Matías Fernández

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

***** Fevereiro 25, 2012, 14:38 pm
Não estou a duvidar da qualidade que o Matias tem, bem pelo contrário, é um jogador que aprecio já bem antes de vir para o Sporting.

Se vendemos o melhor (dos melhores) jogador do plantel por 5 milhões mais vale começar a fechar as portas.

Aqui está a questão, precisamos de dinheiro, venha ele de onde venha.

Além das contratações desta época, em que maioria da percentagem dos passes já não nos pertence, o Matias ainda é dos poucos jogadores que tem mercado, principalmente na América do Sul, e que ainda podemos ganhar algum dinheiro com a sua venda.

Perguntas-me se sou contra a venda dele? Claro que sou. Mas vindo deste Sporting actual, a venda dele estará de certeza em cima da mesa. Precisamos de financiamento como um ser humano precisa de ar para respirar.
** Fevereiro 25, 2012, 14:46 pm
por mim só saía por valores próximos dos 10 milhões
***** Fevereiro 25, 2012, 14:46 pm
5M creio que seria muito bom.

que jogador internacional pelo seu país (mas por um país com a qualidade dum chile), deste nível, consegues tu contratar por 5 milhões? é com cada um...  ::)


Quanto pagamos por ele?  Quantos jogos de altíssimo nível, fez para merecer esta áurea de jogador decisivo?


Tens razão, é com cada um.

Mais jogos que posts teus.


Vai uma aposta que não?  ;)


Podes começar por contar o jogo em Alvalade contra o Légia, depois, não é preciso recuar muito, contas o jogo em Varsóvia contra o Légia... Se tiveres interesse em chegar a uma real conclusão vais aos posts dos jogos do Sporting CP e vez por quantas vezes foi considerado pelo fórum o melhor em campo...
* Fevereiro 25, 2012, 14:55 pm
Custam-me ver certas apreciações a Matias. Vamos no terceiro ano de mediocridade colectiva e este é um dos jogadores, atreito a lesões que seja e mesmo com os defeitos que tem, que destoa dessa mediocridade. Jogador de impacto, que mexe com o jogo, tem características únicas e pensava eu que deveria ser daqueles defendidos como um dos pilares de um Sporting mais forte. É dos nossos melhores jogadores e choca-me que seja posto em causa. Não rende de acordo com a qualidade técnica que tem? Não. Mas tendo em conta o que se vê à sua volta, rende. Ponto. Numa equipa que funcionasse, só posso especular o que seria do futebol de Matias, num futebol de posse e circulação de bola competente, de apoios e de linhas de passe por dinâmicas e movimentações ao nível do que se exige a uma equipa de futebol. Matias não fez ainda uma grande época? Quem a fez e quem seria capaz de fazer nesta mediocridade colectiva, a não ser Patrício?

Matias teve até ao momento, nestas duas épocas e meia, 4 ausências prolongadas. A primeira, estragou-lhe a primeira volta da época passada, mas regressa em Fevereiro e foi decisivo, jogo após jogo, levando literalmente a equipa às costas, em termos ofensivos, acabando o ano com 7 golos e 7 assistências. Tendo em conta o tempo jogado e os problemas colectivos, muito bom.

Esta época parou 3 vezes e esteve ausente mais de 3 meses. Tem 4 golos e 5 assistências ( dados transfermarkt, onde contabilizam por assistências, penaltis sofridos ) . Aimar, no benfica, tem 3 golos e 9 assistências, numa equipa que tem um rendimento infinitamente superior ao nosso e que marca, em todas as competições, não muito longe do dobro do que nós marcamos. Além de ter feito mais jogos.O argentino está em fim de carreira, tem um salário altíssimo e os lamps renovam-lhe contrato. Nós? Queremos mandar o chileno embora. Não quero aqui comparar o valor absoluto dos 2 jogadores, mas sim o peso relativo. Sim. Alguém duvida que MF, numa equipa competente e que pense o jogo de forma ofensiva, teria um rendimento muito superior? Ou que Aimar, numa equipa com o desempenho da nossa, não teria muito mais dificuldades em impor o seu jogo?

Desde que regressou da segunda lesão e começou a ter continuidade, registei-lhe intervenção decisiva no terceiro jogo frente ao Gil, esteve na génese de um dos golos frente ao Feirense, onde está também num lance de penalti não assinalado a nosso favor e tem um fantástico passe frontal para Wolf que o deixa na cara do golo. Marca 2 golos ao Leiria. 1 golo e 1 assistência frente ao Vaslui; na Roménia, em um jogo que se promoveu a rotatividade e fizemos um péssimo jogo, tem outro passe de morte que deixa de novo Wolf na cara do golo; sofre o penalti frente ao Famalicão. Isto tudo em jogos consecutivos até nova lesão frente ao benfica, num sprint de 50 metros ao lado do lateral contrário, cortando o lance. Regressa umas semanas depois e está nos 2 golos frente ao Braga.

Já em 2012, na debacle colectiva do Sporting, inventa do nada o golo que seria o da vitória frente ao porto, escandalosamente falhado por Wolf e Izmailov. Ele e Carrillo fizeram um excelente jogo frente ao Gil, na taça da Liga. Os únicos que jogaram à bola. Matias foi enorme frente ao Nacional, onde foi patrão, mágico, desequilibrador. Esteve na origem do terceiro golo. Nesta eliminatória europeia foi decisivo, mesmo que tenha estado bem abaixo do que tinha feito nos jogos anteriores. Um golo e uma assistência.

Grosso modo, se estamos ainda em prova nas competições europeias e na final da Taça de Portugal, muito se deve ao chileno. Sair? Enfim... estão habituados a ver os nossos jogadores mais capazes a serem substituídos por outros melhores? Eu não. Espero que Sá consiga fazer desta equipa, uma equipa capaz e de olhos na baliza contrária. Jogadores como este, que em cada 180 minutos fazem um golo ou uma assistência, agradecem. Eu também, que é dos poucos jogadores que anseio, todos os jogos, que tenha a bola. Pela forma como a trata e pelo destino que lhe dá.

Tem 16 golos e 18 assistências pelo Sporting, em 2,5 anos. Romagnoli fez 11 golos e 15 assistências, em 3,5 anos. Numa equipa que marcava mais, sofria menos e fazia mais 20 pontos por época:

Citar
José Silva:

A frase que destaquei é manifestamente exagerada, no pior período da história do clube do clube andávamos sistematicamente entre o 3° e o 4°, não chegávamos nem perto do Jamor e éramos sempre eliminados das competições europeias antes do Natal.
Nesse período ganhar um título de futebol era uma miragem mesmo nos escalões de formação.
Sem estarmos bem já passamos por momentos bem piores.
Eu prefiro comparar Matias a Romagnoli a quem Matias sucedeu no meio-campo. Desde já considero um erro a saída de Romagnoli quando Matias chegou. Apesar de estar farto da irregularidade de Romagnoli ou talvez fosse melhor dizer da regularidade com que jogava mal nos seus últimos tempos, teria sido inteligente manter Romagnoli no plantel de modo a que Matias tivesse tempo para se adaptar. Matias foi lançado às feras e mostrou não estar à altura de ser o organizador de jogo do Sporting.
Comparando os dois anos e meio que Matias leva de Sporting com os dois anos e meio de Romagnoli, Romagnoli tem mais golos e mais momentos decisivos que Matias. Consigo-me por exemplo lembrar-me de jogos contra o Porto e contra o Benfica em que Romagnoli foi decisivo e não consigo encontrar momentos semelhantes em Matias.
E atenção eu não acho que Romagnoli fosse jogador para o Sporting foi um número 10 comprado a preço de saldo, mas Matias foi contratado a preço de estrela por isso tinha obrigação de fazer esquecer Romagnoli desde o primeiro jogo.
A vantagem de Matias relativamente ao seu antecessor é que Romagnoli foi caindo ao longo do tempo e Matias tem melhorado. Nesta eliminatória enfrentou com coragem o meio-campo durinho dos polacos e nos momentos certos meteu na área duas bolas certeiras que foram decisivas para o desfecho da eliminatória; numa eliminatória tão física seria difícil pedir mais a um jogador com as suas características.   
Acredito que Matias ainda pode dar muito ao Sporting, mais infelizmente ainda não é o 10 que a equipa precisa.


Exagerada, como assim? Nas 2 últimas épocas acabámos com um aproveitamento de 53% dos pontos ganhos na liga portuguesa. O nosso pior registo de sempre. E fizemos tal coisa DOIS anos seguidos.

Quanto aos números e momentos decisivos destes 2 jogadores, penso que estamos conversados e isto numa realidade competitiva da equipa de futebol do Sporting, claramente incomparável.
*** Fevereiro 25, 2012, 15:13 pm
 :lol: :lol: :lol:

"Matías foi comprado ao preço de uma estrela e não tem rendido como tal..."

Depois de ler esta atoarda, vou-me sentar aqui descansadinho, à espera  que um tal Elias, comprado ao preço de três sóis, desate a ofuscar os nossos adversários em jogos consecutivos...

Isto realmente vale tudo, menos tirar olhos...  :rotfl:


EDIT: Já nem quero ser mauzinho e falar do Pongolle, que parece-me que custou duas estrelas...
*** Fevereiro 25, 2012, 15:17 pm
Querem o jogador!!e nos queremos dinheiro!!...15 milhões e pode ir!!...
**** Fevereiro 25, 2012, 15:26 pm
Matías tem de estar blindado, especialmente quanto à especulação.
Ele gosta do nosso clube e da vida que tem cá. Umas palavrinhas e esquecia esse atlético mineiro num instante. E lá por eles terem apoio bancário não significa que possam bater a clausula do Matías.

Quem diz que ele era bem vendido por 5M, sinceramente... com esta direcção não surpreendia, mas era MUITO mal vendido
** Fevereiro 25, 2012, 15:42 pm
Por mais de 10 milhões, era de pensar bem. Temos de ter em conta a actual conjuntura do clube...
****** Fevereiro 25, 2012, 15:50 pm
Há gente neste tópico que merece o Sporting que tem.
*** Fevereiro 25, 2012, 15:50 pm
Exagerada, como assim? Nas 2 últimas épocas acabámos com um aproveitamento de 53% dos pontos ganhos na liga portuguesa. O nosso pior registo de sempre. E fizemos tal coisa DOIS anos seguidos.

Quanto aos números e momentos decisivos destes 2 jogadores, penso que estamos conversados e isto numa realidade competitiva da equipa de futebol do Sporting, claramente incomparável.

De facto o aproveitamento no campeonato é péssimo isso eu não contesto, mas infelizmente lembro-me de períodos bem mais negros do que este. Um apuramento para a final da taça e uma presença nos oitavos de final da Liga Europa não chegam para salvar uma época, mas não é sério dizer que nunca estivemos tão mal.

Relativamente à comparação Matias/Romagnoli fizeste o trabalho de casa bem melhor que eu, que me limitei a consultar os dados (errados) da Wikipédia.  Continua a achar que a diferença de produtividade não é assim tão grande e mantenho a ideia de que Matias Fernandez até hoje poucas vezes foi decisivo em jogos a doer, eu espero muito mais do criativo do Sporting do que, de vez em quando, desequilibrar jogos contra equipas do nível do Feirense ou contra o Nacional.
Sendo verdade que a equipa nos últimos anos tem sido pouco competitiva também não deixa de ser verdade que o foi em alguns jogos, nesses momentos houve jogadores que disseram presente e Matias nem por isso.
A eliminatória contra o Légia é para mim um dos pontos mais altos de Matias no Sporting, em dois jogos complicados Matias soube por a sua magia ao serviço da equipa e foi decisivo para o apuramento da equipa, espero que seja para continuar desde já na eliminatória contra o City.

****** Fevereiro 25, 2012, 15:54 pm
Exagerada, como assim? Nas 2 últimas épocas acabámos com um aproveitamento de 53% dos pontos ganhos na liga portuguesa. O nosso pior registo de sempre. E fizemos tal coisa DOIS anos seguidos.

Quanto aos números e momentos decisivos destes 2 jogadores, penso que estamos conversados e isto numa realidade competitiva da equipa de futebol do Sporting, claramente incomparável.

De facto o aproveitamento no campeonato é péssimo isso eu não contesto, mas infelizmente lembro-me de períodos bem mais negros do que este. Um apuramento para a final da taça e uma presença nos oitavos de final da Liga Europa não chegam para salvar uma época, mas não é sério dizer que nunca estivemos tão mal.

Relativamente à comparação Matias/Romagnoli fizeste o trabalho de casa bem melhor que eu, que me limitei a consultar os dados (errados) da Wikipédia.  Continua a achar que a diferença de produtividade não é assim tão grande e mantenho a ideia de que Matias Fernandez até hoje poucas vezes foi decisivo em jogos a doer, eu espero muito mais do criativo do Sporting do que, de vez em quando, desequilibrar jogos contra equipas do nível do Feirense ou contra o Nacional.
Sendo verdade que a equipa nos últimos anos tem sido pouco competitiva também não deixa de ser verdade que o foi em alguns jogos, nesses momentos houve jogadores que disseram presente e Matias nem por isso.
A eliminatória contra o Légia é para mim um dos pontos mais altos de Matias no Sporting, em dois jogos complicados Matias soube por a sua magia ao serviço da equipa e foi decisivo para o apuramento da equipa, espero que seja para continuar desde já na eliminatória contra o City.



Ai essa memória...
Ainda no jogo com o porco deu um golo que o Izma falhou escandalosamente e que nos dava a vitória e contra o Nacional levou a equipa para a frente quando estávamos em desvantagem.
« Última modificação: Fevereiro 25, 2012, 16:01 pm por FlávioSoares »
**** Fevereiro 25, 2012, 17:08 pm
O Matias Fernandez estabilizou nos ultimos 2 meses relativamente à condiçao fisica. Nao se lesiona ha bastante tempo, o que é positivo. Neste momento, sera talvez um dos 3 principais jogadores do plantel.

Vende-lo agora seria basicamente atirar a toalha ao chao. Nao podemos negar que o Matias nunca atingiu consistentemente o nivel que se previa, por isso pensar em vende-lo por valores elevados é pura ficçao. Mas creio que qualquer oferta abaixo dos 10 milhoes nesta altura deveria ser recusada. No final da epoca, 10 milhoes seria um valor aceitavel para um jogador que nunca se conseguiu assumir no Sporting (embora nao tenha sido por culpa propria na minha opiniao).
**** Fevereiro 25, 2012, 17:08 pm
depois de ler algumas coisas por aqui a frase "o Sporting somos nós" começa a ganhar outro sentido...há adeptos que merecem o sportingzinho dos últimos tempos.

The past is now part of my future,the present is well out of hand Ian Curtis, Heart and Soul
**** Fevereiro 25, 2012, 17:15 pm
Algumas coisas que aqui se escrevessem são incríveis. Gabo a paciência de alguns foristas, como o Lion73, que nunca desistem de tentar argumentar contra ideia pré-concebidas que não irão mudar, porque sempre que o Matias fizer um mau jogo os seis bons serão esquecidos.

Só pedia que esta exigência que se coloca ao Matias também fosse colocada a todos os sectores e jogadores do nosso clube, talvez não nos encontrássemos no fundo do poço.
23 de Março 2013 - A batalha que definirá o desfecho da guerra.
* Fevereiro 25, 2012, 17:19 pm
Como é que se pode construir uma boa equipa quando ao primeiro rumor se pensa logo em vender os melhores? :inde:
Fevereiro 25, 2012, 17:31 pm
Com os crediveis no poder, não me admirava nada que o Matias fosse vendido por meia duzia de tostões...
* Fevereiro 25, 2012, 17:41 pm
Espero que não saia, é um jogador importantíssimo. Vender só pela clausula de rescisão, menos que isso é uma estupidez!
****** Fevereiro 25, 2012, 17:43 pm
Só o venderia pela cláusula, mas não duvido que neste momento o empossado o venderia por 10M€, ou quiçá menos até.
* Fevereiro 25, 2012, 17:48 pm
Na minha opinião 10M pelo Mat1 seria um negócio da china.