Fórum SCP

Godinho Lopes - Presidente do Sporting Clube de Portugal

0 Membros e 9 Visitantes estão a ver este tópico.



O Baltazero já lhe traçou o destino:

http://economico.sapo.pt/noticias/godinho-lopes-nao-vai-chegar-ao-fim-do-mandato_138866.html

SL

Neste ponto, não me importava nada que tivesse razão...
"O Mundo sabe que, pelo teu amor, eu sou doente..."


O Baltazero já lhe traçou o destino:

http://economico.sapo.pt/noticias/godinho-lopes-nao-vai-chegar-ao-fim-do-mandato_138866.html

SL

Neste ponto, não me importava nada que tivesse razão...


Em toda a sua opinião não deixa de ter razão e uma frase é de facto de salientar e que eu sempre costumo afirmar que é a seguinte:

Passado quase um ano sobre as eleições, não se sabe quem manda no Sporting.

Tal como está fácil de ver balburdia total!
23-03-2013 A noite mais feliz da minha vida como Sportinguista.
A partir de agora mandamos nós e o Sporting terá o seu caminho novamente, quero vos agradecer a todos e dizer claramente para que toda a gente oiça:
Viva o Sporting Clube de Portugal! É nosso outra vez!
Palavras do Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho. Bem haja Presidente!


O Baltazero já lhe traçou o destino:

http://economico.sapo.pt/noticias/godinho-lopes-nao-vai-chegar-ao-fim-do-mandato_138866.html

SL

Neste ponto, não me importava nada que tivesse razão...


Em toda a sua opinião não deixa de ter razão e uma frase é de facto de salientar e que eu sempre costumo afirmar que é a seguinte:

Passado quase um ano sobre as eleições, não se sabe quem manda no Sporting.

Tal como está fácil de ver balburdia total!

:arrow:

True story bro.
Zambrot, Lion73 e Ravanelli

Só agora é que se vi que se comentou aqui sobre o texto que escrevi no SVPN relativamente ao projecto e á questão deixada pelo Bruno de Carvalho sobre a importância do Domingos no mesmo. E só agora vi porque estive uns dias, propositadamente, sem comentar no fórum, por razões que pouco importam agora. É, ainda assim, provável que vá fazendo algumas pausas ocasionais.

Mantenho exactamente a mesma opinião que escrevi: um projecto, a nível de futebol, não é um nome, é uma ideia para o futebol do clube, procurando-se depois perfis para a levarem a cabo.

Poucos serão os presidentes no mundo que não salientaram já as competências do seu técnico e mais tarde o despediram. Inclusivamente os considerados "gestores competentes".

As grandes questões deviam ser: Qual é o projecto para o futebol do SCP? Ou, melhor dizendo, com que ideias exactamente para o futebol do Sporting é que se pensou no perfil de Domingos Paciência?

O caro BdC, neste aspecto, voltou, para mim, a falhar a ideia. Seria uma questão que colocada aqui seria aceitável, mas esperava outro tipo de raciocínio quanto à questão. É que se o Bruno, que até apresentou oficialmente o seu treinador na campanha eleitoral, fosse eleito presidente, e o Van Basten não conseguisse cumprir as suas obrigações, o BdC mantê-lo-ia, porque caso contrário o projecto acabava? Ou despedi-lo-ia, e sairia também de presidente do Sporting Clube de Portugal porque o nome escolhido para encabeçar o seu projecto, ou as suas ideias, para o futebol do SCP, não tinha feito o suficiente?

Mas pronto, isto sou eu, que até gostava de ver um candidato dizer que não se queria comprometer no período eleitoral com treinador algum, mas que dissesse o perfil de treinador que queria (a nível de ideias de jogo e de mentalidade). E que depois, imaginemos, dissesse que dentro deste perfil encontravam-se um conjunto de nomes realistas, que diria, e que acrescentaria pertencerem ao perfil desejado para o futebol do Sporting. Então como presidente, com incomparavelmente mais poder negocial, avançaria para a contratação do elemento mais competente da lista de pessoas capazes de personificar as ideias para o futebol do Clube.

Acho que todos nós nos andamos a preocupar mais com nomes e CV's passados que com ideias (o fundamental!) e capacidade de as implementar. Vi pessoas a pedirem para treinador dos juniores o Oceano e o Rui Jorge. Por terem nome, curso de treinador e experiência. Ninguém se perguntou o que é que eles pensariam que deveria ser o futebol do Sporting, e qual a capacidade que teriam de implementar essas ideias.

E o mesmo para os adjuntos: alguém sabe o que pensam eles da forma como o Sporting deve jogar? Não, pelo menos a maioria. Ainda assim, ninguém se coibe de tecer comentários tremendamente definitvos sobre a escolha. Não percebo.

(...)

Mantenho exactamente a mesma opinião que escrevi: um projecto, a nível de futebol, não é um nome, é uma ideia para o futebol do clube, procurando-se depois perfis para a levarem a cabo.

(...)

E qual é o projecto? Ou melhor, a idea? É que eu ainda não percebi.
Citar
Goncalojbcorreia:

Zambrot, Lion73 e Ravanelli

Só agora é que se vi que se comentou aqui sobre o texto que escrevi no SVPN relativamente ao projecto e á questão deixada pelo Bruno de Carvalho sobre a importância do Domingos no mesmo. E só agora vi porque estive uns dias, propositadamente, sem comentar no fórum, por razões que pouco importam agora. É, ainda assim, provável que vá fazendo algumas pausas ocasionais.

Mantenho exactamente a mesma opinião que escrevi: um projecto, a nível de futebol, não é um nome, é uma ideia para o futebol do clube, procurando-se depois perfis para a levarem a cabo.

Poucos serão os presidentes no mundo que não salientaram já as competências do seu técnico e mais tarde o despediram. Inclusivamente os considerados "gestores competentes".

As grandes questões deviam ser: Qual é o projecto para o futebol do SCP? Ou, melhor dizendo, com que ideias exactamente para o futebol do Sporting é que se pensou no perfil de Domingos Paciência?

O caro BdC, neste aspecto, voltou, para mim, a falhar a ideia. Seria uma questão que colocada aqui seria aceitável, mas esperava outro tipo de raciocínio quanto à questão. É que se o Bruno, que até apresentou oficialmente o seu treinador na campanha eleitoral, fosse eleito presidente, e o Van Basten não conseguisse cumprir as suas obrigações, o BdC mantê-lo-ia, porque caso contrário o projecto acabava? Ou despedi-lo-ia, e sairia também de presidente do Sporting Clube de Portugal porque o nome escolhido para encabeçar o seu projecto, ou as suas ideias, para o futebol do SCP, não tinha feito o suficiente?

Mas pronto, isto sou eu, que até gostava de ver um candidato dizer que não se queria comprometer no período eleitoral com treinador algum, mas que dissesse o perfil de treinador que queria (a nível de ideias de jogo e de mentalidade). E que depois, imaginemos, dissesse que dentro deste perfil encontravam-se um conjunto de nomes realistas, que diria, e que acrescentaria pertencerem ao perfil desejado para o futebol do Sporting. Então como presidente, com incomparavelmente mais poder negocial, avançaria para a contratação do elemento mais competente da lista de pessoas capazes de personificar as ideias para o futebol do Clube.

Acho que todos nós nos andamos a preocupar mais com nomes e CV's passados que com ideias (o fundamental!) e capacidade de as implementar. Vi pessoas a pedirem para treinador dos juniores o Oceano e o Rui Jorge. Por terem nome, curso de treinador e experiência. Ninguém se perguntou o que é que eles pensariam que deveria ser o futebol do Sporting, e qual a capacidade que teriam de implementar essas ideias.

E o mesmo para os adjuntos: alguém sabe o que pensam eles da forma como o Sporting deve jogar? Não, pelo menos a maioria. Ainda assim, ninguém se coibe de tecer comentários tremendamente definitvos sobre a escolha. Não percebo.


Meu caro. Eu acho que tu é que continuas a falhar na ideia fundamental. Quem apresentou o rosto de Domingos e os 2 homens fortes do futebol como o suporte de um projecto que ninguém sabe qual é? Encontras directrizes previamente definidas e um rumo ao trabalho actual da direcção? Eu não. Portanto a pergunta faz todo o sentido. Cai Domingos, um dos supostos pilares. Onde fica então o tal projecto que ninguém descortina? Não está em causa o despedimento do treinador. Não apresentava resultados, saiu.

A mesma coisa, o mesmo principio ou a falta dele, com as referências Beto, Manuel Fernandes, André Cruz, Nelson, Vidigal. Foram apresentados como "trunfos". Viste aqui qualquer sinal de planeamento estratégico e de ideia global para o futuro do clube? É que assistimos, durante meses, a nomes sem funções ( há quem continue em tal situação ) e posteriormente a sua colocação avulsa sem sinais de haver qualquer tipo de ideia programática.

A falha do projecto, não está no despedimento de um treinador. Está na sua inexistência.

(...)

Mantenho exactamente a mesma opinião que escrevi: um projecto, a nível de futebol, não é um nome, é uma ideia para o futebol do clube, procurando-se depois perfis para a levarem a cabo.

(...)

E qual é o projecto? Ou melhor, a idea? É que eu ainda não percebi.

Acho que nem eles sabem bem. Se bem que o Domingos era parte integrante e importante do mesmo...
"O Mundo sabe que, pelo teu amor, eu sou doente..."
Paulo_Lourenço,

Essa é que devia ser a grande questão! É que, tacticamente, parece-me que se foram buscar coisas bem diferentes com Domingos e agora com Sá Pinto.

Das duas uma: ou Domingos não conseguiu implementar a estratégia de futebol em que se comprometeu, ou só agora se percebeu que tipo de ideias são precisas para o futebol do SCP.

É que se o Domingos não se comprometeu... bom, aquilo que fez no Campeonato 2010/2011 em Braga prometia uma boa organização defensiva.

É o mais importante num clube como o Sporting? Foi isso que se foi procurar com Sá Pinto? Não me parece. E não sendo, não importa se o projecto acaba pelo treinador. Importa que o projecto, ou as ideias, não se mantiveram, nem estavam bem delineadas.

Lion73,

É importante também não ignorar que, oficialmente, o Domingos Paciência foi o único dos treinadores que não foi apresentado em campanha. Sob o lema de que se escolhiam dirigentes, não treinadores.

Fazendo-se deste argumento o juízo que se quiser, estou-me a limitar a evidenciar um facto. Lembro-me de, nos debates, ver tentar-se discutir quem era o melhor treinador de quem. Logicamente que quem "não tinha" não participou nisso.

Quanto ao resto, não me vale a pena reescrever. Acho que perguntar se o projecto cai é pouco inteligente, e que inteligente seria perguntar qual é o projecto ou as ideias, e como é que Domingos se enquadrava nessas ideias.

Porque despedir um treinador é algo que, ao contrário do que se lê por aqui, é perfeitamente normal, sendo os resultados tão maus. A questão é: porque foi escolhido, e qual é que foram as ideias que levaram á escolha.

Em relação aos nomes em questão, não sei o que pensam para o futebol do Sporting, nem o que fazem. Naturalmente que se foram escolhidos para terem funções devido ao nome que têm, não faz sentido!

O que acho que se continua a não perceber aqui é que há quem não tenha obrigação de se rever em tudo o que uns fazem, ou em tudo o que outros dizem.

Já concordei com algumas coisas que Bruno de Carvalho referiu, outras nem por isso. Já concordei com algumas coisas pensadas e feitas por GL, outras nem tanto.

Claro que depois é preciso fazer um balanço. Mas, ainda assim, acho que se procura muito mais legitimar as opiniões de x ou y (Bruno ou Godinho), sejam elas quais forem, ao invés de se fazer uma crítica mais distanciada. Acho-o perigoso.

É exactamente essa última frase que marca a questão. Um projecto não deve acabar porque um dos intervenientes (no caso, o Domingos) saiu. Um projecto deve acabar quando não serve os interesses do SCP.

Perguntar se sem Domingos, ainda há projecto para o futebol, acaba por ser legimitar o tal projecto - ou um conjunto de ideias para o futebol -, fazendo-o apenas depender de uma pessoa...

E isto para mim é inconcebível. No SCP ou em qualquer outro clube do Mundo.

Se o Bruno fosse presidente, e o Van Basten não resultasse, o que faria ele? Defender a sua opção pessoal, perante os maus resultados do Clube?

O importante seria, despedindo-o, ir buscar um treinador com o mesmo perfil táctico e pessoal. Para mostrar que o projecto, ou as ideias que tinha para o futebol, não dependiam da magnância de indivíduo x, mas de uma forma de pensar o futebol.
Citar
Goncalojbcorreia:

Lion73,

É importante também não ignorar que, oficialmente, o Domingos Paciência foi o único dos treinadores que não foi apresentado em campanha. Sob o lema de que se escolhiam dirigentes, não treinadores.

Fazendo-se deste argumento o juízo que se quiser, estou-me a limitar a evidenciar um facto. Lembro-me de, nos debates, ver tentar-se discutir quem era o melhor treinador de quem. Logicamente que quem "não tinha" não participou nisso.

Quanto ao resto, não me vale a pena reescrever. Acho que perguntar se o projecto cai é pouco inteligente, e que inteligente seria perguntar qual é o projecto ou as ideias, e como é que Domingos se enquadrava nessas ideias.

Porque despedir um treinador é algo que, ao contrário do que se lê por aqui, é perfeitamente normal, sendo os resultados tão maus. A questão é: porque foi escolhido, e qual é que foram as ideias que levaram á escolha.

Em relação aos nomes em questão, não sei o que pensam para o futebol do Sporting, nem o que fazem. Naturalmente que se foram escolhidos para terem funções devido ao nome que têm, não faz sentido!

O que acho que se continua a não perceber aqui é que há quem não tenha obrigação de se rever em tudo o que uns fazem, ou em tudo o que outros dizem.

Já concordei com algumas coisas que Bruno de Carvalho referiu, outras nem por isso. Já concordei com algumas coisas pensadas e feitas por GL, outras nem tanto.

Claro que depois é preciso fazer um balanço. Mas, ainda assim, acho que se procura muito mais legitimar as opiniões de x ou y (Bruno ou Godinho), sejam elas quais forem, ao invés de se fazer uma crítica mais distanciada. Acho-o perigoso.

É exactamente essa última frase que marca a questão. Um projecto não deve acabar porque um dos intervenientes (no caso, o Domingos) saiu. Um projecto deve acabar quando não serve os interesses do SCP.

Perguntar se sem Domingos, ainda há projecto para o futebol, acaba por ser legimitar o tal projecto - ou um conjunto de ideias para o futebol -, fazendo-o apenas depender de uma pessoa...

E isto para mim é inconcebível. No SCP ou em qualquer outro clube do Mundo.

Se o Bruno fosse presidente, e o Van Basten não resultasse, o que faria ele? Defender a sua opção pessoal, perante os maus resultados do Clube?

O importante seria, despedindo-o, ir buscar um treinador com o mesmo perfil táctico e pessoal. Para mostrar que o projecto, ou as ideias que tinha para o futebol, não dependiam da magnância de indivíduo x, mas de uma forma de pensar o futebol.


A pergunta que fez BdC, fi-la eu e fizeram-na outros antes da intervenção pública do ex candidato. Eu sei porque a fiz. Foi por não vislumbrar qualquer tipo de rumo ao clube, parecendo-me que se navega à vista. GL diz que não, diz que está a lançar as bases para o futuro do clube, que essas são sólidas e que não faz sentido colocar em sentido quer a estrutura, quer o treinador, elementos essencias do " projecto ". No dia a seguir, despede-o.

Já o disse. Näo está em causa o despedimento do treinador, acto de gestäo legitimo e natural. O que está em causa é o trabalho directivo, a ausência de um rumo, pelo menos que vislumbre e a recorrente recurso a 3 rostos como a base do futuro do clube. Ninguém o fez por GL. Foi ele que repetidamente lançou essa ideia.

Um projecto vive sem um treinador. Nem me parece lógico colar ideia contrária à critica que se tem feito. Mas viverá o clube sem projecto e gente capaz de o aplicar? A questão central é esta.

Esta direcção, depois do treinador italiano, espanhol e holandês, lançou para o público Domingos como treinador. Não explicitamente, mas ninguém duvidava de tal. Pois bem, o treinador ou o perfil escolhido, também poderá dar uma ideia, visivel, daquilo que se pretende para o clube, tal como as razões da sua escolha. A escolha de Domingos por parte desta direcção, que eu concordei, pelos resultados obtidos até então, seria a base de um planeamento, de um programa? Pois bem... as voltas que se deram à base do nome e nacionalidade do treinador, não eram mais que sinais da postura errática desta direcção.
Projecto? Qual projecto? O que é isso de projecto? Que raio, nunca ouvi falar em tal coisa o que é isso? Será que projecto é de comer?

O projecto falhou! Isso já nós sabemos desde 26-03-2011 quer dizer alguns, a afinação é que não falhou, pois projecto não tinham nenhum, como podia ter falhado uma coisa que não tinham, nem nunca tiveram!

Só peço que caiam de vez, afinados!

http://www.zerozero.pt/coluna.php?id=451
23-03-2013 A noite mais feliz da minha vida como Sportinguista.
A partir de agora mandamos nós e o Sporting terá o seu caminho novamente, quero vos agradecer a todos e dizer claramente para que toda a gente oiça:
Viva o Sporting Clube de Portugal! É nosso outra vez!
Palavras do Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho. Bem haja Presidente!
Projecto? Qual projecto? O que é isso de projecto? Que raio, nunca ouvi falar em tal coisa o que é isso? Será que projecto é de comer?

O projecto falhou! Isso já nós sabemos desde 26-03-2011 quer dizer alguns, a afinação é que não falhou, pois projecto não tinham nenhum, como podia ter falhado uma coisa que não tinham, nem nunca tiveram!

Só peço que caiam de vez, afinados!

http://www.zerozero.pt/coluna.php?id=451


É isso mesmo Rui Trindade.

O único projecto que eles tiveram e têm, é perpetuar a Dinastia, salvarem a pele, e continuar a enganar os Sportinguistas.


 
Objectivamente, o 'projecto' de GL e seus companheiros (com a bênção do BES) resume-se a duas ideias força :

1) Incrementar a derrapagem do défice dos 20 milhões € anuais para os actuais 30 milhões (valor estimado para a época 2011-2012), provando que os SEM Milhões valem mesmo zero (excepto para os incautos que acreditaram nisso).

2) Rezar à Virgem (ou a outra divindade) para que aconteça um qualquer milagre da 'multiplicação dos pães' neste País a caminho de uma profunda recessão, sem fim à vista.

Se o 'milagre' não surgir a culpa não será dele nem dos iluminados que o seguem, mas das Divindades que não ouviram as suas preces ...

E assim, 'safa-se' de emporcalhar ainda mais o seu cadastro.
O meu símbolo é o LEÃO não o carneiro.

Dinasta da Dívida : Roquette - 'O Projectista Falhado', Dias da Cunha - 'O Crédulo Impenitente', Soares Franco - 'O Dissimulado compulsivo', Bettencourt - 'O Visigodo Inimputável', Godinho Lopes - 'O ex-Arguido Credível'
Day AfterBruno de Carvalho  - 'O SCP é Nosso, outra vez !!!'
Peco Desculpa Chirola, se a tua idade corresponder ao teu avatar pouco mais velho que eu es, ponto1.

Ja te esquecestes , das grandes entrevisatas que vinham nos jornais dos dirigentes antes de 95 , em que diziam , que o Sporting iria conquistar a hegemonia do futebol portugues , iriam fazer um novo estadio, , ririam fazer isto e aquilo, e depois iam buscar jogadores tipo MCmadonalds, Bucovack, kustovs, Saucedos, To zes, e tantos outros que ja nem me lembro dos nomes!!

 Falavam em projectos ,mas nunca os concretizavam, pois eram iguais aos de hoje, qual e diferenca ?

Que o Sporting precisa de um novo rumo , precisa, estes enganam os Sportinguistas na tua perspectiva, e os outros antes?

O problema do Sporting ja existe ha mais de 30 anos, o problema do Sporting e um problema de identidade e sobretudo de muito mais ambicao e no futebol a ambicao e as dividas estao interligadas e isso so se combate vencendo , mas para isso e preciso construir projectos futebolisticos tendo em conta o presente , mas para isso e necessario comprar jogadores vencedores!!
Isto e tao simples!!
Eu sou teimoso, e fora deste contexto ninguem me consegue convencer!!
A culpa não é dos sem projecto. (para além da afinação)-
É dos que ainda vão atrás do foguetório e que são incapazes de quebrar com a continuidade.
« Última modificação: Fevereiro 25, 2012, 20:00 pm por Chico Gil »
QUERO    UM   SPORTING
CREDÍVEL  -  LIMPO  -  AMBICIOSO
Projecto? Qual projecto? O que é isso de projecto? Que raio, nunca ouvi falar em tal coisa o que é isso? Será que projecto é de comer?

O projecto falhou! Isso já nós sabemos desde 26-03-2011 quer dizer alguns, a afinação é que não falhou, pois projecto não tinham nenhum, como podia ter falhado uma coisa que não tinham, nem nunca tiveram!

Só peço que caiam de vez, afinados!

http://www.zerozero.pt/coluna.php?id=451


É isso mesmo Rui Trindade.

O único projecto que eles tiveram e têm, é perpetuar a Dinastia, salvarem a pele, e continuar a enganar os Sportinguistas.


 

Chirola,

Claro, essa é a mais pura verdade e só não vê quem não quer ver.

Não existe mais nada o problema é que na hora do voto quem não consegue ver nada ou não quer ver o que ainda é mais grave, vai lá ajudar á continuidade.

Muitos tem de certeza direito a cadeirinha ou por outro lado são levado de camioneta para votar com oferta de alguma coisita ou ainda como nas eleições são pagos para armar barulho conseguindo assim gamebox de borla e coisa e tal, certo é que é assim que vão dando com o seu voto continuidade a toda esta mediocridade.

Gostem ou não gostem eu luto pelo Sporting Clube de Portugal a cadeirinha a mim não me diz nada de nada. Estou farto desta mediocridade e desta mentira, chega, basta de afinação.

SL
« Última modificação: Fevereiro 25, 2012, 19:31 pm por ruitrind »
23-03-2013 A noite mais feliz da minha vida como Sportinguista.
A partir de agora mandamos nós e o Sporting terá o seu caminho novamente, quero vos agradecer a todos e dizer claramente para que toda a gente oiça:
Viva o Sporting Clube de Portugal! É nosso outra vez!
Palavras do Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho. Bem haja Presidente!
Com ou sem projecto, foi neles que a maioria votou.

Se a maioria quer ver o clube destruido...
...a solução para fugir à vontade da maioria, é arranjar um dono para o clube, mas essa solução também não parece interessar.

Se indo a votos eles ganham sempre, e se arranjar um dono não é solução, como é que esperam fugir da Dinastia sem ser quando eles decidirem que já não vale a pena continuar?
Peco Desculpa Chirola, se a tua idade corresponder ao teu avatar pouco mais velho que eu es, ponto1.

Ja te esquecestes , das grandes entrevisatas que vinham nos jornais dos dirigentes antes de 95 , em que diziam , que o Sporting iria conquistar a hegemonia do futebol portugues , iriam fazer um novo estadio, , ririam fazer isto e aquilo, e depois iam buscar jogadores tipo MCmadonalds, Bucovack, kustovs, Saucedos, To zes, e tantos outros que ja nem me lembro dos nomes!!

 Falavam em projectos ,mas nunca os concretizavam, pois eram iguais aos de hoje, qual e diferenca ?

Que o Sporting precisa de um novo rumo , precisa, estes enganam os Sportinguistas na tua perspectiva, e os outros antes?

O problema do Sporting ja existe ha mais de 30 anos, o problema do Sporting e um problema de identidade e sobretudo de muito mais ambicao e no futebol a ambicao e as dividas estao interligadas e isso so se combate vencendo , mas para isso e preciso construir projectos futebolisticos tendo em conta o presente , mas para isso e necessario comprar jogadores vencedores!!
Isto e tao simples!!
Eu sou teimoso, e fora deste contexto ninguem me consegue convencer!!

É interessante comparares Bukovacs, Kostovs, McDonalds, Saucedos ou Tozes... Porém não podemos comparar com Carlos Miguel, Gimenez, Hanuch, Ayew, Tello ou Pongolles porque foram muito mais caros... Temos lixo que nos chegou nos últimos 16 anos o qual poderia servir de comparação, mais milhão ou menos milhão... Apesar da Lei Bosman ter alargado a quantidade de lixo e de milhões colocados no buraco...
Também podíamos comparar jogadores como Lusinho, Douglas, Balacov, com Liedson, André Cruz ou Duscher...

O que não podemos comparar é no fosso cavado a nível patrimonial e financeiro... Desportivamente continuámos praticamente iguais... No entanto estoiramos o património do Clube e as finanças do mesmo, para manter o mesmo nível de resultados...

Hipotecámos completamente o presente e o futuro do Clube. Por muito teimoso que sejas, o contexto dos números é difícil de não ficares convencido...

Posso recordar a nossa situação financeira e dizer-te que comprar jogadores vencedores não chega... Nem com Ronaldo e Nani chegou. Pelo menos com a actual alarvidade de custos e a fraca capacidade de receitas, tendo em conta a dimensão do Clube.
"Reforçamos ainda a solução que temos vindo a defender para a sustentabilidade do Clube:
a)   O afastamento do Clube de todos os dirigentes envolvidos no “Projecto Roquette” e com responsabilidades na gravíssima situação actual, apuradas após a realização de uma verdadeira auditoria de gestão. Pedido de indemnização cível pelos danos causados ao Sporting Clube de Portugal;
b)    A renegociação firme, corajosa e realista da dívida bancária, de forma a reduzir drasticamente os encargos financeiros anuais; 
c)    A redução drástica dos custos com pessoal, como ponto de partida para que se alcance o equilíbrio da exploração operacional. Se analisarmos as últimas épocas, bem como o descalabro no balanço entre contratações e vendas de jogadores, facilmente verificamos duas realidades: (i) maior investimento não tem sido sinónimo de maior rendimento desportivo, (ii) os maiores encaixes financeiros com venda de jogadores foram com jogadores formados no Clube, e não com jogadores adquiridos pelas administrações e gestores de activos profissionais da SAD."
 - Candidatura Independente ao Conselho Fiscal e Disciplinar
http://cabelodoaimar.blogspot.com/2012/02/entrevista-marinho-neves.html

Será que uma das toupeiras utilizadas por pdc e valentim tinha o nome de Luís Godinho Lopes.

Não meto as mãos no fogo por ninguém... mas enquadra-se mais num Carlos Freitas (ele estava no clube nessa altura?) ou outro artista assim. Resta saber se a toupeira tinha competências na direcção ou na SAD do clube.

COSA NOSTRA olha aqui:

...

Já que falas nisso, estive a fazer um pouco de pesquisa e encontrei algumas frases "curiosas" que o Marinho Neves foi deixando no seu facebook:

Citar
Os grandes clubes portugueses, nomeadamente os da capital, ainda não perceberam que têm os clubes pejados de espiões. Mails do Benfica caem nas mãos do Porto? Pois é meus amigos: Quando trabalhava no Sporting fazia relatórios semanais para serem entregues ao presidente Dias da Cunha, sobre estratégias de bastidores adoptadas pelos adversários. Quando dei por ela, havia alguém no Sporting que mal recebia os meus relatórios os enviava para Pinto da Costa e Valentim Loureiro. E esse espião está de novo no Sporting. Não aprendem.

Supostamente referindo-se à queixa que o Sporting fez das arbitragens no inicio do campeonato:
Citar
O Sporting tem alguma razão e Godinho Lopes revelou coragem. Mas foi ele que escolheu para director desportivo um Dragão de quatro costados. Um director desportivo que já foi despedido do Sporting 3 vezes. Que no tempo de Dias da Cunha estava aliado com Valentim Loureiro e o presidente do seu clube!

Citar
Tudo isto quer dizer que o Sporting tem sido muito bem gerido nos últimos anos. E para gravar mais a situação, Godinho contratou para director desportivo o homem que levou esses jogadores para Braga e.... também para o porto.....pela porta das traseiras.

Citar
O Sporting faz-me lembrar o povo português: farta-se de ser roubado, mas não aprende

...
« Última modificação: Fevereiro 25, 2012, 20:42 pm por Green_Heart »
És um verdadeiro Leão na Internet... mas ainda não és sócio? Muda isso num só minuto, faz-te sócio e sê uma voz activa/participativa no nosso clube! Precisamos da ajuda de todos os Sportinguistas! -> https://socionumminuto.pt

A verdade sobre o Sporting da "geração" Roquette

Documentário "GOLPE NO SPORTING"
Com ou sem projecto, foi neles que a maioria votou.

Mentira. :great:

Bruno de Carvalho teve mais votantes do que Godinho Lopes. O que "deu" a vitória a Godinho Lopes foi a suposta diferença no número de votos(sócio.

Pertenecemos a aquellos que lo dan todo por una idea, dicen que estamos en extinción, puede que seamos los últimos rebeldes, pero con la convicción de luchar hasta el final por lo que defendemos. Recorremos miles de kilómetros sin la seguridad de volver todos enteros a casa, sin el aplauso de nadie... Porque no lo necesitamos, porque nosotros preferimos seguir a nuestro equipo donde vaya, que quedarnos en casa viendo la televisión.
Venid con nosotros, vuestra vida no será mejor, eso no lo podemos garantizar, pero si aseguramos que vivirás verdaderamente.                     POLITICAMENTE INCORRECTOS!


FORÇA & HONRA
Com ou sem projecto, foi neles que a maioria votou.

Se a maioria quer ver o clube destruido...
...a solução para fugir à vontade da maioria, é arranjar um dono para o clube, mas essa solução também não parece interessar.

Se indo a votos eles ganham sempre, e se arranjar um dono não é solução, como é que esperam fugir da Dinastia sem ser quando eles decidirem que já não vale a pena continuar?

   A maioria não votou no Godinho.