Barão

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.



Citar
Francisco Barão entrou no Sporting Clube de Portugal pela mão de César Nascimento, antigo jogador do Sporting, mais tarde “olheiro e treinador das escolas do Sporting.É nos juniores que Barão conquista o seu primeiro titulo nacional, tendo então como treinador Fernando Mendes.

Sob a formação de Hilário e Fernando Mendes, no seu percurso inicial, Barão ascende então à equipa sénior sportinguista como um futebolista polivalente e empreendedor fazendo todos os lugares na defesa e na linha média, sendo no entanto a médio direito que Barão rendia mais.Pela sua forma lutadora como encarava todos os jogos e pelo brio com que envergava a camisola verde e branca Barão tornou-se rapidamente titular indiscutível conquistando na equipa sénior leonina dois títulos nacionais e uma Taça de Portugal, tendo como o opositor o FC Porto, em 77/78, uma das suas melhores épocas.

Barão, sportinguista desde sempre, considera que o momento inesquecível a que assistiu foi quando o Sporting cilindrou o Manchester United com 5-0, isto apesar dos títulos que conquistou.

Na nossa memória ficam as voltas ao Estádio José Alvade a agradecer ao público sportinguista sempre com Barão e Manuel Fernandes, lado a lado, à frente dos restantes jogadores.

Fonte: Blog SportingVintage.

Em 73/74 foi Campeão de Júniores.

Foi Internacional Esperança por 12 vezes.

Foram 74 os jogos oficiais que fez pelo Portimonense.

Parabéns ao autor da página da biografia de Barão, está extremamente completa, isto que aqui acrescento são apenas pormenores, eu ainda tentei explorar um bocadinho a forma como editar estes preciosismos mas perdi-me um pouco, fica por aqui a informação adicional.

Retiro também uma citação que descreve exactamente o que era o jogador Barão para quem não se recorda ou nunca o viu jogar:

Citar
Não era jogador que se distinguia pelos golos marcados nem pelas fintas, era sim jogador de muito trabalho no terço mais recuado do terreno.

Jogador polivalente, transmitia segurança aos companheiros que atacavam. Duro, bastante regular e difícil de ultrapassar.

Tinha uma entrevista que guardei por aqui feita num blog do portimonense, essa citação bem como alguns dados em cima referidos foram retirados do mesmo.

O vídeo foi originalmente colocado no www.sporting.footballhome.net e depois transferido para o youtube, parabéns ao seu autor.

Lembro-me de ter mais um ficheiro com informação adicional, ainda não encontrei, mas quando o vir e se tiver informação relevante, será colocada aqui.

P.S: Alguns textos eu tinha para aqui em pastas, penso que todas as fontes de onde foram retirados estão correctas porque fiz questão de pesquisar novamente para ver de onde vinham, no entanto, se qualquer dado estiver errado peço desde já desculpa.
Sporting Clube de Portugal, somos diferentes, somos melhores.
Grande jogador, daqueles à antiga, que suava a camisola que amava. Lembro-me muito bem dele mas curiosamente tinha ideia mais dele a jogar a defesa direito.

Já não há jogadores assim no Sporting.
Foi o melhor treinador que já passou pelo Estrela de Portalegre.