Reis Pinto

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Reis Pintowiki era professor, licenciado pelo Instituto Nacional de Educação Física, e praticou vários desportos, nomeadamente Ginástica, Basquetebol, Voleibol, Futebol e Remo.

Ingressou no Sporting em 1948 e passou a ser sócio em 1952. Começou na equipa principal de Voleibol, mas foi na Ginástica que se distinguiu, principalmente como treinador. Fez também parte de várias equipas técnicas da equipa principal de futebol do Sporting, como preparador físico, colaborando assim nas vitórias no Campeonato Nacional de 1962, na Taça de Portugal de 1963 e na Taça das Taças de 1964.

Como dirigente do Sporting Clube de Portugal, foi Vogal das Direcções de José Roquete e de Dias da Cunha, entre 25 de Outubro de 1996 e 12 de Julho de 2002.

Na Direcção Geral dos Desportos, foi Coordenador Nacional do Desporto, Subdirector Geral dos Desportos e finalmente Director Geral dos Desportos.

Na Câmara Municipal de Lisboa, colaborou como assessor do vereador do Desporto entre 1981 e 1982.

Na Federação Portuguesa de Ginástica foi Director Técnico de Ginástica Geral, Membro do Comité Técnico de Ginástica Geral e Presidente da Direcção.

Em 1977, o Prof. Reis Pinto foi nomeado representante do Ministério da Educação junto do Comité Intergovernamental da UNESCO em Paris. Nessa altura, esteve também em representação no MNE, no Conselho da Europa em Estrasburgo.

Contribuiu com várias publicações em revistas e livros da sua especialidade e proferiu numerosas conferências sob os mesmos temas.

Foi distinguido com inúmeras condecorações das quais se destacam:

Prémio Stromp na categoria Técnico Profissional de 1966;
Sócio de Mérito do Sporting Clube de Portugal;
A Medalha "Bons Serviços", da Federação Portuguesa de Ginástica em 1968;
A Medalha "Mérito e Bons Serviços", da Federação Portuguesa de Ginástica em 1973;
Leão de Ouro, por decisão da Assembleia Geral do Sporting Clube de Portugal realizada a 27 de Outubro de 1978;
A Medalha de Mérito Desportivo, atribuída pelo Governo Português em 1982;
A Comenda da Ordem do Infante, atribuída pela Presidência da República em 1982;
Sócio de Mérito da Federação Portuguesa de Ginástica em 1982;
A Medalha "Reconhecimento", da União Europeia de Ginástica em 1993;
O Colar "Valor, Mérito e Bons Serviços", atribuído em 1995;
O Colar "Valor, Mérito e Bons Serviços", da Federação Portuguesa de Ginástica em 1995.
O Prof. Henrique Reis Pinto foi o Patrono da Eurogym e a ele se deve a obtenção da organização da Gymnestrada que, em Julho de 2003, se realizou em Portugal.

Faleceu a 3 de Abril de 2004.



02-04-2015
Um mestre nunca morre


Henrique Reis Pinto foi o homem certo no lugar e no tempo certos. Com o seu dinamismo, empenho, carisma e dedicação, foi o rosto que catapultou a ginástica ‘leonina’ e, secundado pelo então Presidente João Rocha, elevou o número de praticantes de 400 para o valor recorde de 7.633 atletas.

Reis Pinto, que morreu faz esta semana 11 anos, praticou uma parafernália de desportos: basquetebol, futebol, voleibol, remo e, claro, ginástica. Foi convidado para dar treinos no Sporting, o Clube do seu coração, por Moura e Sá, treinador à época. Foi o início de um ‘casamento’ de 56 anos, marcado por várias inovações. Reis Pinto via a ginástica como um espectáculo, levando as classes ‘leoninas’ pelo País e pelo Mundo em saraus e eventos desportivos, que divulgaram a modalidade e o Clube e introduziu a noção de música no movimento gímnico – ao lado da mulher, Isabel Reis Pinto, que tocava piano ao vivo durante as aulas e os saraus.

O ‘Senhor Ginástica’ ocupou vários cargos de relevo: foi vogal de várias Direcções ‘leoninas’, presidente da Direcção-Geral dos Desportos, da Federação de Ginástica e da Federação Europeia, a UEG. Foi também preparador físico da equipa que conquistou a Taça das Taças, em 1964.

Leia a reportagem completa nesta edição do Jornal Sporting, que já está nas bancas.

http://www.sporting.pt/Noticias/Clube/notclube_destaquereispinto_020415_144375.asp