30 de junho de 2006: Festa do Centenário do Sporting

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

30 de junho de 2006: Festa do Centenário do Sporting

A Wiki Sporting é a memória do Clube. Baseada em documentos.

Por isso mesmo, sabemos que o Centenário do Sporting, provavelmente o aniversário mais marcante da história de qualquer clube, foi comemorado com um mega-jantar em pleno relvado de Alvalade, a 30 de junho de 2006. À meia noite foi a festa com os "Viva o Sporting" etc. :)

Sabemos também que até aos anos 1930 o aniversário era comemorado a 8 de maio, e entre os anos 1930 e 1940 era em todo o período entre o 8 de maio e o 1 de julho. Só a partir daí é que as comemorações se fixaram no dia 1 de julho - por vezes à meia noite, por vezes durante o dia.

Pessoalmente gostava que os sportinguistas parassem de inventar casos onde não os há!



ps. Este tópico se calhar não devia estar aqui. Os moderadores por favor decidam, mudem ou apaguem consoantem acharem melhor  :great:
 :lol: :lol: :lol:

Isto é a sério?

O primeiro ponto é: Desde quando é que a direção de Soares Franco (ou qualquer outra do roquettismo) é referência para alguém?

O segundo é: Para que interessam essas referências históricas (que por norma saúdo sempre) quando o que aqui está em causa é o MOTIVO desta alteração específica?

É também o facto de estar estatutariamente registado que a Gala - o evento em causa - é preferencialmente celebrado a 1 de julho que é relevante para o caso em questão. Sim, não é "obrigatoriamente", é "preferencialmente". A mudar por motivos que sejam relevantes para o SPORTING, não para qualquer pessoa. Porque nenhuma pessoa está acima do Sporting.

Haja limites para o contorcionismo. Eu pessoalmente gostava que os Sportinguistas deixassem de ignorar faltas de respeito ao Clube, sejam oriundos de quem forem, por meterem pessoas à frente do Clube, mas parece-me que a concretização deste meu desejo não estará para breve.
Querem acabar de vez com a nossa paixão!
Não vamos deixar... porque nunca desistimos de ti!
Fechem o tópico, a poeira está assentar não é necessário acender de novo a fogueira.
"Sporting! Minha vida é o Sporting, minha paixão é o Sporting, meu amor é o Sporting, é o Sporting é o Sporting é o Sporting! Meu vício é o Sporting, minha família é o Sporting, Sporting, Sporting, Sporting, é o meu Sporting!"
O Soares de Franco tinha algum jogo de golfe no dia 1?

É que se não, não há comparação possível.
O Soares de Franco tinha algum jogo de golfe no dia 1?

É que se não, não há comparação possível.

Conhecendo aquela gente, provavelmente contrataram umas corteses pela noite dentro e acordaram todos nus nos gabinetes em Alvalade  :lol:
"Sporting! Minha vida é o Sporting, minha paixão é o Sporting, meu amor é o Sporting, é o Sporting é o Sporting é o Sporting! Meu vício é o Sporting, minha família é o Sporting, Sporting, Sporting, Sporting, é o meu Sporting!"
Vou deixar aqui algumas questões que me parecem relevantes neste contexto e para as quais não tenho resposta (mas admito que haja aqui quem tenha e daí a "posta").

Dispenso ser ofendido, chamado de "yes-man" ou apelidado de "comedor de gelados com a testa à la lampião". Não irei responder a provocações que têm sido mais a regra do que a excepção neste fórum ao longo dos últimos dias...

Aqui ficam elas:
1) Que data foi decidida (diferente de tornada pública) antes? O casório do Presidente ou a (nova) da Gala?
2) Houve uma proposta de alteração da data da Gala em virtude de habitualmente se fazer a celebração do aniversário do clube pela noite dentro (ou até por razões "históricas" como as indicadas aqui pelo @nunoni), e por isso justificar-se o 30 de Junho?
3) É inaceitável o Presidente marcar o dia do casório para uma data que, como Sportinguista, é para ele também símbólica?
4) Considerou o Presidente inadequado ter o casório e a Gala no mesmo dia ou, pelo contrário, até achava esse cenário desejável?
5) Há evidências (não conjecturas, por mais lineares que se pretendam que são) de que o Presidente pretendeu de facto alterar a data da Gala?
6) Há evidências de que a Direcção (um bando de "yes-man" para muitos, tendo todavia votado neles há poucas semanas atrás - se sócios) quis fazer o "jeito" ao Presidente de votar por unanimidade a alteração da data da Gala?
7) É a mudança da data da Gala de 1 de Julho para 30 de Junho atentatória dos estatutos, dos pergaminhos e/ou dos interesses do Clube?
8 ) É esta questão verdadeiramente relevante para cairem o Carmo e o Trindade (pun intended), quando há tantos outros assuntos que neste momento importa rever para evitar que uma época como a que agora penosamente termina (e que se iniciou com uma Gala a 1 de Julho...) se repita?
O problema aqui não é ser dia 30. Já se viu não é a primeira vez. O problema foi a justificação para tal. Acima do clube não há ninguem! Mudar a data, que segundo os estatutos, deve ser a preferida, por causa de motivos pessoais?  :hand:
Erro de todo o tamanho.. O resto siga..
Volto a fazer a questão de forma franca, para que alguém tenha a hombridade de me responder:
-Se o Presidente não se casasse no dia 1, a Gala seria no dia 30? Acrescento outra: Será que para o ano é no dia 30 outra vez?


PS-Faço novamente a ressalva que até sou simpatizante de celebrações na véspera.
''You have forgotten who you are and so have forgotten me. Look inside yourself, Simba. You are more than what you have become. You must take your place in the Circle of Life.'' Mufasa, Lion King, 1994

''These are dark times, there is no denying. Our world has perhaps faced no greater threat than it does today. But I say this to our citizenry: We, ever your servants, will continue to defend your liberty and repel the forces that seek to take it from you!'' Rufus Scrimgeour, Minister for Magic
Volto a fazer a questão de forma franca, para que alguém tenha a hombridade de me responder:
-Se o Presidente não se casasse no dia 1, a Gala seria no dia 30? Acrescento outra: Será que para o ano é no dia 30 outra vez?

PS-Faço novamente a ressalva que até sou simpatizante de celebrações na véspera.

A questão é legítima.
Até agora vi muita gente a especular sobre o assunto, sendo que cada um tem liberdade de o fazer de acordo com a sua consciência.
Mas não vi ainda ninguém esclarecer a questão com provas inequívocas de como o processo decorreu.
Existe, claro, a comunicação do Saraiva, à qual cada um dá a credibilidade que entende...

PS: já eu não sou adepto de celebrações antecipadas, cá por coisas...  :beer:
Citar
Não digo que somos candidatos, que se isto e aquilo ganhamos. Digo que no próximo mandato VAMOS ser Campeões, e mais do que uma vez.
Adoro adeptos exigentes, que saibam que o segundo é o primeiro dos últimos que queiram sempre mais, que exijam sempre. Adoro essa cultura.
- Sr. Presidente Bruno de Carvalho
A questão aqui não é a mudança da data em si mas o motivo da mudança.
"Passar este amor esta paixão de geração em geração é a obrigação de todo e qualquer leão. Crescer e aos putos ensinar esta forma de viver e ao mundo gritar: Sporting até morrer!"
A questão aqui não é a mudança da data em si mas o motivo da mudança.

E depois de tudo o que o Presidente já fez em prol deste Clube não achas que merece o beneficio da dúvida?
Citar
Não digo que somos candidatos, que se isto e aquilo ganhamos. Digo que no próximo mandato VAMOS ser Campeões, e mais do que uma vez.
Adoro adeptos exigentes, que saibam que o segundo é o primeiro dos últimos que queiram sempre mais, que exijam sempre. Adoro essa cultura.
- Sr. Presidente Bruno de Carvalho
A questão aqui não é a mudança da data em si mas o motivo da mudança.

E depois de tudo o que o Presidente já fez em prol deste Clube não achas que merece o beneficio da dúvida?

Não me parece que isso tenha alguma coisa a ver com isto...
"Passar este amor esta paixão de geração em geração é a obrigação de todo e qualquer leão. Crescer e aos putos ensinar esta forma de viver e ao mundo gritar: Sporting até morrer!"
A questão aqui não é a mudança da data em si mas o motivo da mudança.

E depois de tudo o que o Presidente já fez em prol deste Clube não achas que merece o beneficio da dúvida?

Não me parece que isso tenha alguma coisa a ver com isto...

E porque não?
Citar
Não digo que somos candidatos, que se isto e aquilo ganhamos. Digo que no próximo mandato VAMOS ser Campeões, e mais do que uma vez.
Adoro adeptos exigentes, que saibam que o segundo é o primeiro dos últimos que queiram sempre mais, que exijam sempre. Adoro essa cultura.
- Sr. Presidente Bruno de Carvalho
A questão aqui não é a mudança da data em si mas o motivo da mudança.

E depois de tudo o que o Presidente já fez em prol deste Clube não achas que merece o beneficio da dúvida?

Não me parece que isso tenha alguma coisa a ver com isto...

E porque não?

Porque por tudo o que ele faça de bom nada justifica colocar o casamento como prioridade à Gala. É estúpido, não faz qualquer sentido.
"Passar este amor esta paixão de geração em geração é a obrigação de todo e qualquer leão. Crescer e aos putos ensinar esta forma de viver e ao mundo gritar: Sporting até morrer!"
A questão aqui não é a mudança da data em si mas o motivo da mudança.

E depois de tudo o que o Presidente já fez em prol deste Clube não achas que merece o beneficio da dúvida?

Não me parece que isso tenha alguma coisa a ver com isto...

E porque não?

Porque por tudo o que ele faça de bom nada justifica colocar o casamento como prioridade à Gala. É estúpido, não faz qualquer sentido.

Temos opiniões diferentes então!
Citar
Não digo que somos candidatos, que se isto e aquilo ganhamos. Digo que no próximo mandato VAMOS ser Campeões, e mais do que uma vez.
Adoro adeptos exigentes, que saibam que o segundo é o primeiro dos últimos que queiram sempre mais, que exijam sempre. Adoro essa cultura.
- Sr. Presidente Bruno de Carvalho
Vejo nestas atitudes do Presidente  uma espécie de deslumbre à la pinto da costa. Desnecessário. E já não é uma nem duas. As entrevistas cor de rosa, a posicao da namorada quase como primeira dama do clube, esta treta do casamento, as beijocas durante o jogo de hoje. O Presidente é um homem apaixonado pela namorada e não tem sabido gerir publicamente o facto.
O argumento para se defender o Presidente é sempre o mesmo: "depois de tudo que ele fez"

Fez bem, e tem de continuar a fazer ainda melhor. Ou agora que já fez um bocadinho pode dormir à sombra da palmeira?

Sejam exigentes, trabalhar no Sporting deveria ser uma honra e um privilégio