António Stromp - o primeiro português olímpico

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.



António Stromp nasceu a 13 de Junho de 1894, em Lisboa.

O gigantismo de seu irmão Francisco, graças ao culto venerativo que há no Sporting pela sua memória, ocultou este cidadão exemplar e um dos mais completos e extraordinários atletas que o País conheceu.

Alinhou nas primeiras categorias da equipa de futebol do Sporting em 1909, com 15 anos de idade. Como futebolista foi escolhido para todas as selecções organizadas entre 1909 e 1916, incluindo a que se deslocou ao Brasil, para disputar sete jogos entre 13 e 27 de Julho de 1913  participando em todos os encontros, e de tal forma se exibiu, que vantajosas colocações lhe foram oferecidas para que ficasse no Rio de Janeiro, mas todas recusou.

A prova do seu real valor surge 19 anos após a sua morte quando em 1940 Ribeiro dos Reis nas páginas do jornal "OS SPORTS", iniciou um curioso inquérito: Quais foram os melhores jogadores portugueses de todos os tempos, nos diferentes postos? As perguntas foram enviadas a 45 seleccionadores, recrutados entre antigos desportistas e dirigentes. Curiosamente, para o posto de extremo direito, dois futebolistas somaram igual nº de votos (16). Foram dois sportinguistas, António Stromp e Adolfo Mourão.

Desportista ecléctico, António Stromp foi uma das maiores figuras do atletismo português do seu tempo, tendo sido o primeiro atleta olímpico do Sporting Clube de Portugal.

Foi campeão de Portugal nos 100 metros em 1911,1912 e 1913 e nos 200 metros em 1912, saltador à vara, onde foi recordista entre 1911 e 1925 ,e corredor com Barreiras. Também no Ténis e na Esgrima evidenciou a melhor aptidão.

Em 1912 foi um dos seis portugueses a participar pela 1ªvez em Jogos Olímpicos, disputados em Estocolmo, com apenas 18 anos de idade. Após o desfile inaugural e ter estado hora e meia exposto ao sol, a competição começou com as eliminatórias de 100 metros, onde ainda foi 3º,entre 8 concorrentes e 4º nas de 200 metros, igualmente com oito participantes.

No dia 28 de Junho de 1914, tornou-se no primeiro atleta a ganhar uma corrida realizada no Stadium de Lisboa, ao vencer a 1ª eliminatória dos 100m, nos dos Jogos Olímpicos Nacionais, mas a partir desse ano passou a dedicar-se mais ao Futebol. Fez o seu último jogo de futebol a 1 de Abril de 1916 já sabendo que fora atacado por doença incurável da época, a sífilis. Seguiram-se cinco anos de calvário, até que a terrível doença o levou com apenas 27 anos de idade.

A 13 de Junho de 1926, o seu nome foi perpetuado pela Câmara Municipal de Lisboa, ao ser atribuído à rua onde o Sporting Clube de Portugal se encontrava instalado, no Campo Grande.

Fontes:
- Wiki Sporting
- http://www.sporting.pt

O Jornal A Bola, decidiu homenageá-lo num ano em que o Sporting faz 100 anos de Olímpismo.


Grande. Enorme. Gigante.

OBRIGADO!  :clap: :clap: :clap: :clap:
O Sporting Clube de Portugal não se resume a uma paixão por um símbolo desenhado numa camisola. É uma religião, uma ideologia, uma forma de vida!
Orgulho!

Obrigado grande leão.  :clap:
Enorme Leão! :clap:

Orgulho na história do Sporting!

É um prazer compartilhar a data de nascimento com o António Stromp.
Mais um atleta entre muitos outros que premeia o Sporting como o clube português mais especial.
Não sabia, excelente.  :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap: :clap:
23-03-2013 A noite mais feliz da minha vida como Sportinguista.
A partir de agora mandamos nós e o Sporting terá o seu caminho novamente, quero vos agradecer a todos e dizer claramente para que toda a gente oiça:
Viva o Sporting Clube de Portugal! É nosso outra vez!
Palavras do Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho. Bem haja Presidente!
 :clap: :clap:

A Virtude do Elitismo!
:clap: :clap:

A Virtude do Elitismo!

Não será do ecletismo...?

Os irmãos Stromp, e aqui em particular o António Stromp, foram um exemplo de vidas dedicadas ao desporto e ao Sporting que, à semelhança do que (não) acontece com os Violinos, deviam ser muito mais relembrados pelo clube. Exige-se uma campanha levada a cabo pelo clube que glorifique as nossas maiores figuras!
«What's with these new bands? Everyone knows Rock attained perfection in 1974, it's a scientific fact!»

Sem ajudas de regimes nem cafés com leite... SPORTING, A MAIOR POTÊNCIA DESPORTIVA NACIONAL
:clap: :clap:

A Virtude do Elitismo!

Não será do ecletismo...?

Os irmãos Stromp, e aqui em particular o António Stromp, foram um exemplo de vidas dedicadas ao desporto e ao Sporting que, à semelhança do que (não) acontece com os Violinos, deviam ser muito mais relembrados pelo clube. Exige-se uma campanha levada a cabo pelo clube que glorifique as nossas maiores figuras!

Pode ser que com a criação do novo troféu comecem a estar mais atentos a esse tipo de coisas e a explorar melhor essa vertente.

Já foi um bom ponto de partida, mas era bom que não ficassem por aqui. Contudo, duvido da sua capacidade para tal coisa.
Enorme Leão! :clap:

Orgulho na história do Sporting!

É um prazer compartilhar a data de nascimento com o António Stromp.
Não estão sós (naturalmente).  :great:
Conheço alguém que nasceu em 13.6.1984. Quase gémeos.  ;D
QUERO    UM   SPORTING
CREDÍVEL  -  LIMPO  -  AMBICIOSO
Orgulho Leonino é pouco para descrever este senhor.

Esta parte do fórum bem podia estar dividida em 3 tipos; Grande leão, Orgulho leonino e a categoria superior "Deuses Leoninos" e sem dúvida António Stromp estaria nessa categoria!

 :clap: :clap: :clap:
Citação de:  Os Sports Ilustrados nº49
Ponta direita - António Stromp (S. C. P.) Um óptimo ponta direita, entrando magnificamente. Quando muito marcado, sucumbe ligeiramente, mas é então que os adversários devem temê-lo, pois ao mais leve descuido, shoota com extraordinária rapidez ou passa ao centro, e é quase certo um goal. Corre bem com uma bola junto da linha de touch.

A propósito de um amigável entre uma selecção da AFL e o Stade Bordelais.
Orgulho Leonino é pouco para descrever este senhor.

Esta parte do fórum bem podia estar dividida em 3 tipos; Grande leão, Orgulho leonino e a categoria superior "Deuses Leoninos" e sem dúvida António Stromp estaria nessa categoria!

 :clap: :clap: :clap:


 :arrow:

MUITO OBRIGADA!  :venia:
QUE O LEÃO VOLTE A RUGIR MAIS ALTO QUE NUNCA

Parabéns Grande Leão!
Uma Honra e um Orgulho!
 :venia: :venia: :venia:
QUE O LEÃO VOLTE A RUGIR MAIS ALTO QUE NUNCA
Muito obrigado.Eterno  :venia:
Fantástica foto de um grande desportista.
“Quando os nazis levaram os comunistas, eu calei, porque, afinal, eu não era comunista. Quando eles prenderam os sociais democratas, eu calei, porque, afinal, eu não era social democrata. Quando eles levaram os sindicalistas, eu não protestei, porque, afinal, eu não era sindicalista. Quando levaram os judeus, eu não protestei, porque, afinal, eu não era judeu. Quando eles levaram a mim, não havia mais quem protestasse” (Martin Niemöller).