Wiki Sporting, a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal

Forum SCP - A Comunidade do Sporting Clube de Portugal


Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.
Dezembro 18, 2014, 07:26

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão

Anúncios:

Início Início  Ajuda Ajuda  Regras Regras  Pesquisa Pesquisa  Entrar Entrar  Registe-se Registe-se       Wiki Wiki  Links Links 
Fórum SCP - A Comunidade do Sporting Clube de Portugal Área da Comunidade Arquivo Eleições Sporting 2011 Tópico:

[Eleições SCP 2011] Para um Sporting mais democrático

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Páginas: « anterior 1 [2] Ir para o fundo Imprimir
Autor Tópico: [Eleições SCP 2011] Para um Sporting mais democrático (Lida 1254 vezes)

Re: Para um Sporting mais democrático , « Resposta #20 em: Janeiro 26, 2011, 10:32 »

Illicitus

Nao da para entender como  continuam a usar as eleições dos 90% como justificação para tudo. O equilíbrio patenteado nessas eleições, em todos os escaloes de numeros de votos, foi motivado apenas por um factor, para a maioria dos votantes nao existia alternativa credivel a JEB. E segundo informações do ambito publico, foi formado um grupo de trabalho para elaborar uma proposta de alteraçao estatutaria, que foi concluida e guardada na gaveta de JEB. E discordando de opiniões contrarias, este é um optimo lugar para discutir isto. Possibilita que se formem opinioes e que mais gente chegue às AG's com ideias minimamente estabelecidas.
Registado


Re: Para um Sporting mais democrático , « Resposta #21 em: Janeiro 26, 2011, 11:40 »



*
Juvenil

Mensagens: 1754
Localidade: Amadora
Masculino


Nao da para entender como  continuam a usar as eleições dos 90% como justificação para tudo. O equilíbrio patenteado nessas eleições, em todos os escaloes de numeros de votos, foi motivado apenas por um factor, para a maioria dos votantes nao existia alternativa credivel a JEB. E segundo informações do ambito publico, foi formado um grupo de trabalho para elaborar uma proposta de alteraçao estatutaria, que foi concluida e guardada na gaveta de JEB. E discordando de opiniões contrarias, este é um optimo lugar para discutir isto. Possibilita que se formem opinioes e que mais gente chegue às AG's com ideias minimamente estabelecidas.

Não foi só nas eleições dos 90%! Já vi aqui no fórum análise idêntica aplicada às eleições em que ganhou Soares Franco.

Convence-te de uma coisa: não é o sistema de voto que determina quem ganha as eleições! FSF e JEB ganhariam com percentagens idênticas mesmo que todos os sócios tivessem 1 voto!

Onde a diferenciação do número de votos tem um peso significativo é nas AGs menos frequentadas,. como é facilmente compreensível.


Cuidado também com esse projecto de alteração estatutária! Podendo algumas das medidas propostas ser vantajosas para o clube, existem outras que na minha opinião serão bastante nocivas.

Não foi à toa que JEB manteve a revisão na gaveta! Ele sabia que aprovar as novas medidas não seria pacífico e compraria uma nova guerra!


Por fim, concordo contigo que este é um excelente local para discutir estas questões.   
Registado
Re: Para um Sporting mais democrático , « Resposta #22 em: Janeiro 26, 2011, 11:57 »

Illicitus

Obvio que nao defendo a alteraçao incondicional dos estatutos tendo como base o tal projecto, que nem conheço na generalidade. Mas deveria servir de ponto inicial para uma discussão publica em torno do que temos de mudar. 
Registado
Re: Para um Sporting mais democrático , « Resposta #23 em: Janeiro 26, 2011, 12:03 »


Sporting Sempre!


*

Mensagens: 16553
Idade: 37
Localidade: Viana do Castelo
Masculino

WWW
Esta discussão não faz sentido. É a enésima vez que tem lugar aqui, e devia ter lugar era em Assembleia Geral, o único sítio onde o assunto pode ser revisto.
Curiosamente, nem no último Congresso Leonino se discutiu isso...
Podem escrever um terabyte sobre o assunto, que o resultado prático disso será o mesmo, ou seja, nulo. Como disse, só em AG é que faz sentido abordar o assunto.

Como foi dito atrás, quanto às eleições em si, nas duas últimas, aquelas em que a utilização da Internet já era generalizada, o actual sistema de votação não teve qualquer influência no resultado, bem pelo contrário. Com um sistema de votação mais linear, as listas vencedoras teriam vencido com vantagens menores.

Isto tudo prova o quão afastado está este fórum da realidade eleitoral do clube. Muitos têm uma impressão completamente desfasada da realidade em relação ao sócio votante típico. É junto desse que as discussões têm que ter lugar, e não neste fórum.
Não quero com isto dizer que não se deve discutir, apenas que isso não leva a lado nenhum. É a dura realidade.


Por essa ordem de ideias não vale a pena discutir opções do Paulo sérgio, por exemplo, não faz sentido, ele é que decide e não o faz pelo que é escrito no Fórum! Roll Eyes

Discordo completamente, a discussão faz todo o sentido, mais que não seja para a manter viva e actual! Seta
Registado

Hoje como sempre, tenho o FórumSCP na mente e o Sporting Clube de Portugal no coração!
Re: Para um Sporting mais democrático , « Resposta #24 em: Janeiro 26, 2011, 12:12 »


No avatar!

*
Sénior

Condecorações:Por Onde Andas 2008Melga 2006Talibã 2007Talibã 2006


Mensagens: 8971
Idade: 39
Localidade: Lisboa
Masculino


A alteração estatutária é fundamental, embora duvide que qualquer presidente eleito tenha margem para pegar nisso logo no início do mandato. O que as pessoas querem logo ver é resultados no futebol, mesmo que seja ao nível da atitude e comportamento dos dirigentes. Só com algum crédito, mesmo que inicial, há condições para avançar para temas de fundo como a incontornável alteração estatutária, até porque alguns temas podem gerar forte discussão (ex. mudança da distribuição de votos por antiguidade) e só um presidente com crédito positivo pode ter arcaboiço para as fazer passar.

Esclarecendo dúvidas que possam existir e visto que fiz parte dos dois ou três da lista Ser Sporting que ficaram mesmo até ao fim do dia das eleições (fui eu aliás que recebi o relatório de resultados e que o assinei em nome da lista) posso referir que a derrota nada teve a haver com a questão dos votos por antiguidade. Se fosse 1 sócio e voto o resultado seria mais ou menos o mesmo logo não foi por aí que certamente PPC ou SAM perderam como perderam (sendo que pelo que sei SAM até teve mais votos dos que pesam do que PPC).

Uma questão fundamental, e o agendamento de eleições para um sábado já é um começo é o da participação, até hoje muito condicionada pela centralização em Lisboa e por realização de AGs eleitorais e outras em dias de semana. Mas não basta. É preciso criar condições para os sócios de todo o pais (e até estrangeiro) poderem votar no futuro. Não que isso seja garantia de resultados diferentes, e nem deve ser esse o motivo, mas pelo simples facto de que todos os sócios devem ter a vida facilitada na hora de votar algo importante no Sporting. Temos núcleos e casas por todo o pais e estrangeiro, e mesmo tendo constatado que muitos deles estão entregues ao abandono, existirá pelo menos um local destes por distrito capaz de, com regras definidas e acompanhamento, participar no voto descentralizado. Esse era um tema previsto no programa Ser Sporting e é um que quero ver presente numa lista na qual eu decida votar.
Registado
Re: Para um Sporting mais democrático , « Resposta #25 em: Janeiro 26, 2011, 12:24 »



*

Condecorações:Membro do Ano 2010


Mensagens: 29796
Idade: 33
Localidade: Stockholm
Masculino

WWW
A alteração estatutária é fundamental, embora duvide que qualquer presidente eleito tenha margem para pegar nisso logo no início do mandato. O que as pessoas querem logo ver é resultados no futebol, mesmo que seja ao nível da atitude e comportamento dos dirigentes. Só com algum crédito, mesmo que inicial, há condições para avançar para temas de fundo como a incontornável alteração estatutária, até porque alguns temas podem gerar forte discussão (ex. mudança da distribuição de votos por antiguidade) e só um presidente com crédito positivo pode ter arcaboiço para as fazer passar.

Esclarecendo dúvidas que possam existir e visto que fiz parte dos dois ou três da lista Ser Sporting que ficaram mesmo até ao fim do dia das eleições (fui eu aliás que recebi o relatório de resultados e que o assinei em nome da lista) posso referir que a derrota nada teve a haver com a questão dos votos por antiguidade. Se fosse 1 sócio e voto o resultado seria mais ou menos o mesmo logo não foi por aí que certamente PPC ou SAM perderam como perderam (sendo que pelo que sei SAM até teve mais votos dos que pesam do que PPC).

Uma questão fundamental, e o agendamento de eleições para um sábado já é um começo é o da participação, até hoje muito condicionada pela centralização em Lisboa e por realização de AGs eleitorais e outras em dias de semana. Mas não basta. É preciso criar condições para os sócios de todo o pais (e até estrangeiro) poderem votar no futuro. Não que isso seja garantia de resultados diferentes, e nem deve ser esse o motivo, mas pelo simples facto de que todos os sócios devem ter a vida facilitada na hora de votar algo importante no Sporting. Temos núcleos e casas por todo o pais e estrangeiro, e mesmo tendo constatado que muitos deles estão entregues ao abandono, existirá pelo menos um local destes por distrito capaz de, com regras definidas e acompanhamento, participar no voto descentralizado. Esse era um tema previsto no programa Ser Sporting e é um que quero ver presente numa lista na qual eu decida votar.


É ridículo que nunca tenha sido implementada a caixinha de voto nos núcleos (e depois bastava ter um júri com 1 elemento de cada lista). São mais de 200 e espalhados pelo país fora e concentram neles a maioria dos sócios efectivos do clube fora da Grande Lisboa. Isto é algo que se faz em pouco tempo e como disse é ridículo que ainda não tenha sido implementado.

Sobre os votos, deveria ser 1 sócio 1 voto tenha o tempo que tiver de filiacão. As quotas são iguais para todos e cada quota representa o ser-se sócio no período de duracão da mesma e deveria ser sempre encarado dessa forma (apesar da existência de mecanismos que impedem a desfiliacão imediata caso não se renove... e muito bem a meu ver), reflectindo-se também no voto.
Registado
Re: Para um Sporting mais democrático , « Resposta #26 em: Janeiro 26, 2011, 12:52 »



*
Juvenil

Mensagens: 1754
Localidade: Amadora
Masculino


Eu também concordo com o método 1 sócio=1 voto. Por uma questão de princípio e não pela esperança vã de achar que dessa forma se alteram resultados eleitorais.

É claro que tal sistema necessita de mecanismos de protecção, que até serão relativamente simples.

Como forma de premiar a fidelidade ao clube, poderiam ser criadas algumas excepções:
  - 1 voto adicional aos 25, 50, 75, 100 anos de sócio;
  - 1 voto adicional por dedicação e serviços excepcionais prestados ao clube, propostos e votados com plena maioria pelos seus pares em AG.
Registado
Re: Para um Sporting mais democrático , « Resposta #27 em: Janeiro 26, 2011, 14:20 »



*
Juvenil

Mensagens: 1618
Localidade: Paris


Eu também concordo com o método 1 sócio=1 voto. Por uma questão de princípio e não pela esperança vã de achar que dessa forma se alteram resultados eleitorais.

É claro que tal sistema necessita de mecanismos de protecção, que até serão relativamente simples.

Como forma de premiar a fidelidade ao clube, poderiam ser criadas algumas excepções:
  - 1 voto adicional aos 25, 50, 75, 100 anos de sócio;
  - 1 voto adicional por dedicação e serviços excepcionais prestados ao clube, propostos e votados com plena maioria pelos seus pares em AG.

100 anos de socio é complicado  Rebolar de Tanto Rir
Registado
Re: Para um Sporting mais democrático , « Resposta #28 em: Janeiro 26, 2011, 14:50 »



*
Juvenil

Mensagens: 1388
Idade: 34
Localidade: Lisboa
Masculino


O que teimam em não querer perceber é que o actual modelo de numero de votos é um dos factores prejudiciais ao clube. A enorme diferença que existe faz com que a faixa etária mais idosa seja absolutamente decisiva em qualquer eleição. E sem querer ser desrespeitoso, a maior destes socios é por natureza conservador e mais permeável ao status quo vigente.

Até podes ter razão.

Mas achas bem que um sócio que tenha, por exemplo, 30 anos de quotas pagas ao clube, tenha o mesmo direito de voto que um sócio que tem 1 ou 2 anos?

Uma pessoa com uma carreira contributiva de 40 ou mais anos tem tanto direito de voto, em qualquer eleição, como um jovem sem carreira contributiva e com 18 anos feitos! Indeciso

1 sócio 1 voto, clareza e justiça em todos os actos eleitorais do Clube! Positivo!

A grande diferença entre um sócio do Sporting e um cidadão português ambos com direito a votar é que és cidadão português porque nasceste aqui e és sócio do SCP porque pagas para isso! Dai não poder ser comparado uma coisa com a outra...

Uma alteração que eu proporia é que quem é sócio juvenil passe a ter, imediatamente , direito de voto assim que faz 18 anos e se transforma em sócio efectivo. Não faz sentido só poder votar depois e 1 ano de sócio efectivo quando já é sócio do clube, eventualmente, há 18 anos.
Registado

Re: Para um Sporting mais democrático , « Resposta #29 em: Janeiro 26, 2011, 18:18 »



*
Júnior

Mensagens: 3000
Idade: 40
Masculino


O que teimam em não querer perceber é que o actual modelo de numero de votos é um dos factores prejudiciais ao clube. A enorme diferença que existe faz com que a faixa etária mais idosa seja absolutamente decisiva em qualquer eleição. E sem querer ser desrespeitoso, a maior destes socios é por natureza conservador e mais permeável ao status quo vigente.

Até podes ter razão.

Mas achas bem que um sócio que tenha, por exemplo, 30 anos de quotas pagas ao clube, tenha o mesmo direito de voto que um sócio que tem 1 ou 2 anos?

Uma pessoa com uma carreira contributiva de 40 ou mais anos tem tanto direito de voto, em qualquer eleição, como um jovem sem carreira contributiva e com 18 anos feitos! Indeciso

1 sócio 1 voto, clareza e justiça em todos os actos eleitorais do Clube! Positivo!

A grande diferença entre um sócio do Sporting e um cidadão português ambos com direito a votar é que és cidadão português porque nasceste aqui e és sócio do SCP porque pagas para isso! Dai não poder ser comparado uma coisa com a outra...

Uma alteração que eu proporia é que quem é sócio juvenil passe a ter, imediatamente , direito de voto assim que faz 18 anos e se transforma em sócio efectivo. Não faz sentido só poder votar depois e 1 ano de sócio efectivo quando já é sócio do clube, eventualmente, há 18 anos.

Tem de haver uma idade legal para ter voto na matéria, caso contrario vinham putos de 10 anos escolher o futuro do Sporting. Talvez até fosse melhor :-)
Registado

Re: Para um Sporting mais democrático , « Resposta #30 em: Janeiro 26, 2011, 18:28 »


Sporting Sempre!


*

Mensagens: 16553
Idade: 37
Localidade: Viana do Castelo
Masculino

WWW
O que teimam em não querer perceber é que o actual modelo de numero de votos é um dos factores prejudiciais ao clube. A enorme diferença que existe faz com que a faixa etária mais idosa seja absolutamente decisiva em qualquer eleição. E sem querer ser desrespeitoso, a maior destes socios é por natureza conservador e mais permeável ao status quo vigente.

Até podes ter razão.

Mas achas bem que um sócio que tenha, por exemplo, 30 anos de quotas pagas ao clube, tenha o mesmo direito de voto que um sócio que tem 1 ou 2 anos?

Uma pessoa com uma carreira contributiva de 40 ou mais anos tem tanto direito de voto, em qualquer eleição, como um jovem sem carreira contributiva e com 18 anos feitos! Indeciso

1 sócio 1 voto, clareza e justiça em todos os actos eleitorais do Clube! Positivo!

A grande diferença entre um sócio do Sporting e um cidadão português ambos com direito a votar é que és cidadão português porque nasceste aqui e és sócio do SCP porque pagas para isso! Dai não poder ser comparado uma coisa com a outra...

Uma alteração que eu proporia é que quem é sócio juvenil passe a ter, imediatamente , direito de voto assim que faz 18 anos e se transforma em sócio efectivo. Não faz sentido só poder votar depois e 1 ano de sócio efectivo quando já é sócio do clube, eventualmente, há 18 anos.

A minha questão não era tanto sobre a idade mas mais sobre a carreira contributiva (pagamento de impostos vs direitos), pretendia fazer o paralelismo com o pagamento de cotas vs nº de votos! Positivo!

Quanto à idade, concordo se o sócio ao completar 18 anos tiver já alguns anos de sócio, 10 anos parece-me suficiente! Ideia
Registado

Hoje como sempre, tenho o FórumSCP na mente e o Sporting Clube de Portugal no coração!
Re: Para um Sporting mais democrático , « Resposta #31 em: Janeiro 27, 2011, 09:11 »


Sete a Um, estive lá!


*

Condecorações:Revelação 2008


Mensagens: 13154
Idade: 190
Localidade: Southwest corner of Europe
Masculino


Continuo a dizer que esta discussão não leva a lado nenhum.
Primeiro, nunca haverá consenso. Segundo, mesmo que por milagre houvesse, não serviria para nada.
É claro que quase todos concordam que o sistema actual está errado. Mas quanto ao sistema ideal, cada um tem a sua ideia.
Por exemplo, eu defendo períodos de transição, e sei que quase ninguém concorda com isso.
Por um lado, é importante premiar a fidelidade (embora a importância desse premiar não seja a do passado), por outro lado não faz sentido o desequilíbrio actual.
Acrescentar votos por cada dez anos de quotas pagas não é nada de outro mundo, mas dois votos chegavam, há uma década atrás, e um chega e sobra nos dias que correm.
Do mesmo modo, a inclusão dum tecto máximo também é uma medida perfeitamente justificável.
Registado

L8tr,
 
106
 
 «Opiniões divergentes não significam ataques pessoais»    
Gosta deste tópico? Partilhe-o:
Páginas: « anterior 1 [2] Ir para o topo Imprimir
Fórum SCP - A Comunidade do Sporting Clube de Portugal Área da Comunidade Arquivo Eleições Sporting 2011 Tópico:

[Eleições SCP 2011] Para um Sporting mais democrático

« tópico anterior seguinte »
Ir para:

Powered by SMF 1.1.20 | SMF © 2011, Simple Machines
Tema SMFone modificado por Avantix e Paracelsus.
Optimizado para o Mozilla Firefox na resolução 1024 x 768.
© 2004 - 2010 | Fórum SCP | Alguns Direitos Reservados
Fórum não-oficial do Sporting Clube de Portugal

Ajuda | | Sitemap | Política de Privacidade