporting Clube de Portugal acima de qualquer gosto particular, de qualquer ataque dos nossos adversários, e tão alto que nada nem ninguém nos impeça de sermos cada vez mais fortes, ganhadores e campeões».
Sendo que Elias e Schaars, lado a lado parecem ter uma determinada tendência a anular-se, não desdenho o Schaars a 6, o Elias a 8 e o Matias a 10, levando Carriço para o centro da defesa.
A jogar em casa, um jogo que é preciso ganhar, com uma equipa teoricamente mais fraca, é um trio para assumir o jogo com atitude para ganhar. Veremos. Carriço e Xandão é a melhor dupla, mas o Folga deve continuar.
"I studied Italian five hours a day for many months to ensure I could communicate with the players, media and fans. Ranieri had been in England for five years and still struggled to say ‘good morning’ and ‘good afternoon." José Mourinho
Sendo que Elias e Schaars, lado a lado parecem ter uma determinada tendência a anular-se, não desdenho o Schaars a 6, o Elias a 8 e o Matias a 10, levando Carriço para o centro da defesa.

Eu fazia uma alteração: Elias a "6" e Schaars a "8".

"EU AMO O SPORTING!"
"Somos guerreiros e jamais viramos a cara à luta. Morremos pelo Sporting!"
Que jogaço do Carriço! Esteve em todo o lado, cheio de garra...! Tudo lhe saiu bem. Continua assim.  :mais: :clap:
Que jogaço do Carriço! Esteve em todo o lado, cheio de garra...! Tudo lhe saiu bem. Continua assim.  :mais: :clap:
:arrow: :arrow: :arrow: :arrow:
Foi o melhor do SCP!!
Soberbo e intransponível!!  :mais:  :clap:


Jorge Fernando Pinheiro de Jesus: Mais do que um excelente treinador, um adepto que sente o Sporting como nós.
Excelente jogo de Carriço esteve por todo o lado com muita garra dedicação e devoção.

Muito bem Carriço!  :clap: :clap: :clap: :clap:
23-03-2013 A noite mais feliz da minha vida como Sportinguista.
A partir de agora mandamos nós e o Sporting terá o seu caminho novamente, quero vos agradecer a todos e dizer claramente para que toda a gente oiça:
Viva o Sporting Clube de Portugal! É nosso outra vez!
Palavras do Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho. Bem haja Presidente!
Que jogaço do Carriço! Esteve em todo o lado, cheio de garra...! Tudo lhe saiu bem. Continua assim.  :mais: :clap:

 :arrow: