[Eleições 2009] Carlos Barbosa da Cruz é candidato?

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.



Para quem acusava a tal "minoria de bloqueio ou a tal oposição" de nao apresentar nem projetos nem rostos alternativos,esta situação só pode ser para rir.


Eu arrisco a dizer que venha quem vier será sempre olhado com desconfiança.Pelo menos no sentido do seu querer e disponibilidade.

SL
Dada a proximidade da data das eleições já começa é a ser ridículo!! Assim que o FSF vira costas parece que afinal ninguém confia em ninguém! E depois falam em união... como é possivel virem tantos nomes à baila?!
Dada a proximidade da data das eleições já começa é a ser ridículo!! Assim que o FSF vira costas parece que afinal ninguém confia em ninguém! E depois falam em união... como é possivel virem tantos nomes à baila?!

É muito simples a explicação: aqueles que poderiam facilmente reunir consenso e candidatar-se à presidência não tem interesse em fazê-lo. E depois o que se vê é um "trabalho de bastidores dos parasitas, aqueles que pretendem alguém para candidato e que lhes permita uma vitória certa e consequente manutenção dos seus tachos.

A questão de terem ou não um projecto é um mal menor porque é notório que dentro destes 13 anos tem sido sempre os mesmos tachistas a manter os seus lugarzinhos, beneficiando das mordomias inerentes, mesmo que as ideias de governação se vão alterando face aquilo que foi publicitado inicialmente há 13 anos. Para eles o que se faça a seguir está sempre tudo bem desde que o seu lugar esteja assegurado...
« Última modificação: Maio 12, 2009, 18:45 pm por a32772 »
Eu acho bom que apareçam tantos candidatos, é sinal de saúde de um clube.
“no small number of these whaling seamen belong to the Azores, where the outward bound Nantucket whalers frequently touch to augment their crews from the hardy peasants of those rocky shores.”
Herman Melville - Moby Dick


Notícias na Hora 
 
18:49 - Futebol - Sporting
Carlos Barbosa da Cruz não será candidato, "em defesa dos interesses" do clube

O advogado Carlos Barbosa da Cruz anunciou hoje que se retira da "corrida" à presidência do Sporting, "em defesa dos superiores interesses" do clube, ao constatar que "despontaram outras alternativas eleitorais credíveis".

Em comunicado enviado à Agência Lusa, aquele vogal da direcção de Filipe Soares Franco sublinha que sempre será "parte da solução e nunca parte do problema" e que por isso não apresentará "qualquer candidatura às próximas eleições" de 05 de Junho.

Carlos Barbosa da Cruz refere que aceitou a hipótese de concorrer "no pressuposto de ser criada uma dinâmica que permitisse a conclusão e implementação do projecto de reestruturação empresarial e financeira" defendida pelo actual Conselho Directivo (CD), que seria "vital para o futuro do clube e para a competitividade da sua equipa profissional".

Recorda que desenvolveu contactos, pela "exigência de um consenso alargado para essa reestruturação", mas que não afirmou publicamente ser candidato, nem fez "qualquer declaração como tal".

"Nos últimos dias, porém, despontaram outras alternativas credíveis que a irem às urnas juntamente com a minha candidatura teriam como resultado a fragmentação da votação e o enfraquecimento do vencedor, qualquer que ele fosse", refere.

Da área próxima da actual direcção do Sporting, deverá avançar na corrida às eleições leoninas José Eduardo Bettencourt, segundo a imprensa desportiva de hoje. Com ele, nessa candidatura, deverão estar Miguel Ribeiro Telles, actual vice-presidente, e Rogério Alves, que se recandidata como presidente da Mesa da Assembleia-geral.

Na "corrida" para a presidência do Sporting estão já como candidatos assumidos Pedro Souto e Paulo Cristóvão, enquanto Carlos Barbosa e Dias Ferreira deverão tomar uma posição final até sexta-feira.

«Opiniões divergentes não significam ataques pessoais»


Notícias na Hora 
 
18:49 - Futebol - Sporting
Carlos Barbosa da Cruz não será candidato, "em defesa dos interesses" do clube

O advogado Carlos Barbosa da Cruz anunciou hoje que se retira da "corrida" à presidência do Sporting, "em defesa dos superiores interesses" do clube, ao constatar que "despontaram outras alternativas eleitorais credíveis".





Citação de: dn
Dias Ferreira recua e não vai a eleições

05 Abril 2006

Dias Ferreira anunciou, ontem, que não será candidato à presidência do Sporting nas eleições de 28 deste mês, por considerar que, "no actual contexto", a sua candidatura não serve "os superiores interesses" do clube.

Todos diferentes; todos iguais...  ::)

Farinha do mesmo saco.
Pretendo ficar amarrado àquilo que foi o sonho de um fundador do Clube.

"Quando se afirma que o mal está no Clube porque a SAD funciona lindamente, estamos chegados a um nível de despudor e de falta de vergonha poucas vezes visto desde que Édipo matou o pai e casou com a mãe."