[Eleições SCP 2011] Impugnação das eleições?

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

***** Abril 19, 2011, 17:05 pm
Acho esta claramente a melhor opção a tomar. Serás o nosso presidente, mais uma vez, Bruno, dentro de 3 anos. E aí serás empossado.
Querem acabar de vez com a nossa paixão!
Não vamos deixar... porque nunca desistimos de ti!
****** Abril 19, 2011, 17:07 pm
Porque sou defensor da Verdade, lamento que o processo não avance.

Mas compreendo, e sobretudo respeito, a posição do Presidente Bruno de Carvalho. Espero, acima de tudo, que não desista da sua luta pelo Sporting e que a continue, agora noutros moldes, estando presente em AGs, propondo alteração dos Estatutos e outras medidas que considere que engrandeçam o Sporting.

Espero também que mantenha a sua posição de não se sentir à mesa com aqueles que o ofenderam de forma baixa durante a campanha eleitoral, bem como aos seus apoiantes. E que deixe este ponto bem claro para que não existam dúvidas.

Posto isto, este tópico deixa de fazer sentido. Reafirmo que, pelo capital de confiança que conquistou, Bruno de Carvalho terá no futuro o benefício da dúvida sobre qualquer assunto. Eu cá estarei receptivo a ouvir todas as suas propostas e intervenções, bem como estarei, provavelmente, a seu lado nas próximas eleições, sejam elas quando forem.
"O Sporting é nosso outra vez!"
* Abril 19, 2011, 17:07 pm
Compreendo esta posição, apesar de algum desapontamento... não pelas qualidades do BdC, mas porque era importantissimo que o dia 26 de Março fosse clarificado e não fosse esta mancha no nosso clube... porque a é, na nossa história, nos nossos valores, na essência do que eu penso ser Sportinguista.

Seria pedir demais ao Bruno que fosse o sacrificado, imolado por uma campanha que ainda perdura e que neste momento tem como objectivo o branqueamento de um momento negro da nossa história. Este é um sapo que tenho que engolir.


Espero que BdC continue, no futuro, com a mesma vontade de ser presidente do SCP.
* Abril 19, 2011, 17:11 pm
Estou totalmente de acordo com o Bruno de Carvalho, neste momento a luta deve ser feita para a alteração dos estatutos.

Só dessa forma poderemos mais tarde ter umas eleições transparentes com uma comissão de eleição externa ao clube, entre vários outros factores.

Bruno de Carvalho... estamos contigo....  :great:
Abril 19, 2011, 17:14 pm
A quem deveria caber a responsabilidade pelo apuramento da verdade do acto eleitoral era a quem foi atribuída a vitória.
Governar com dúvidas sobre a legitimidade é péssimo.
Nas costas do Godinho e da sua equipa, será um peso insuportável.
É o pior défice de autoridade que o Godinho poderia ter, quando, ainda por cima, acresce uma fraquíssima percentagem de votos (Rocha, quando o conheci, esmagou Marcelino de Brito, Gonçalves, Cintra, Lopes, Roquete, Cunha, Franco, Betencourt sempre tiveram bem mais de 60%) e até reuniu um menor nº de votantes que o 2º classificado na afinação.
Com este quadro, Godinho revela bem a sua fraquíssima estirpe ao não mexer uma palha para dissipar toda e qualquer dúvida.
*** Abril 19, 2011, 17:19 pm
Compreendo esta posição, apesar de algum desapontamento... não pelas qualidades do BdC, mas porque era importantissimo que o dia 26 de Março fosse clarificado e não fosse esta mancha no nosso clube... porque a é, na nossa história, nos nossos valores, na essência do que eu penso ser Sportinguista.

Seria pedir demais ao Bruno que fosse o sacrificado, imolado por uma campanha que ainda perdura e que neste momento tem como objectivo o branqueamento de um momento negro da nossa história. Este é um sapo que tenho que engolir.


Espero que BdC continue, no futuro, com a mesma vontade de ser presidente do SCP.

Confirmou-se o que já à imenso tempo tinha percebido, a montanha pariu um rato, contudo, agora, com esta atitude de pôr os interesses do SCP à frente dos seus, só tenho de louvar, e por tal tem os meus aplausos, sem reservas...
**** Abril 19, 2011, 17:24 pm
Escolheu a decisão mais sensata. Embora fique com pena que as "afinações" não sejam julgadas pela justiça e a verdade seja reposta, continuar esta luta só serviria para desgastar a sua imagem numa próxima eleição.  

Acho que o meu Sportinguismo ganhou um novo fôlego ao ver que ele vai continuar a lutar, e a ser uma voz activa no clube.
E o Bruno tem de começar já a trabalhar, porque sabendo quem está no poder, mais tarde ou mais cedo vão haver novas eleições. E porquê ?? Porque esta gente, mesmo que quisesse, não sabe fazer melhor que isto, e esta é a última oportunidade para os (c)roquettes fazerem algo pelo clube. Sem querer fazer futurologia, se as coisas continuaram no seu rumo normal, daqui a um ano teremos novas eleições. É para aí que o Bruno tem de apontar baterias.

FORÇA BRUNO !! SERÁS O NOSSO PRESIDENTE !!!

FORÇA SPORTING !!!
Matias Fernandez (2009-2012) - Obrigado pelas boas memórias. Para sempre EL CRÁ !

" de pensar que o Sporting é muito grande !! São estas coisas que valem muito para o clube, são estas coisas que trazem Sportinguismo ao clube. Isto não é quantificável, não são 6, 7%, isto é o Sporting !!!
Isto traz coisas muito importantes ao Sporting, fervor Sportinguista acima de tudo!"
by Leão Benedito
***** Abril 19, 2011, 17:25 pm
BdC não tinha outra opção.

Valores mais altos se levantam: os do SPORTING CLUBE DE PORTUGAL.

E quando assim é, não há nada a fazer.
.
Ele tem de explicar-se bem claramente das razões quer desta luta(dados em que baseou a PC), quer deste "recuo" com ou sem aspas!
Para as pessoas as porem(as aspas).i
QUERO    UM   SPORTING
CREDÍVEL  -  LIMPO  -  AMBICIOSO
Abril 19, 2011, 17:28 pm
BdC não tinha outra opção.

Valores mais altos se levantam: os do SPORTING CLUBE DE PORTUGAL.

E quando assim é, não há nada a fazer.
.
Ele tem de explicar-se bem claramente das razões quer desta luta(dados em que baseou a PC), quer deste "recuo" com ou sem aspas!
Para as pessoas as porem(as aspas).i

Sem dúvida, sob pena de lhe serem atribuídas outras intenções que não as da defesa da verdade.

Se alguém ouviu a conferência, o que é que ele disse sobre as razões da desistência?
** Abril 19, 2011, 17:29 pm
Bdc tomou a decisão correcta, apesar de eu ter querido que a providência cautelar tivesse ido avante para restabelecer a verdade no clube. A luta agora é a de mudar os estatutos e Bdc deve focar as suas energias nas próximas eleições, se estiver nos seus desígnios uma nova candidatura. Se isto tivesse ido para a frente ele só teria arruinado as hipóteses de vencer as próximas eleições.
* Abril 19, 2011, 17:30 pm
Compreendo esta posição, apesar de algum desapontamento... não pelas qualidades do BdC, mas porque era importantissimo que o dia 26 de Março fosse clarificado e não fosse esta mancha no nosso clube... porque a é, na nossa história, nos nossos valores, na essência do que eu penso ser Sportinguista.

Seria pedir demais ao Bruno que fosse o sacrificado, imolado por uma campanha que ainda perdura e que neste momento tem como objectivo o branqueamento de um momento negro da nossa história. Este é um sapo que tenho que engolir.


Espero que BdC continue, no futuro, com a mesma vontade de ser presidente do SCP.

 :arrow:

Temo até que se levasse isto para a frente ficaria muitíssimo isolado, cairia em desgraça. A maioria já se esqueceu ou já nao se importa com o que se passou dia 26, ao jeito de "epá, já que lá estao,com ou sem afinanço, é deixa-los trabalhar" ::)

A hora de BdC chegará!
"É nosso outra vez!"
* Abril 19, 2011, 17:32 pm
Infelizmente esta é a (IN)justiça que temos no nosso país... ^-^
O modo como (NÃO) funciona impede que, na maior parte dos casos, se possa fazer justiça. Além dos muitos vícios do nosso sistema judicial, o defeito mais penalizador é, sem dúvida, a injustificável DEMORA do mesmo.

Por essa razão e SÓ POR ELA, no caso vertente, o prejuízo seria sempre maior que o benefício. Custa-nos muito a todos que não se possa fazer justiça. Contudo, esta decisão de BdC foi, sem dúvida, a mais assisada, aquela que melhor defende os interesses do nosso clube. Era também a decisão que mais consenso recolhia junto dos seus apoiantes.  :clap:

Mas a luta não acaba aqui. Muito pelo contrário, COMEÇA HOJE.
Avança BdC!
Nós cá estaremos para dar a força necessária às tuas propostas. :victory:

27 de Março NUNCA MAIS!  :cartao:
Abril 19, 2011, 17:35 pm
a versão do público
Citar
O candidato derrotado nas eleições do Sporting, Bruno de Carvalho, anunciou que desistiu de contestar em tribunal os resultados do acto que elegeu Godinho Lopes para a presidência.

“Discordamos da decisão, mas acatamo-la”, disse Bruno de Carvalho relativamente à decisão do Tribunal Cível de Lisboa de indeferir a providência cautelar interposta pelo candidato na sequência das alegadas irregularidades verificadas na noite eleitoral de 26 de Março. “Poderíamos, é certo, dela recorrer e prosseguir a via judicial encetada. Mas decidimos não seguir esse caminho, tendo exclusivamente em conta os interesses do Sporting”, acrescentou.

O empresário justificou ainda a decisão com “os prazos habituais de decisão dos tribunais portugueses”, já que não seria obtido um veredicto “em tempo útil”. Na opinião de Bruno de Carvalho, tal poderia colocar em causa o futuro do Sporting, “com evidentes prejuízos para o clube”.

Bruno de Carvalho desiste assim de impugnar o acto eleitoral, concentrando-se agora numa “nova missão”: “Uma proposta de alteração aos estatutos que designadamente aumente a participação dos associados na vida do clube, bem como uma proposta de regulamento eleitoral que permita um funcionamento exemplar das futuras assembleias eleitorais”, explicou o empresário numa conferência de imprensa num hotel de Lisboa.

Sublinhando a “honra” que teve em ser candidato à presidência do Sporting, em ter eleito a mesa da assembleia-geral e nos apoios reunidos, Bruno de Carvalho reiterou a intenção de voltar a candidatar-se à liderança do clube em futuras eleições.

Sobre Godinho Lopes, disse que “com certeza cumprirá o seu projecto”. “No último jogo em Alvalade vi que estavam mais pessoas nas bancadas”, elogiou Bruno de Carvalho, destacando também o “discurso diferente” daquele praticado durante as eleições.
**** Abril 19, 2011, 17:42 pm
Mais uma versão.

«Discordamos da decisão, mas acatamo-la»

Apesar de não levar o processo judicial avante, Bruno de Carvalho quer «aproveitar o mediatismo dado» para continuar de forma activa na vida do Sporting.

Bruno de Carvalho anunciou esta terça-feira, em conferência de imprensa em Lisboa, o fim da contenda judicial, iniciada com a providência cautelar para impugnar as eleições de dia 26 de Março. Admite alguma «tristeza», mas sente que a partir de hoje «tem uma nova missão».

«Foi-nos comunicada recentemente a decisão judicial de indeferimento da providência cautelar interposta, da qual discordamos. (…) Discordamos da decisão, mas acatamo-la», disse o ex-candidato, explicando que «o efeito prático de qualquer decisão quanto às questões de fundo muito provavelmente não ocorreria em tempo útil e de forma adequada à melhor defesa dos interesses do Sporting». E que «poderia no futuro vir a ser colocado em causa, com evidentes prejuízos para o clube».

Mesmo assim, Bruno de Carvalho não ‘baixa os braços’, não vê «nenhuma razão para deixar de defender este projecto» e que prosseguirá «sem desfalecimentos, não havendo acidentes de percurso que façam desistir». A próxima proposta passa por «uma alteração dos Estatutos» e uma «regulamentação eleitoral». E para isso não precisa de reunir com Godinho Lopes.

«Quando foi eleito, o Engenheiro Godinho Lopes tinha a equipa formada. A partir dai não há necessidade da minha presença. Eram projectos distintos», sublinhou.

Quando questionado sobre a entrada do FMI e o recurso à banca por parte do actual presidente do Sporting, um dos pontos apresentados em campanha, Bruno de Carvalho acredita «ter lido que não iriam recorrer a empréstimos da banca, mas de privados».

«As notícias são muitas, não consigo ler tudo, mas creio ter lido, creio, que já não iria recorrer à banca, mas a investidores privados. Se forem investidores privados, afinal o meu projecto não era assim tão mal pensado. O tempo é bom conselheiro, e com ele os sócios vão perceber a questão dos fundos», frisou.

Bruno de Carvalho perdeu as eleições à presidência do Sporting para Godinho Lopes, a 26 de Março, numa longa noite eleitoral que fica para a história. 360 votos separaram os candidatos, com o presidente a ser anunciado às 6h00 de dia 27 de Março
A continuidade e a sua credibilidade trouxeram-nos a esta triste realidade. Basta!

* Abril 19, 2011, 17:43 pm

De nada vale afastar-se... Nas próximas eleições vai acontecer o mesmo e vão aparecer os mesmos zés a pedir para não se levantar ondas e apoiar-se o presidente ilegitimamente eleito para haver estabilidade no clube

Exacto, de nada vale afastar-se. Bruno de Carvalho é a face mais visível da oposição. Aliás, neste momento a única face visível da oposição, pois os outros prometeram desaparecer e a alguns até já caiu a máscara.

Bruno de Carvalho só desaparecerá como oposição se a actual Direcção fizer um excelente trabalho. E arrisco que nem basta ser campeão, pois terá também de recuperar as finanças. Sem isso, caem. E eles sabem disso. Não sejamos idiotas e passemos a assobiar para o lado. "Governar", liderar (como quiserem) com minoria é uma porcaria. Qualquer coisa e caem em cima. Ao mínimo erro, ao resultado menos conseguido, cai tudo em cima. E temos de ver que 63,45% dos votos foram contra a lista A (afinações, sem afinações, estou-me a borrifar, a verdade é esta, isto é indesmentível e se houve jogada, só peca por defeito).

Isto é como qualquer eleição. É como qualquer governo minoritário. Ou dá uns doces à malta e volta como maioritário (já vimos isso em Portugal) ou vai pelo ralo!

63,45% não escolheram a Lista A. E vão estar sempre à espera de dizer aos outros: "Vês, eu é que tinha razão!" (O Tuga adora esse momento e vive para ele)

Se eles se põem a jeito, é o que vai acontecer. Não tenho dúvidas.

Se a oposição desaparecer, então é que estão à vontade.

A Lista C apareceu com um resultado residual. Basicamente contavam com os votos deles, de alguns familiares e alguns amigos. Ou seja, um resultado ao nível de Abrantes Mendes. Mas chegaram aos 36,15% e chegou a ser dado como Presidente e aclamado à porta do Estádio. Só desaparece se quiser. Ou se fizer uma oposição irresponsável, ao nível das oposições parlamentares no nosso país (escolhe uma, qualquer que seja), em que o importante é dizer mal. Mas nunca dizem nada de jeito. Se ele continuar o seu discurso, se trouxer boas sugestões para o debate e para a vida do Clube, se se mantiver atento e denunciar o que vai de mal (contando com a necessária avidez da imprensa para sangue), nunca será descartado pelos sócios! E não iniciará as próximas eleições com um resultado residual. Começará, pelo menos, com 30 e tal porcento, com grande probabilidade de no imediato conquistar grande parte dos outros 27 % que não votaram nele, mas votaram contra a Lista A.

Basicamente, acho que só existem dois cenários: ou a actual Direcção faz o que tem a fazer e ganham as próximas eleições com larga maioria (porque o trabalho agradou à maioria dos sócios) ou não faz e aí a oposição ganha sem espinhas, com larga maioria de votantes (como aconteceu agora). Se Bruno de Carvalho for oposição, começa logo com um número estupidamente alto de votantes.

Agora podes dizer: "ah, mas a oposição eram 4 tipos, alguns nem muito oposição, e dividiram os votos e assim os outros ganharam". Tens razão. Mas nenhum começou com uma "almofada" de 36,15%...
“A lot of football success is in the mind. You must believe you are the best and then make sure that you are.” - Bill Shankly
Abril 19, 2011, 17:44 pm
Não concordo com a posição tomada pelo BdC mas a verdade é que era ele que se colocaria numa posição de corda ao pescoço e não eu. Sendo assim consigo entendê-la pois não duvido que o arrastar deste processo apenas iria servir para o desgastar e iria ser a desculpa apresentada por parte de continuidade perante um qualquer mau resultado.

A partir de hoje, mesmo com um processo eleitoral manhoso, não há desculpas. O boneco a quem poderiam atirar setas de cada vez que as coisas corressem mal retirou-se da história.  Agora vão ter de arranjar outra coisa qualquer para enganar o pagode.
Abril 19, 2011, 17:52 pm
[

 :arrow:

Temo até que se levasse isto para a frente ficaria muitíssimo isolado, cairia em desgraça. A maioria já se esqueceu ou já nao se importa com o que se passou dia 26, ao jeito de "epá, já que lá estao,com ou sem afinanço, é deixa-los trabalhar" ::)

A hora de BdC chegará!


Ora agora é que disseste tudo.  :arrow:
*** Abril 19, 2011, 17:54 pm
[

 :arrow:

Temo até que se levasse isto para a frente ficaria muitíssimo isolado, cairia em desgraça. A maioria já se esqueceu ou já nao se importa com o que se passou dia 26, ao jeito de "epá, já que lá estao,com ou sem afinanço, é deixa-los trabalhar" ::)

A hora de BdC chegará!


Ora agora é que disseste tudo.  :arrow:

Sou da mesma opinião, alias acredito que ate muitos ja o apelidam de "menino que nao sabe perder".

Esforço Dedicação Devoção e Glória eis o Sporting!!!
**** Abril 19, 2011, 17:56 pm
Na minha opinião, tem que participar nestes 3 anos antes de ser presidente em programas do género "prolongamento" para os sócios verem mais as suas opiniões e isso.
«O Sporting não é um meio para chegar a outro lado, nunca quis sair.É altura de ensinar os jovens da academia que o Sporting é o topo»
Rui Pedro dos Santos Patrício
*** Abril 19, 2011, 17:57 pm
Na minha opinião, tem que participar nestes 3 anos antes de ser presidente em programas do género "prolongamento" para os sócios verem mais as suas opiniões e isso.

Bem que poderia substituir ROC.

Esforço Dedicação Devoção e Glória eis o Sporting!!!