O que é que lêem, nestas noites...?

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Tópico com as sugestões e leituras de cada forista.

eu leio Eugénio... de pijama...
« Última modificação: Novembro 21, 2011, 09:46 am por Paracelsus »
no tempo feliz sonhei o poema
escrito no sol
Estava a ler o Codigo Da Vinci, ate que me lembrei da entrevista do nosso 1º... e nem sei se já foi ou esta para ser!!!!

Na mesinha de cabeceira anda a Capital, do grande Eça.
Eu leio "A Procura da Língua Perfeita", do Umberto Eco. Mas apenas para fins académicos.
Por puro lazer, e nas horas vagas, estou a ler "Contos de Futebol", uma obra de vários autores, incluindo Jorge Valdano (se é que se pode considerar um autor).  :)

PS: E esqueci-me de dizer, neste exacto momento estou a ver o Rambo ( :lol: ). Aos anos que não via isto. Mas está-me a agarrar à TV.
Sporting Sempre! 14.244
Neste momento estou a ler um pequeno livro de Mateus da Pena, "Os garotos que foram os homens de hoje". De resto, os meus favoritos :

Albert Camus em n°1

Emile Zola

Robert Merle

Gombrowicz

Isabel Allende

Gabriel garcía Márquez

Luís Sepúlveda

Vergílio Ferreira

Manuel Tiago (tenho que ler mais)

José Saramago

Miguel Torga

e tb livros de geografia e urbanismo ...
Eu estou a ler "As Ondas" da Virgina Woolf.
O meu escrtor de eleição é o mestre Gabriel Garcia Marquez e o livro da minha vida é "Cem anos de solidão" do mesmo. Lindo. Mesmo!!
Eu só no Metro é que ainda vou lendo qualquer coisa: "Absolute Friends" do John le Carré, uma prenda de Natal que parece estar para durar...  :roll:

PS: Gostei muito da decadência d'A Capital. Está no meu top 3 do Eça.
Há poucos dias atrás, li "A Relíquia" do Eça.

Agora estou a ler um livro chamado "Cidades e Territórios do Conhecimento", um livro sobre gestão da informação, que é a tese de mestrado de um grande amigo meu.

Em lista de espera estão uma enciclopédia sobre fotografia digital e a fotobiografia do Del Piero.
Vítor Damas (1947-2003)

2 Campeonatos Nacionais (69/70 e 73/74)
3 Taças de Portugal (70/71, 72/73 e 73/74)
Eu leio Bret Easton Ellis, o escritor maldito.

American Psycho, Less Than Zero, The rules of atraction, The informers, Glamorama, estas são as obras.

Arrisquem e digam-me o que pensam.


Dos portugueses, Alexandre Herculano claro, Eurico o Presbitero na minha opiniao a melhor obra de sempre em lingua Portuguesa.

Tb leio Kafka, Herman Hesse, Jonh Steinbeck, Horace McCoy...

Para ser realista eu leio tudo, "sou uma p*** literaria"  :wink:  :oops:  :arrow:
Another day, another idiot...
Li o "Menos que zero", há uns verões atrás. Não me encheu as medidas, mas não ponho de parte voltar ao autor.

Nestas noites ando a ler o expresso da semana passada e algumas das 245 revistas "por ler" que estão espalhadas pela casa...recebi um ultimatum!

A.A.

Citação de: "Incitatus"
Eu leio Bret Easton Ellis, o escritor maldito.

American Psycho, Less Than Zero, The rules of atraction, The informers, Glamorama, estas são as obras.

Arrisquem e digam-me o que pensam.


Dos portugueses, Alexandre Herculano claro, Eurico o Presbitero na minha opiniao a melhor obra de sempre em lingua Portuguesa.

Tb leio Kafka, Herman Hesse, Jonh Steinbeck, Horace McCoy...

Para ser realista eu leio tudo, "sou uma p*** literaria"  :wink:  :oops:  :arrow:
É um escritor dificil A.A, ou se ama ou se odeia...

Tenta ler as outras obras, vais gostar, pelo menos do American Psycho... :wink:
Another day, another idiot...
Neste momento estou a iniciar a leitura de A Trilogia de Nova Iorque do Paul Auster.

O anterior foi o Código da Vinci
Citação de: "Incitatus"
Dos portugueses, Alexandre Herculano claro, Eurico o Presbitero na minha opiniao a melhor obra de sempre em lingua Portuguesa.

Li muito poucos autores portugueses, mas essa obra li em 2001 e é fantástica!

Eu gosto de quase todo o tipo de livros menos poesia  :oops: todos os dias adormeço a ler na cama, desta forma consigo ler 1 livro cada 3 semanitas, quando chega o Verão é 1 por dia   :D

Actualmente estou a reler Julio Verne, foi um autor que li muito na adolescência, engraçado que não tinha quase livros dele (li tudo em bibliotecas como a Itinerante Calouste Gulbenkian), estou a aproveitar a promoção do Público, estou no "5 semanas num balão"; antes deste li o Delfim (Cardoso Pires), o Códice Secreto, Soldados de Salamina (em espanhol, uma história sobre a guerra civil), Estação Carandiru (recomendo vivamente, mas é preciso algum estómago para ler!), As Viagens de Gulliver  :oops: , reli pela 50ª vez A Ilha do Tesouro, A Sentença de César (colecção Roma Subrosa, recomendo para quem gosta do género de romance histórico), o Inevitável Código Da Vinci (amaldiçoei o tempo perdido a ler aquela porcaria sem pés nem cabeça...enfim...), Lolita (bah - o Nabokov é um tarado), Mississipi em Chamas, Estórias de Alvalade  :D , Metamorfose (só para quem gosta do género), Ninguém Escreve ao Coronel (Garcia Marquez), Baudolino (excelente!), Children of Dune (infelizmente em inglês...não existe o Dune em português)....
Leio nesta altura um livro intitulado "Pif-Paf" que contém textos de vários géneros de Millôr Fernandes.

Para quem não conhece, Millôr Fernandes é um brasileiro conhecido sobretudo pelos seus textos humorísticos, mas também pelos seus desenhos, também de humor. Consegue ser brilhante. Algumas citações suas:

"Se Deus fosse contra olhar para as mulheres que passam não teria feito o pescoço com tal mobilidade"

"O voto é a arma do cidadão. A arma é o voto do governo"

"O pior não é morrer. É não poder espantar as moscas"

"Pessimista mesmo é o sujeito que vê as ondas do mar recuando e acha que elas nunca mais vão voltar".
E eu entretanto, depois do Codigo Da Vinci comecei e acabei um pequeno livro intitulado Estorias d'Alvalade... embora haja alguma confusao nos relatos, está bastante engraçado.

Recomendo, se é que não leram já... é que a edição já é de 2003!!!!!!
Citação de: "Ao Leo"
Leio nesta altura um livro intitulado "Pif-Paf" que contém textos de vários géneros de Millôr Fernandes.

Para quem não conhece, Millôr Fernandes é um brasileiro conhecido sobretudo pelos seus textos humorísticos, mas também pelos seus desenhos, também de humor. Consegue ser brilhante. Algumas citações suas:

"Se Deus fosse contra olhar para as mulheres que passam não teria feito o pescoço com tal mobilidade"

"O voto é a arma do cidadão. A arma é o voto do governo"

"O pior não é morrer. É não poder espantar as moscas"

"Pessimista mesmo é o sujeito que vê as ondas do mar recuando e acha que elas nunca mais vão voltar".

Quando estive no Brasil entretive-me a comprar e ler alguns autores brasileiros, sobretudo na área do humor eles têm alguns engraçados e outros demasiado pimba, se gostaste desse talvez gostes de um Luis qualquer-coisa Verissimo, que tem umas crónicas sérias mas também umas crónicas malandras.

Acabei as 5 semanas no balão, é engraçado como a nossas perspectiva e gostos mudam em 15-20 anos :)

Agora: Cervantes, finalmente, aí vou eu.
Citação de: "alemid"
Quando estive no Brasil entretive-me a comprar e ler alguns autores brasileiros, sobretudo na área do humor eles têm alguns engraçados e outros demasiado pimba, se gostaste desse talvez gostes de um Luis qualquer-coisa Verissimo, que tem umas crónicas sérias mas também umas crónicas malandras.

Luís Fernando Veríssimo. Gosto sim senhor  :) . Comecei a lê-lo graças às crónicas que escreve no jornal Expresso, tendo entretanto já lido alguns livros que por cá foram editados com compilações de algumas crónicas. Para quem não quiser pegar num romance agora nas férias e lhe apetecer ler algo divertido, aconselho vivamente.
Citação de: "Ao Leo"
Citação de: "alemid"
Quando estive no Brasil entretive-me a comprar e ler alguns autores brasileiros, sobretudo na área do humor eles têm alguns engraçados e outros demasiado pimba, se gostaste desse talvez gostes de um Luis qualquer-coisa Verissimo, que tem umas crónicas sérias mas também umas crónicas malandras.

Luís Fernando Veríssimo. Gosto sim senhor  :) . Comecei a lê-lo graças às crónicas que escreve no jornal Expresso, tendo entretanto já lido alguns livros que por cá foram editados com compilações de algumas crónicas. Para quem não quiser pegar num romance agora nas férias e lhe apetecer ler algo divertido, aconselho vivamente.

LFV, é isso mesmo. Não me lembrava do nome dele e não me apeteceu subir um montão de escadas para ir ver na minha biblioteca :)
Eu li por mero acaso há uns 5 anos, quando estive lá em trabalho alguns meses, nunca tinha ouvido falar mas gostei do nome do livro (uma colectênea chamada "Crónicas da vida privada" ou algo parecido). Aliás, compro montes de livros por impulso, pelo título. Já comprei coisas engraçadas como "O curioso iluminismo do professor Caritat", "Tudo o que eu devia saber na vida aprendi no jardim de infância", "A publicidade segundo o meu tio Olavo", "Ender's Game" (para quem goste de ficção científica, muitissimo bom!), "Deus veio ao Afeganistão e chorou" (meu Deus, que livro fantástico, que coisa escrita de forma tão diferente, recomendo, recomendo, recomendo!), "O cemitério dos barcos sem nome", "A TASS foi autorizada a anunciar...", "O general no seu labirinto" (de Garcia Marquez, na minha opinião quase tão bom quanto o "Cem anos...", no mesmo tom pessimista e fatalista, a não perder"), "A Viagem de Morgan" (de Collen McCoulough, esta escritora às vezes surpreende, este livro é muito engraçado), "Meia noite no jardim do bem e do mal" (talvez no top-30 dos livros que li, muito bom, sardónico, irónico, muito bem, pena a porcaria de filme que fizeram baseado nele), "Memórias de Adriano", ...

Mas queres humor a sério? Já leste Woody Allen? Não percas!

(desculpem o testamento...adoro falar de livros...adoro mesmo, deve ser o meu 2º amor depois do Sporting  :oops: )

(tenho uma t-shirt que diz "tantos livros, tão pouco tempo", uma coisa que me faz imensa pena é que mesmo que pare de comprar livros e só leia os que já tenho, não conseguirei le-los todos  :wall:  dá-me imensa pena perder tanta coisa escrita e ainda por escrever, dá-me mesmo pena)
Citação de: "alemid"

Mas queres humor a sério? Já leste Woody Allen? Não percas!


Woody? Ora, ora... :D
Já leste "Correspondência Gossage-Vardebedian"?
Simplesmente hilariante.  :D
Tudo passa! Na noite de 23 para 24 de março de 2013 ficou provado que sim. VIVA O SPORTING CLUBE DE PORTUGAL!!! É NOSSO OUTRA VEZ!
Citação de: "alemid"
Lolita (bah - o Nabokov é um tarado)
era um tipo com a mania até mais não (mesmo para escritor). era um tipo com um talento enorme. tarado, não sei. somos todos, acho.

li "o Jogador", do Dostoiévski. antes desse tinha lido o "Memórias de um craque", do Fernando Assis Pacheco.
agora enfio-me no "Jakob von Gunten", do Walser. segue-se o Coetzee ou o Roth. nunca li nada deles.

escritores preferidos- o Salinger e o Faulkner. são os preferidos dos preferidos. (e os russos que conheço.)

Citação de: "alemid"
(tenho uma t-shirt que diz "tantos livros, tão pouco tempo", uma coisa que me faz imensa pena é que mesmo que pare de comprar livros e só leia os que já tenho, não conseguirei le-los todos Brick Wall dá-me imensa pena perder tanta coisa escrita e ainda por escrever, dá-me mesmo pena)
épá só podes ser boa pessoa :D
'When the seagulls follow the trawler, it is because they think sardines will be thrown into the sea' - Eric Cantona