Judo

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

O Campeonato Feminino tem muito poucas equipas a participar, este ano por exemplo foram só duas

Para quem tiver curiosidade está aqui mais detalhado o modo como decorreram os Nacionais de Clubes

"
Esta é uma das provas mais importantes do calendário nacional, opondo nos tapetes de Odivelas, as melhores equipas nacionais, compostas por atletas masculinos (das categorias -60 kg; -66 kg; -73 kg; -81 kg; +81 kg) e femininos (das categorias -52 kg; -57 kg; -63 kg; -70 kg; +70kg) do escalão Seniores.

No masculino, marcaram presença 8 equipas a lutar pelo tão ambicionado título nacional. As eliminatórias foram discutidas em 2 grupos. No grupo A, Sporting Clube de Portugal, Boavista Futebol Clube, Universidade Lusófona e Escola de Judo Nuno Delgado discutiram entre si o acesso à meia-final. O Sporting Clube de Portugal fez o pleno de vitórias, passando em primeiro do grupo, seguido pela equipa da Universidade Lusófona.

No grupo B, composto por Sport Algés e Dafundo, Oficinas de São José, Judo Clube de Lisboa e Sport Lisboa e Benfica, foi a equipa das Oficinas de São José que conseguiu somar as 3 vitórias nos 3 combates. A segunda vaga para a semifinal foi preenchida pelo Sport Lisboa e Benfica com 2 vitórias.

Na semifinal, a equipa do Sporting Clube de Portugal, composta por João Santos (-60 kg), Sergiu Oleinic (-66kg), David Reis (-73 kg), Anri Egutidze (-81 kg) e Jorge Fonseca (+81 kg) defrontou os Judocas do Sport Lisboa e Benfica, Gonçalo Mansinho (-60 kg), Diogo César (-66 kg), Rúben Correia (-73 kg), João Martinho (-81 kg) e Célio Dias (+81 kg). O Sporting Clube de Portugal derrotou o Sport Lisboa e Benfica por 3 – 2 (vitórias de Jorge Fonseca, Sergiu Oleinic e David Reis para os leões e de João Crisóstomo e João Martinho para as águias).

Na segunda semifinal, as Oficinas de São José, com João Abreu (-60 kg), José Olalla (-66 kg), João Almeida (-73 kg), Steve Castanheira (-81 kg) e Diogo Silva (+81 kg), superaram a Universidade Lusófona, composta por André Cravo (-60 kg), João Crisóstomo (-66 kg), Pedro Guarinho (-73 kg), Tomás Costa (-81 kg) e Pedro Silva (+81 kg). No final dos 5 combates, o marcador ficou fixado em 3 – 2 (vitórias de Diogo Silva, João Abreu e João Almeida para as OSJ e João Crisóstomo e Tomás Costa para a ULHT).

Na grande final, as equipas apresentaram o mesmo alinhamento da semifinal. No primeiro combate, dos -81 kg, Jorge Fonseca dominou por completo, somando 4 wazaris antes de assegurar a vitória frente a Diogo Silva por imobilização do adversário. A igualdade foi restabelecida de seguida com a vitória de João Abreu frente a João Santos por wazari. Sergiu Oleinic, David Reis e Anri Egutidze venceram os restantes combates, fixando o marcador em 4-1 a favor do Sporting Clube de Portugal que assim se sagrou Campeão Nacional.

A competição feminina foi discutida entre as equipas da Associação Académica de Coimbra (AAC), constituída por Catarina Costa (-52 kg), Leandra Freitas (-57 kg), Sofia Cardoso (-63 kg), Ana Sousa (-70 kg) e Filipa Sousa (+70 kg) e as Oficinas de São José (OSJ) composta por Carolina Costa (-57 kg), Mariana Esteves (-63 kg), Leonor Gonçalves (-70 kg) e Beatriz Martin (+70 kg).

A equipa da Associação Académica de Coimbra sagrou-se Campeã Nacional após vencer 4 combates (Catarina Costa, Sofia Cardoso, Leandra Freitas e Ana Sousa) contra 1 (Beatriz Martin).
"
Mais que Presidente do Sporting Clube de Portugal, Bruno de Carvalho é o meu Presidente!
Parabéns por mais um título!  :great:

O desafio para o futuro será manter a hegemonia no sector masculino e cria-la no feminino! Veremos se conseguimos!
No feminino não participamos?

Não é criar a secção, é criar a hegemonia!  :mrgreen:
Não percebo nada disto, então temos duas ou tres das melhor judistas (Taciana Lima,  Joana Ramos e Maria Ferreira ) para que?
A responsável pelas modalidades de combate do Sporting, Helena Duarte, esclareceu depois da vitória dos masculinos que em feminino as nossas judocas competem quase todas nas mesmas duas (salvo erro) categorias de peso, pelo que a participação nos nacionais por equipas acabou por ser posta de parte. Também disse que vão tentar mudar isso no futuro.
«What's with these new bands? Everyone knows Rock attained perfection in 1974, it's a scientific fact!»

Sem ajudas de regimes nem cafés com leite... SPORTING, A MAIOR POTÊNCIA DESPORTIVA NACIONAL
Citar

SPORTING CP RENOVA PARCERIA COM A IGUARIVARIUS
Por Jornal Sporting
20 Jun, 2017
NOTÍCIAS
Protocolo com grupo que apoia o judo leonino dura agora até os Jogos Olímpicos de Tóquio, em 2020

O Sporting CP e o grupo Iguarivarius prolongaram esta terça-feira a parceria que têm para o judo. O protocolo, que começou há quatro anos, com incidência para os Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016, estende-se agora até as próximas Olimpíadas de Tóquio 2020. O memorando de entendimento entre os leões e a empresa tem sido muito proveitosa, com o Sporting CP a conseguir obter grandes resultados desportivos. Algo que o Presidente dos verdes e brancos, Bruno de Carvalho, destacou. “É um dos parceiros mais relevantes que temos. A Iguarivarius tem sido fundamental para o sucesso que o nosso judo tem atingido. Vamos prolongar a ligação para mais um ciclo olímpico. Isto representa tudo aquilo que sempre quisemos, que é ter parceiros de grande expressão e que acompanhem activamente as nossas modalidades”, salientou aos meios de comunicação do Clube, tendo depois falado sobre os objectivos para Tóquio 2020.

“Queremos fazer ainda mais e melhor. Gostávamos, e temos qualidade para isso, de trazer uma medalha para Portugal. O Sporting CP merecia, os nossos parceiros também, e, sobretudo, o nosso país”, salientou.

Também Mário Correia, presidente do grupo Iguarivarius, realçou a importância da manutenção do protocolo com os leões. “Estamos muito satisfeitos com esta parceria que temos feito com o Clube. Tem sido pautada por grandes resultados e por isso, em conjunto, entendemos que fazia todo o sentido continuarmos a trabalhar em conjunto. Espero que, para estes quatro anos, os excelentes resultados se mantenham”, afirmou.

Uma opinião partilhada por Alexandre Cavalleri, presidente executivo do grupo. “É muito importante que mantenhamos esta ligação com o Sporting CP. Temos apoiado muito o judo do Clube e continuaremos a fazê-lo. Esta instituição é a que dava mais garantias para o ciclo olímpico do Rio de Janeiro e foi a que mais atletas levou para a competição. Dá um prazer enorme ver jovens a crescerem na modalidade com os valores do Sporting CP bem presentes”.

Quanto a Helena Duarte, directora das modalidades de combate dos leões, destacou o papel preponderante da Iguarivarius no apoio ao judo leonino. “Têm sido fundamentais para alcançarmos resultados de excelência. Não só a nível nacional, como internacional, têm sido incansáveis na ajuda que nos têm dado”, ressalvou.

Por fim, Bruno Cavalleri, ligado ao acompanhamento da parceria entre a empresa exportadora portuguesa e o emblema verde e branco recordou que o judo é uma modalidade simbólica para a sua família. “Isto é uma modalidade que está no coração da nossa família e daí apoiarmos o judo e não outro desporto. Os resultados obtidos são por isso especiais. Uma palavra também para o mestre Pedro Soares que tem feito um trabalho magnífico”, concluiu.

http://www.sporting.pt/pt/noticias/clube/noticias/2017-06-20/sporting-cp-renova-parceria-com-a-iguarivarius
Excelente notícia. Que de para melhorar ainda mais o nível
"É um orgulho estar no Sporting. Quem não conhece o Sporting sabe muito pouco de futebol"  Tales  3-9-2010
Excelente notícia. Que de para melhorar ainda mais o nível
Sim e apostar melhor no sector feminino para o ano poder lutar pelo o campeonato nacional!
Sporting o Maior Clube do Mundo!