Wiki Sporting, a enciclopédia do Sporting Clube de Portugal

Forum SCP - A Comunidade do Sporting Clube de Portugal


Olá, Visitante. Por favor Entre ou Registe-se se ainda não for membro.
Setembro 03, 2014, 08:22

Entrar com nome de utilizador, password e duração da sessão

Anúncios:

Início Início  Ajuda Ajuda  Regras Regras  Pesquisa Pesquisa  Entrar Entrar  Registe-se Registe-se       Wiki Wiki  Links Links 
Fórum SCP - A Comunidade do Sporting Clube de Portugal Assuntos Desportivos Modalidades de Outras Equipas, Selecções e Atletas (Moderador: Angel Lion) Tópico:

As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.
Páginas: « anterior 1 2 [3] 4 seguinte » Ir para o fundo Imprimir
Autor Tópico: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP (Lida 16077 vezes)

Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #40 em: Abril 27, 2011, 02:08 »



*

Condecorações:Extra-Futebol 2013Extra-Futebol 2012Extra-Futebol 2010Extra-Futebol 2009


Mensagens: 25660
Idade: 30
Masculino


.. uma lenda de ping-pong? Positivo!

Deixem-me que diga que os aumentos do automobilismo devem ser tímidos para não virem aqui. Maldoso
Registado



Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #41 em: Abril 27, 2011, 22:25 »



*
Sénior

Mensagens: 3919
Idade: 24
Localidade: Cacém
Masculino


A minha Lenda:



Nome: Ruben Torpedo
Data de Nascimento: 06/09/1975
Desporto: Pesca Desportiva
Nacionalidade: Brasileiro

Apresentação: Ruben Torpedo é um nome enigmático da Pesca Desportiva a nível mundial, é responsável pelos muitos sucessos dos mais variados mares por esse mundo fora. Nascido em Fortaleza (Brasil), desde cedo que tentava apanhar os peixes do aquário de seu pai, com as mãos. Isto foi, cada vez mais, alimentando o seu "bichinho" pela pesca desportiva.

Aos 19 anos participa no primeiro campeonato regional desta modalidade, ao capturar 3 peixe-gatos de 6 Kg cada um aproximadamente, ficando apenas atrás de um Uruguaio que capturou uma raia de 2 metros e 80 Kg. Apesar de este "quase-sucesso", o Brasileiro não se deixou abater e acabou mesmo por ganhar o seu primeiro torneio aos 23 anos, onde capturou um peixe-agulha de 87 Kg e 3 metros de comprimento que ficou para a história. No rescaldo do seu primeiro feito foi bem visível o seu ar de satisfação ao dizer "É um dia muito feliz para mim, este peixe é um autêntico troféu e se for bem dividido ainda dá para os próximos Natais"

Nos anos seguintes, esteve sempre ligado aos grandes feitos da pesca desportiva mundial, chegando mesmo a integrar a comitiva de captura da Orca Real ao largo da Somália.

Historial:

1994 - Torneio de Pesca Desportiva de Fortaleza ( 2º Lugar - Anzol de Prata )

1998 - Torneio Carioca do Rio Grande ( 1º Lugar - Anzol de Ouro e 3000 R$ de prémio )

2000 - Campeonato do Mundo de Caça à Orca Real na Somália ( 2º Lugar e apuramento directo para o Playoff da Caça ao Cachalote ao largo do Equador)

2003 - Campeonato Escandinavo de Pesca à bóia de silicone (1º Lugar - Sendo o Primeiro desportista a descobrir o verdadeiro bacalhau amarelo, importado nos dias de hoje para o nosso país )

2008 - "Celebração da Cana de Ouro" ( 2º Lugar - Captura de um polvo padre de 60 Kg, que a leilão conseguiu fundar o primeiro museu em terras Britânicas desta modalidade)



Considerações Gerais - Para mim claramente uma lenda do mundo do desporto, fazendo "ferver" em muitos corações o gosto pela pesca desportiva e enriquecendo cada vez mais o vasto conhecimento de espécies marinhas do nosso planeta. Uma opinião mais pessoal, adquiri recentemente o canal Caça e Pesca porque tive imensa curiosidade e não quero perder mais nada na vida deste senhor.

« Última modificação: Abril 27, 2011, 22:33 por Puma_76 » Registado

Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #42 em: Abril 27, 2011, 22:34 »


ex-pi


*
Juvenil

Mensagens: 1423
Idade: 19
Localidade: Torres Vedras
Masculino


A minha Lenda:



Nome: Manuel Moura Vieira da Silveirinha  "Manecas"
Data de Nascimento:  17 de Julho de 1947
Naturalidade: Borbolega
Altura: 1,81 m
Peso: 78 kg

Palmarés:
2 vezes Campeão Nacional Caça Desportiva - Categoria: Fosso Olimpico - C.I. Pevidém

2006 - 8º lugar
2007 - 1º lugar
2008 - 5º lugar
2009 - 1º lugar
2010 - 3º lugar

O "Manecas", como é conhecido, aos 11 anos já praticava Caça, tendo curiosamente como ídolo deste desporto o seu pai, que foi  12 vezes campeão nacional entre 1966 e 1984.

Aos 24 anos ganha pela primeira vez uma etapa do Campeonato Nacional de Caça, já na sua categoria favorita "Fosso Olimpico".

Apesar de ter sido 2 vezes Campeão Nacional, sempre se distinguiu na Caça Livre, sendo o actual detentor do recorde nacional de contra-relógio, com 14 perdizes, 5 patos, 2 raposas e 5 veados caçados em apenas 52 minutos.

Em 2004 ganha um Concurso Internacional, amealhando assim um prémio de 14,55 euros e 2 coelhos para uma jantarada.

Apesar de este curriculo impressionante, só o comecei a admirar em 2005, quando este se muda para o GRANDE Clube Invernoso de Pevidém (sou um adepto ferveroso).

A partir deste momento, nunca mais parei de segui-lo e fui mesmo vê-lo ao campeonato mundial de Caça na Zâmbia, onde este conseguiu o 32º lugar em 32 participantes.

O próprio Manecas diz ainda que o ano mais importante na sua vasta carreira foi 2002, quando conheceu a sua companheira de vida, de casa, de cama e de caça. Sim, estou a falar da Faísca , a sua cadela.

Traça como objectivo o apuramento para os Jogos Alentejanos de 2015, a decorrer em Arraiolos. Portugal é o segundo pais com mais participantes a seguir à Guiné-Bissau.

Para já conta com um Prize-Money de 31 euros, 14 perdizes e 4 coelhos.






Aqui com a sua Faísca
« Última modificação: Abril 27, 2011, 22:38 por pi » Registado
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #43 em: Abril 27, 2011, 22:46 »

a32772

Este tópico está a ficar engraçado.
Fico a aguardar pela apresentação do tipo que é campeão do mundo num empaturranço de cachorros quentes...
Registado
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #44 em: Abril 27, 2011, 22:56 »


CdS - Carlos Carvalho


*

Mensagens: 4063
Localidade: Porto/Coimbra
Masculino


Este tópico está a ficar engraçado.
Fico a aguardar pela apresentação do tipo que é campeão do mundo num empaturranço de cachorros quentes...

eu xD leitao, cachorros, lombo , tudo!!
Registado
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #45 em: Abril 27, 2011, 22:56 »



*

Condecorações:Extra-Futebol 2008


Mensagens: 11080
Idade: 31
Localidade: Lisboa, Portugal
Masculino

WWW
Vasco Malhas


Vasco Malhas (equipado de branco) a jogar na Catedral em 2004 no Campeonato Individual de Malha em Idanha-a-Nova

Nome: Vasco Malhas
Data de Nascimento: 19 de Julho de 1958 (52 anos)
Naturalidade: Pampilhosa da Serra, Portugal
Altura: 1,78m
Peso: 86 kg

Este desporto é uma tradição na família Malhas, sendo que Vasco iniciou-se precocemente aos 7 anos de idade quando representou a equipa de Pampilhosa da Serra junto do seu Pai (João) e do seu Tio (Joaquim) que viriam a vencer o Torneio de Jogos Tradicionais de Castelo Branco em 1965. Apesar da sua tenra idade, Vasco mostrou porque razão também ele é um "Malhas" e, servindo como ajudante do seu Pai e do seu Tio, foi peça fundamental na conquista do torneio. Corre a lenda que apesar de estarmos em meados de Agosto (1965), chovia copiosamente, situação que prejudica a boa prática do jogo da malha. Foi nessas condições climatéricas adversas que Vasco Malhas teve a audácia necessária ao limpar a malha do seu Tio Joaquim na sua camisola de flanela e foi esse pequeno gesto fez toda a diferença dando a vantagem quando derrubaram o meco, conseguindo os pontos necessários para se sagrarem campeões desse ano. Apesar deste episódio, só começou a jogar à malha de forma mais séria a partir dos seus 18 anos quando o seu Pai lhe ofereceu duas malhas em pedra-mármore.
Tem um vasto historial que fala por si:

Torneio de Equipas de Jogos Tradicionais de Castelo Branco
1965 - 1º lugar (ajudante);
1976 - Não participou por não se sentir preparado psicologicamente;
1977 - 7º lugar (com o seu Pai João Malhas);
1978 - 5º lugar (com o seu Pai João Malhas);
1979 - 8º lugar (com o seu Pai João Malhas);
1980 - 2º lugar (chateou-se nesse ano com o seu Pai, participou com o seu tio Joaquim Malhas);
1981 - 2º lugar (o seu Tio faleceu nesse ano, participou com o seu sobrinho José Malhas);
1982 - 6º lugar (reatou a relação com o seu Pai, participou novamente com ele para se voltarem a chatear durante o torneio);
1983 a 1999 - 1º lugar (com o seu sobrinho José. Sim, o Vasco Malhas venceu 16 anos consecutivos! Muitos culpabilizam-no pela "seca" de títulos vivida pelo Sporting Clube de Portugalwiki até porque Vasco é um fervoroso adepto desse clube);

Após tantas conquistas, Vasco Malhas quis dar o salto e iniciou a sua participação a nível individual em Idanha-a-Nova.

Campeonato Individual de Malha em Idanha-a-Nova
2000 - 1º lugar
2001 - 1º lugar
2002 - 1º lugar
2003 - 1º lugar
2004 - 1º lugar

Campeonato Nacional do Jogo da Malha - iniciou-se em 1990 a 1ª edição de Campeonato que por questões de logística só é realizado de 5 em 5 anos
1990 - 3º lugar
1995 - 2º lugar
2000 - 1º lugar
2005 - Não participou por se encontrar em recuperação da lesão obtida ao ter assistido ao vivo ao Concurso Internacional de Caça Desportiva em 2004 e ter levado um tiro no ombro direito daquele que seria o vencedor desse ano;

Após este incidente, Vasco Malhas teve de terminar prematuramente a sua carreira ao ser-lhe amputado o braço direito. Hoje ainda costuma jogar em amigáveis com o seu sobrinho, mas que ambos só podem utilizar o braço esquerdo.
Registado

"Por cada leão que cair, outro se levantará." - António Oliveira
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #46 em: Abril 27, 2011, 23:00 »

a32772

Acho que vou ver o meu nome inscrito neste tópico. Sim, porque eu era o campeão da minha escola a jogar ao berlinde e aos tazos!
Registado
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #47 em: Abril 27, 2011, 23:10 »


CdS - Sr. Fernando


*

Mensagens: 326
Idade: 22
Localidade: Mem-Martins
Masculino


A Minha Lenda:




José Pardal

Nome: José Vitor dos Santos Pardal
Data de Nascimento: 9 de Outubro de 1930
Naturalidade:Venda das Pulgas, Mafra.
Altura: 1,80m
Peso: 78 kg


O Prof. Dr. José Vitor dos Santos Pardal nasceu a 9 de Outubro de 1930, na Venda das Pulgas.
Era ainda criança, tinha oito anos de idade, quando o pai lhe ofereceu um casal de pombos-correio, isto despertou-lhe o bichinho da columbofilia. Com cerca de 12 anos de idade teve oportunidade de enviar alguns pombos a concurso, através da Sociedade Columbófila de Jeromelo e, mais tarde, pela Sociedade Columbófila de Alcainça, ambas situadas em Mafra.

Nessa época o tempo dispensado aos pombos era escasso, uma vez que, tinha de contemplar, prioritariamente, os estudos, o futebol, o escutismo e algumas actividades caseiras, nomeadamente o concurso de Queijadas em Sintra, onde fazia equipa com a sua mãe Teresa e onde conseguiu dois Primeiros lugares e um Terceiro Lugar.  

Manteve sempre interesse pela columbófilia, tendo deixado na terra natal, pombos, pombal e restante família para rumar a Coimbra, onde viria a frequentar o curso de medicina, e a integrar a equipa de futebol da Associação Académica de Coimbra.

Passaram-se assim mais alguns anos, mesmo para além da licenciatura e somente voltou a desenvolver directamente a actividade columbófila, depois de abandonar a prática do futebol.

Finda a actividade futebolística e já assistente da Faculdade de Medicina, passou a habitar a "República do Ninho dos Matulões", na alta coimbrã. Aí instalou um pombal. Foi assim que passou a ser columbófilo activo em Coimbra, primeiro no Grupo Columbófilo dos Olivais e na Sociedade Columbófila de Coimbra, que acabara de reaparecer, e posteriormente no Grupo Columbófilo de Coimbra. O primeiro concurso em que participou foi uma prova com solta de Santarém, em 1958, na estreia daquele que viria a ser um dos ex-líbris deste desporto a nível mundial, CHARTER, o Famoso pombo-correio de raça chinesa.

Entre 1958 e 1967, esta dupla conquistou 7 titulos distritais, 27 competições organizadas por particulares, entre as quais o conceituado Torneio Internacional de Castelo Branco e foi 7 vezes campeão nacional, onde proporcionou  fantasticos duelos, com o seu grande rival Rui da Graça e o seu fantastico pombo-correio, de seu nome Cajó (diminutivo de Carlos Jorge), entre os quais o campeonato de 1966 que se realizou no Gerês, e onde so foi possivel declarar vencedor José Pardal recorrendo ao Foto Finish.

Em 1968 CHARTER adoece, e poe fim á sua carreira, por este pombo ter dado muito ao columbofilismo nacional a FPC (Federação Portuguesa de Columbofilismo) decide fazer                  uma homenagem, que teve lugar num pinhal perto de Borbolega no alentejo, e a meio dessa cerimonia, assistiu-se a um dos episodios mais tristes do columbofilismo nacional, Charter que realizava um pequeno voo simbolico, de modo a ser aplaudido pelos milhares de fans deste desporto  é atingido por uma bala perdida, disparada por Manuel da Silveirinha (mais conhecido por manecas), um praticante muito conhecido de caça desportiva.
 
Após este episodio, José Pardal tentou voltar ao topo com outros pombos, como por exemplo: Concord e Boeing. Estas tentativas falharam, e Jose Pardal fez a sua ultima tentativa com a terrivel dupla de pombos irmãos para o campeonato nacional de pares de 1976: Afonso e Vasquinho, mas durante este campeonato, a dupla treinada por José Pardal desaparece misteriosamente, levando a que este desiludido com os sucessivos azares que lhe acontecem, abandone definitivamente esta prática desportiva.

José Pardal deixou de praticar este desporto mas não deixou de ser um dos impulsionadores da modalidade no nosso país,pois após isso, colaborou em diversos cursos de formação de Juízes-Classificadores Locais, Distritais e Nacionais, não só como prelector mas também como examinador em Portugal e Espanha. Foi membro da Comissão Ibero-Latina-Americana para o estudo do pombo Standard.

Foi durante alguns anos Presidente do Grupo Columbófilo de Coimbra e da Associação Columbófila do Distrito de Coimbra.

Foi Vice-Presidente da Federação Columbófila Internacional (FCI), tendo sido indigitado para o estudo do pombo de Sport.

Foi distinguido com :

*** A Medalha de Bons Serviços Desportivos, atribuída por sua Excelência o Ministro da Educação

*** A Medalha de Mérito Desportivo, atribuída pela Câmara Municipal de Coimbra (1994)

*** A Medalha Dourada com Colar da Federação Portuguesa de Columbófilia (1998)

*** O Prémio "Carreira Desportiva", da Confederação do Desporto de Portugal (2001)

*** A medalha de mérito desportivo da Câmara municipal de Mafra( 1997)

Palmarés:

Em parceria com os seu Pombo Charter (o único parceiro que lhe deu Titulos), Venceu 12 campeonatos distritais, 27 competições organizadas por colectividades espalhadas pelo mundo e 7 titulos nacionais (1958,1960,1961,1963,1964,1966,1967).
Charter foi eleito anilha de ouro 9 vezes consecutivas entre 1958 e 1967.

Charter:
 
Afonso e Vasquinho:


                                      
Columbofilia é Paixão  
« Última modificação: Abril 27, 2011, 23:43 por Kutuzov » Registado

Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #48 em: Abril 27, 2011, 23:15 »



*
Veterano

Mensagens: 11948
Idade: 24
Localidade: Ermesinde
Masculino


Charter:
 


Era num destes que vinham os chineses?
« Última modificação: Abril 28, 2011, 23:18 por Luis Araujo » Registado
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #49 em: Abril 28, 2011, 01:35 »



*

Condecorações:Extra-Futebol 2013Extra-Futebol 2012Extra-Futebol 2010Extra-Futebol 2009


Mensagens: 25660
Idade: 30
Masculino


.. o pessoal está mesmo a levar isto a sério? Positivo!
Registado

Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #50 em: Abril 28, 2011, 18:43 »



*
Juvenil

Mensagens: 656
Idade: 26
Localidade: Lisboa
Masculino


Este tópico está a caminhar a passos largos para se tornar o tópico do ano 2011! É só personagens lendárias do desporto internacional e nacional e nas mais variadas modalidades!
Registado
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #51 em: Abril 28, 2011, 21:59 »


CdS - Carlos Carvalho


*

Mensagens: 4063
Localidade: Porto/Coimbra
Masculino


.. o pessoal está mesmo a levar isto a sério? Positivo!

achas? procurando na internet pelo nome das ultimas lendas nao encontro nada  Vermelho
Registado
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #52 em: Maio 19, 2011, 00:59 »



*
Veterano

Mensagens: 6730
Idade: 42
Localidade: Amadora, Portugal
Masculino


Um dos meus ídolos. Um dos melhores e mais perfeitos atletas de sempre. A perfeição na proporcionalidade. Numa disciplina tão difícil e exigente em todos os grupos musculares (já repararam que quase todos os músculos [braços, pernas, lombares, abdominais, costas, peitorais] têm de trabalhar num salto com vara?), este senhor conseguiu bater 35 recordes mundiais (só isto já é um recorde), fora os recordes europeus e olímpicos.
Sempre que havia um meeting de atletismo o interesse principal era saber se o Serguei Bubka iria bater ou não mais uma vez o recorde mundial. A diferença de categoria entre ele e os restantes era tão grande que enquanto ele andava a bater os recordes nos 6,10 e 6,12, os outros raramente ultrapassavam os 5,80m.

Fica uma história gira numa vez que esteve a competir em Alvalade num meeting do Sporting. O nosso presidente Sousa Cintra resolveu interromper o meeting para apresentar o Iordanov como nova contratação, precisamente no momento em que a grande estrela do meeting (Bubka) ia fazer o seu salto.  Rir Muito Alto




Citação de: Wikipedia
Serguei Bubka


Serguei Nazarovitch Bubka (4 de Dezembro de 1963) é um ex-atleta ucraniano especializado em salto com vara. É considerado por muitos o maior saltador com vara de todos os tempos, cujos destaques na carreira são as seis vitórias consecutivas no Campeonato Mundial de Atletismo a medalha de ouro nos Jogos Olímpicos de 1988 e a quebra de 35 recordes mundiais de salto com vara (17 ao ar livre e 18 em recintos fechados).
Biografia

Nas mãos do treinador Vitaly Petrov, começou a se destacar nas competições locais, primeiro com o mencionado salto de 2,70 metros aos 11 anos e logo superando os cinco metros com 16 anos.

Em 1981 seu nome saiu do anonimato internacional quando foi o sétimo do Campeonato Europeu Júnior. A esta altura, seu potencial causava admiração. De fato, apesar de ter se classificado como oitavo no campeonato nacional, o treinador da equipe soviética, Igor Ter-Ovanessian, incluiu-o na seleção que participaria no primeiro Campeonato Mundial de Atletismo, em Helsinki, em 1983.

Lá saltou para a fama. Com uma altura de 5,70 m, conseguiu o campeonato mundial na primeira edição dessas competições. A partir daí se empenhou para mostrar que seu título não tinha sido conseguido por acaso. Melhorou ano após ano. Em 1984 conseguiu seus primeiros recordes mundiais. O primeiro em competições em ambientes fechados estabelecendo uma marca de 5,81 metros, que quebrou posteriormente em três ocasiões. Logo, ao ar livre, marcou outro com 5,85 m, que ele mesmo superou quatro vezes. Naquele ano bateu nove recordes mundiais, no total.

Tudo teria sido perfeito se o bloco comunista não houvesse boicotado os Jogos Olímpicos de Los Angeles. Provavelmente, essa teria sido sua primeira medalha olímpica. Mas ele soube esperar e quatro anos depois, em Seul, a ganhou. Sucederam-se os campeonatos mundiais. Até ao de Sevilha, ganhou todos: Roma 87, Tóquio 91, Estugarda 93, Gotemburgo 95 e Atenas 97.

A hegemonia de Bubka parecia inabalável. Teve seus altos e baixos, mas se recuperava quase de imediato. Em competições sob teto, seu recorde foi batido pelo francês Thierry Vigneron (5,85 m em 1984) e pelo americano Billy Olson (5,86 m em 1985). Vigneron superou ao ar livre a marca de Bubka, impondo a sua própria, de 5,91 m, superior em um centímetro. Mas dez minutos depois Serguei mostrou sua garra ao chegar três centímetros mais alto e deixar em segundo o francês.

Bubka tem sido incansável até para o próprio Bubka. Nem ele mesmo conseguiu bater o seu recorde de 6,15 m em local fechado, conquistado em 21 de fevereiro de 1993. Se aproximou, com outro recorde mundial, num salto de 6,14 m ao ar livre em 31 de julho de 1994. Ambos seguem valendo e parecem difíceis de serem batidos. O melhor saltador do momento, o russo Maksim Tarasov, tem a marca de 6,05 m.

As lesões começaram prejudicar o grande saltador. Na última competição seu tendão de Aquiles foi seu principal obstáculo.

Alguns feitos da carreira de Sergei Bubka:
1983 - Ganha o Mundial de Helsinki aos 19 anos
1984 - Quebra o recorde mundial pela primeira vez, saltando 5,85 m
1985 - Torna-se o primeiro homem a ultrapassar a marca dos 6 m
1988 - Conquista a sua única medalha olímpica, ouro em Seul
1994 - Quebra pela 35ª vez o recorde mundial, saltando 6,14 m
1995 - Quebra o recorde mundial indoor, saltando 6,15 m
2001 - Abandona o atletismo aos 37 anos

Registado

ex-dmalmeida
David Almeida - LE S: A27 F: 22 N: 39 Sócio Nº 14864
Σπόρτινγκ - Assim se escreve Sporting em grego. Спортинг - em Russo. Em japonês é スポルティング・リスボン.
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #53 em: Maio 19, 2011, 01:50 »



*
Veterano

Mensagens: 6730
Idade: 42
Localidade: Amadora, Portugal
Masculino


Miguel Indurain



Para mim, o melhor ciclista de todos os tempos. E isto não é uma opinião de quem apenas leu uns sites sobre ele e os outros - é a opinião de quem acompanhava ao minuto toda a performance do Miguel sobretudo no Tour.

O Indurain tinha uma fisiologia superior aos outros atletas. O seu sangue levava 7 litros de oxigénio ao seu corpo em cada minuto, comparado com os 3-4 de uma pessoa normal e os 5-6 dos atletas. O seu ritmo cardíaco era de 50 litros por minuto, cerca do dobro de um ciclista amador. A capacidade dos pulmões do Miguel era de 7,8 litros quando a média dos outros atletas se fixava nos 6 litros. A sua pulsação em descanso era de cerca de 28 bpm ( Shocked Shocked) comparado com a média dos outros que costuma andar entre os 60-72 bpm, o que implica que o seu coração estaria mais descansado nas duras etapas de montanha.

Ganhou 5 Tours seguidos (falhou o 6º devido a uma bronquite na primeira semana do Tour) e era impressionante ver as suas performances. Recordo-me de algumas fases em que o Indurain ganhava 3 e 4 etapas seguidas, sendo 2 de montanha e outra de contra-relógio. Mas não era ganhar em cima da meta..... era muitas vezes dar autênticos bigodes à concorrência. O Indurain praticamente que não precisava da equipa para o trabalho de equipa a proteger o seu líder - ele fazia isso por ele próprio.

Olhar para o Indurain a andar de bicicleta não era muito diferente de olhar para o mecanismo de um relógio suíço - aquelas pedaladas pareciam automatizadas - quer estivesse a subir, a descer ou a rolar parecia sempre que as rotações por minuto não mudavam.
Era ele que puxava nas etapas de montanha, ou a rolar. Era ele que dobrava outros candidatos à vitória nos contra-relógios quando eles tinham partido 6, 8, 10, 12 minutos antes.

Por algum motivo ele teve as alcunhas de "Extraterrestre", "Miguelón" e "Big Mig"




Um pequeno vídeo de ele a passar o Amstrong num contra-relógio.... parecia que ia de mota  Shocked


Neste vídeo, vê-se a diferença de esforço no final de um contra-relógio entre um dos grandes ciclistas da altura, Bjarne Riis e o Miguel Indurain. Enquanto nota-se claramente a máscara de esforço na cara de Riis, já o Indurain parece que vinha pronto para fazer mais outro contra-relógio. Já agora, Indurain acaba com quase 1 minuto de vantagem.

Registado

ex-dmalmeida
David Almeida - LE S: A27 F: 22 N: 39 Sócio Nº 14864
Σπόρτινγκ - Assim se escreve Sporting em grego. Спортинг - em Russo. Em japonês é スポルティング・リスボン.
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #54 em: Maio 19, 2011, 01:51 »



*

Condecorações:Extra-Futebol 2013Extra-Futebol 2012Extra-Futebol 2010Extra-Futebol 2009


Mensagens: 25660
Idade: 30
Masculino


.. o Liurai é daqueles que se engata facilmente.
Registado

Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #55 em: Maio 20, 2011, 03:04 »



*
Veterano

Mensagens: 6730
Idade: 42
Localidade: Amadora, Portugal
Masculino


.. o Liurai é daqueles que se engata facilmente.
Azn Azn Não percebi.... Sei que estás a entrar comigo, mas não percebi o pq? Alguma coisa que escrevi?
Registado

ex-dmalmeida
David Almeida - LE S: A27 F: 22 N: 39 Sócio Nº 14864
Σπόρτινγκ - Assim se escreve Sporting em grego. Спортинг - em Russo. Em japonês é スポルティング・リスボン.
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #56 em: Maio 20, 2011, 14:34 »

a32772

Miguel Indurain



Para mim, o melhor ciclista de todos os tempos. E isto não é uma opinião de quem apenas leu uns sites sobre ele e os outros - é a opinião de quem acompanhava ao minuto toda a performance do Miguel sobretudo no Tour.

O Indurain tinha uma fisiologia superior aos outros atletas. O seu sangue levava 7 litros de oxigénio ao seu corpo em cada minuto, comparado com os 3-4 de uma pessoa normal e os 5-6 dos atletas. O seu ritmo cardíaco era de 50 litros por minuto, cerca do dobro de um ciclista amador. A capacidade dos pulmões do Miguel era de 7,8 litros quando a média dos outros atletas se fixava nos 6 litros. A sua pulsação em descanso era de cerca de 28 bpm ( Shocked Shocked) comparado com a média dos outros que costuma andar entre os 60-72 bpm, o que implica que o seu coração estaria mais descansado nas duras etapas de montanha.

Ganhou 5 Tours seguidos (falhou o 6º devido a uma bronquite na primeira semana do Tour) e era impressionante ver as suas performances. Recordo-me de algumas fases em que o Indurain ganhava 3 e 4 etapas seguidas, sendo 2 de montanha e outra de contra-relógio. Mas não era ganhar em cima da meta..... era muitas vezes dar autênticos bigodes à concorrência. O Indurain praticamente que não precisava da equipa para o trabalho de equipa a proteger o seu líder - ele fazia isso por ele próprio.

Olhar para o Indurain a andar de bicicleta não era muito diferente de olhar para o mecanismo de um relógio suíço - aquelas pedaladas pareciam automatizadas - quer estivesse a subir, a descer ou a rolar parecia sempre que as rotações por minuto não mudavam.
Era ele que puxava nas etapas de montanha, ou a rolar. Era ele que dobrava outros candidatos à vitória nos contra-relógios quando eles tinham partido 6, 8, 10, 12 minutos antes.

Por algum motivo ele teve as alcunhas de "Extraterrestre", "Miguelón" e "Big Mig"




Um pequeno vídeo de ele a passar o Amstrong num contra-relógio.... parecia que ia de mota  Shocked


Neste vídeo, vê-se a diferença de esforço no final de um contra-relógio entre um dos grandes ciclistas da altura, Bjarne Riis e o Miguel Indurain. Enquanto nota-se claramente a máscara de esforço na cara de Riis, já o Indurain parece que vinha pronto para fazer mais outro contra-relógio. Já agora, Indurain acaba com quase 1 minuto de vantagem.



Não consigo concordar.
Era muito miúdo quando esse gajo corria mas não dá de maneira nenhuma para concordar com essa análise. O Indurain era um animal de competição em terreno plano nos CRs, na montanha era ultra defensivo e limitava-se a gerir estragos. Além de que na altura não havia assim grandes trepadores para lhe darem luta. E já se sabe que quando as diferenças entre os ciclistas não são significativas é mais fácil de se gerir estragos  na montanha do que nos CR's planos, em que forçosamente cada um vai por si. É por esta razão que eu sou defensor da existência das crono-escaladas em grandes competições!
Registado
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #57 em: Julho 09, 2011, 02:35 »



*
Sénior

Mensagens: 3480
Idade: 28
Localidade: Lisboa
Masculino


Miguel Indurain



Para mim, o melhor ciclista de todos os tempos. E isto não é uma opinião de quem apenas leu uns sites sobre ele e os outros - é a opinião de quem acompanhava ao minuto toda a performance do Miguel sobretudo no Tour.

O Indurain tinha uma fisiologia superior aos outros atletas. O seu sangue levava 7 litros de oxigénio ao seu corpo em cada minuto, comparado com os 3-4 de uma pessoa normal e os 5-6 dos atletas. O seu ritmo cardíaco era de 50 litros por minuto, cerca do dobro de um ciclista amador. A capacidade dos pulmões do Miguel era de 7,8 litros quando a média dos outros atletas se fixava nos 6 litros. A sua pulsação em descanso era de cerca de 28 bpm ( Shocked Shocked) comparado com a média dos outros que costuma andar entre os 60-72 bpm, o que implica que o seu coração estaria mais descansado nas duras etapas de montanha.

Ganhou 5 Tours seguidos (falhou o 6º devido a uma bronquite na primeira semana do Tour) e era impressionante ver as suas performances. Recordo-me de algumas fases em que o Indurain ganhava 3 e 4 etapas seguidas, sendo 2 de montanha e outra de contra-relógio. Mas não era ganhar em cima da meta..... era muitas vezes dar autênticos bigodes à concorrência. O Indurain praticamente que não precisava da equipa para o trabalho de equipa a proteger o seu líder - ele fazia isso por ele próprio.

Olhar para o Indurain a andar de bicicleta não era muito diferente de olhar para o mecanismo de um relógio suíço - aquelas pedaladas pareciam automatizadas - quer estivesse a subir, a descer ou a rolar parecia sempre que as rotações por minuto não mudavam.
Era ele que puxava nas etapas de montanha, ou a rolar. Era ele que dobrava outros candidatos à vitória nos contra-relógios quando eles tinham partido 6, 8, 10, 12 minutos antes.

Por algum motivo ele teve as alcunhas de "Extraterrestre", "Miguelón" e "Big Mig"




Um pequeno vídeo de ele a passar o Amstrong num contra-relógio.... parecia que ia de mota  Shocked


Neste vídeo, vê-se a diferença de esforço no final de um contra-relógio entre um dos grandes ciclistas da altura, Bjarne Riis e o Miguel Indurain. Enquanto nota-se claramente a máscara de esforço na cara de Riis, já o Indurain parece que vinha pronto para fazer mais outro contra-relógio. Já agora, Indurain acaba com quase 1 minuto de vantagem.



Ainda me lembro das últimas 2 vitórias do Indurain no Tour. Belos tempos, em que um gajo era puto, estava de férias e não perdia pitada das transmissões da Volta a França, sempre com os comentários do mítico Marco Chagas!  Grin

Que saudades pá! Das fugas do Laurent Jalabert e do grande Richard Virenque, que sacava sempre o Prémio de Montanha...aquela camisola das bolinhas! 

Nunca fui à bola com o Amstrong. Quando o Indarain abandonou, passei a torçer pelo Alex Zulle e, mais tarde, pelo Jan Ullrich...mas o sacana do americano limpava aquilo como quem limpa o rabo a meninos.
Registado
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #58 em: Julho 09, 2011, 03:20 »



*
Veterano

Mensagens: 5068
Idade: 27
Localidade: Évora
Masculino


Só hoje dei com este tópico.

Durante o tempo em que corria contra Ullrich nunca gostei muito dele, mas a maior lenda que me lembro de ver no desporto foi mesmo o Lance. A SCasanova já fez um óptimo resumo.

Outras lendas que acompanhei (umas mais que outras) e de que gosto: M Jordan, Tyson, Schumacher.
« Última modificação: Julho 09, 2011, 03:32 por romero » Registado
Re: As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP , « Resposta #59 em: Julho 09, 2011, 03:58 »



*
Sénior

Mensagens: 3480
Idade: 28
Localidade: Lisboa
Masculino


O forista Liurai considera Indurain o melhor ciclista de todos os tempos. É a sua opinião e será certamente fundamentada pelo facto de ter acompanhado o seu percurso. Eu lembro-me mal do espanhol, era muito novo, apenas me recordo das suas últimas vitórias no Tour, tendo como principal adversário, salvo erro, Alex Zulle (outro grande ciclista, a quem faltou uma vitória na Volta a França).

Do meu ponto, e embora antipatize um pouco com a personagem, o melhor que vi (com olhos de ver), foi Lance Amstrong. Quando  homem arrancava, na montanha, quem é que tinha pedalada para seguir na sua roda? Está quieto...

Ainda assim, há quem afirme que, mesmo Amstrong, não se comparava ao "canibal" Eddie merckx. Mas, lá está, esse nunca o vi correr!
Registado
Gosta deste tópico? Partilhe-o:
Páginas: « anterior 1 2 [3] 4 seguinte » Ir para o topo Imprimir
Fórum SCP - A Comunidade do Sporting Clube de Portugal Assuntos Desportivos Modalidades de Outras Equipas, Selecções e Atletas (Moderador: Angel Lion) Tópico:

As Lendas | O Hall of Fame do Fórum SCP

« tópico anterior seguinte »
Ir para:

Powered by SMF 1.1.19 | SMF © 2011, Simple Machines
Tema SMFone modificado por Avantix e Paracelsus.
Optimizado para o Mozilla Firefox na resolução 1024 x 768.
© 2004 - 2010 | Fórum SCP | Alguns Direitos Reservados
Fórum não-oficial do Sporting Clube de Portugal

Ajuda | | Sitemap | Política de Privacidade