Oceano

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Temos agora um "Oceano" na equipa. É argentino e corta bolas como se a vida dele dependesse disso.

O Oceano era dos poucos jogadores que conhecia o Sporting muito, muito bem. Se ouvirem o que o homem hoje diz sobre o clube, vão-se rever nas palavras dele. Ele entende o clube, principalmente os aspectos positivos e as vicissitudes todas do Sportinguismo (a virtuosidade da identidade Sportinguista, a impaciência, o sobe e desce emocional, etc).



 :hand:

Gosto muito do Oceano, mas...não me revejo nas palavras dele, pelo menos em todas...

Ainda há uns dias atrás veio dizer que se devia vender um clube!  :menos:
Para mim perdeu boa parte do Sportinguismo que lhe reconhecia...quer tenha sido discurso encomendado, quer tenha sido vontade de vencer acima de todo e qualquer principio...  >:( :menos:


Francamente desapontado com as ultimas declarações do Oceano

SL
Temos agora um "Oceano" na equipa. É argentino e corta bolas como se a vida dele dependesse disso.

O Oceano era dos poucos jogadores que conhecia o Sporting muito, muito bem. Se ouvirem o que o homem hoje diz sobre o clube, vão-se rever nas palavras dele. Ele entende o clube, principalmente os aspectos positivos e as vicissitudes todas do Sportinguismo (a virtuosidade da identidade Sportinguista, a impaciência, o sobe e desce emocional, etc).



 :hand:

Gosto muito do Oceano, mas...não me revejo nas palavras dele, pelo menos em todas...

Ainda há uns dias atrás veio dizer que se devia vender um clube!  :menos:
Para mim perdeu boa parte do Sportinguismo que lhe reconhecia...quer tenha sido discurso encomendado, quer tenha sido vontade de vencer acima de todo e qualquer principio...  >:( :menos:

Não tive conhecimento dessas declarações. Claro que discordo delas. Referia-me a outras anteriores.
Temos agora um "Oceano" na equipa. É argentino e corta bolas como se a vida dele dependesse disso.

O Oceano era dos poucos jogadores que conhecia o Sporting muito, muito bem. Se ouvirem o que o homem hoje diz sobre o clube, vão-se rever nas palavras dele. Ele entende o clube, principalmente os aspectos positivos e as vicissitudes todas do Sportinguismo (a virtuosidade da identidade Sportinguista, a impaciência, o sobe e desce emocional, etc).



 :hand:

Gosto muito do Oceano, mas...não me revejo nas palavras dele, pelo menos em todas...

Ainda há uns dias atrás veio dizer que se devia vender um clube!  :menos:
Para mim perdeu boa parte do Sportinguismo que lhe reconhecia...quer tenha sido discurso encomendado, quer tenha sido vontade de vencer acima de todo e qualquer principio...  >:( :menos:

Não tive conhecimento dessas declarações. Claro que discordo delas. Referia-me a outras anteriores.

Também achei estranho estares a defende-las, não porque não haja quem as defenda, mas... :inde:

Ficam aqui as declarações:
Citar
"É inevitável que entre um investidor no Sporting"

Oceano considera inevitável a entrada de um investidor no Sporting, seja ele português ou estrangeiro.

O antigo capitão leonino encara esse cenário sem relutância, lembrando que o Man. United não perdeu identidade com a compra do clube por norte-americanos.

"Na altura em que entraram os americanos no Man. United, pensava-se que o clube ia perder a identidade e isso não sucedeu. Portanto considero que será inevitável que entre um investidor, estrangeiro ou português", começa por comentar, em entrevista a Bola Branca.



Gostei da palavra inevitável... :menos:
Só espero que independentemente de quem fique, no ou com o SCP, conte com Oceano para desempenhar funções dentro de equipas técnicas da secção de futebol. Deste tipo de continuidades não me importo  :great:

Citar
Oceano: «Jesus não faz milagres sozinho»
ADJUNTO DO IRÃO ELOGIOU TÉCNICO PORTUGUÊS
Sábado, 11 julho de 2015 | 10:46


O antigo jogador do Sporting, Oceano Cruz, deu uma entrevista ao "Correio da Manhã", publicada este sábado, na qual fala da mudança de Jorge Jesus para os leões e deixou ainda elogios ao antigo treinador do Benfica.

"Foi uma surpresa. A maioria dos portugueses não estava à espera da mudança de Jesus para um rival. Veio [Jesus] agitar o nosso futebol", disse o atual treinador adjunto da seleção do Irão.

Oceano deixou ainda elogios a JJ, mas afirmou que nenhum treinador consegue ser campeão se não tiver uma equipa à altura.

"Admiro o modo persistente e convicto que Jesus molda as equipas taticamente. É um treinador de profundo conhecimento e capacidade mas não vai fazer milagres sozinho. Um treinador precisa sempre da qualidade técnica dos seus jogadores", avançou.

O técnico disse ainda que é "importante segurar Rui Patrício, Adrien, João Mário e William Carvalho", para Jorge Jesus conseguir alcançar o sucesso no comando dos leões.

http://www.record.xl.pt/Futebol/Nacional/1a_liga/Sporting/interior.aspx?content_id=961472

Vi-o anteontem no ferry da Trafaria para Belém. A vir da Costa com a mulher.  :lol:

green lion
Muitos Parabéns por mais um ano de vida  :clap:


« Última modificação: Julho 29, 2015, 19:39 pm por tugaleo »
Grande Oceano! Parabéns!
Parabéns Grande Oceano!!! Tu foste um grande capitão com uma grande alma.

Lembro-me sempre da minha mãe me contar que eras nosso vizinho e ias muitas vezes lá a nossa casa em Almada eras tu um menino. É o único jogador do Sporting da qual eu tenho uma camisola assinada :)
Há 2 semanas atrás vi-o no casino da Madeira a jogar. Maluco.

Parabéns!
Parabens ao Oceano! Tinha uma grande alma e capacidade de sofrimento e melhorou muito a sua tecnica a medida que a sua idade ia avancando. Lembro-me de um jogo com o inter de milao em Alvalade meia final da taca uefa em que falhou golo atras de golo empatamos a zero e depois perdemos 2-0 la. Foi um grande capitao do SCP.
Citar
Oceano vê Sporting candidato. "A fasquia está elevada"

04 jul, 2017 - 12:45

Antigo capitão reconhece que a promessa de Bruno de Carvalho, Sporting campeão, é elevada, mas entende-a como natural num clube grande. Quanto à próxima época, Oceano admite a saída de alguns dos melhores jogadores do plantel.

Oceano Cruz acredita que o Sporting vai apostar tudo na conquista do campeonato na nova época, numa época em que corre o perigo de perder as principais figuras do plantel.

Em entrevista a Bola Branca, o antigo captião do Sporting considera que as palavras de Bruno de Carvalho vão ao encontro dessa ideia. "O Sporting está a pôr a fasquia mais uma vez bem lá em cima. Ouvi até pelo presidente do Sr. Presidente, quando promete o título nacional e promete que vão festejar no final da época", justifica.

"Um clube grande e em condições tem de pôr essa fasquia elevada, agora vamos ver como é que as coisas vão correr neste início de época, vamos ver quando a equipa fechar finalmente o seu plantel. Aí será a melhor altura para ver as opções que o clube terá no campeonato", avalia o adjunto de Carlos Queiroz na selecção do Irão.

Para Oceano, "nada vai mudar em relação aos últimos anos" no que à corrida ao título diz respeito. "Penso que vamos continuar com as três equipas a lutar para ganharem o título nacional", afirma, embora veja o Benfica na "pole position" das contratações e do campeonato.

"Até este momento, parece que o Benfica em termos de contratações é que tem as coisas mais avançadas, mas ainda a procissão vai no adro, ainda falta muito até ao final da janela de contratações. Mas penso que em relação à ambição das equipas nada irá mudar, vai tudo manter-se como antes", reforça o ex-treinador da equipa B dos leões.

A corrida ao título vai estar apoiada no que o Sporting faça durante o verão. Oceano compreende a necessidade de manter os principais activos, mas lembra que os clubes portugueses vivem das vendas milionárias.

"Eu acho que é difícil manter os melhores jogadores, tanto para o Sporting como para o Benfica e o Porto. Somos um país vendedor e os tubarões da Europa andam à "caça" dos nossos melhores jogadores. O Sporting tem grandes talentos e jogadores como Adrien, William, Gelson, o próprio Rui Patrício, é normal que haja uma cobiça muito grande dos clubes da Europa", sustenta.

Ainda assim, Oceano espera que o Sporting consiga assegurar a continuidade dos capitães e de Gelson Martins. "Vamos ver se o Sporting consegue mantê-los, até porque para melhorar o nível no campeonato seria óptimo manter os melhores jogadores, mas às vezes isso não é possível", lamenta.

RR