Tópico dos Filmes

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Queria ver hoje o Trainspotting 2 legandado, mas até agora só encontro "dubaldo", alguém pode recomendar um bom site?

Legendado em português, presumo?
Queria ver hoje o Trainspotting 2 legandado, mas até agora só encontro "dubaldo", alguém pode recomendar um bom site?

Legendado em português, presumo?
Exactamente.

Enviado do meu SM-G350 através de Tapatalk

ESFORÇO, DEDICAÇÃO, DEVOÇÃO E GLÓRIA
https://socionumminuto.pt/
Queria ver hoje o Trainspotting 2 legandado, mas até agora só encontro "dubaldo", alguém pode recomendar um bom site?

Legendado em português, presumo?
Exactamente.

Fazendo download do torrent, acho que não deve ser muito difícil arranjar legendas. Por exemplo aqui tens umas quantas. Agora se a qualidade é decente ou não, não sei, porque eu uso legendas em inglês.

Queria ver hoje o Trainspotting 2 legandado, mas até agora só encontro "dubaldo", alguém pode recomendar um bom site?
Tugaflix
"Eu posso não ter escrito SPORTINGUISTA na testa mas tenho no coração"
So hoje vi o novo Blade Runner e é... meh. ???

Tem como pontos positivos alguma originalidade na história e a direcção artística.

De resto, não tem nada a ver com o primeiro Blade Runner... é um filme desequilibrado, com falta de pace, falta de tensão, muito pouco subtil/inteligente, por vezes mal contado (storytelling pouco conseguida), banda sonora de fraca qualidade quando comparado com o Vangelis do original, interpretações curtas (o Harrison Ford no pouco tempo que tem dá logo uma abada por 5-0 ao Gosling)... e então o que aconteceu ao noir, pá? ???

Saí um bocado desapontado. O filme não é mau, mas o primeiro era um pacote com conta, peso e medida, equilíbrio perfeito e um verdadeiro filme noir, ao passo que este é sensaborao e aborrecido, com uma incrível lentidão até chegar a algum lado ao ponto de um gajo se esquecer do que é que o K estava afinal a fazer ali.

De entre os últimos que vi, destaco três filmes interessantes, dois deles boas surpresas.

O Wind River não foi propriamente uma surpresa, já esperava um filme de qualidade e embora não seja um filmaço, está bom. O Taylor Sheridan escreve muitíssimo bem, já tinha dado provas disso no passado e nesta sua primeira aventura como realizador portou-se bem. Conseguiu criar ambiente tenso e misterioso ao mesmo tempo que criava uma relação entre a belíssima fotografia, os animais e o próprio lado animal das personagens. Um nome a ter em atenção para o futuro. Só foi pena uma cena facilmente identificável a meio do filme que na minha opinião tirou muita força ao mesmo. Quero ver mais dele no futuro.

Uma das surpresas e filme pelo qual ia sem expectativas e completamente às cegas foi o Super Dark Times. O filme dá-nos a conhecer não só um realizador como praticamente toda uma equipa de produção que se estreia aqui. O enredo acompanha a adolescência das suas personagens, o sentimento de culpa e consequências do mesmo. E quero aqui realçar que o elenco juvenil é muito bom, a maior parte deles caras já conhecidas e que farão carreira por Hollywood. Na minha opinião o que estraga um pouco é o último acto, entra numa loucura desenfreada, acelera o pace e transforma aquilo que para mim era essencialmente um drama intenso e humano numa espécie de teen horror movie. Mas não deixa de ser um filme que me causou boa impressão.

Outra boa surpresa foi o Brawl in Cell Block 99. O filme é extremamente violento e cru mas há um balanço interessante porque não é o típico filme série B com porrada a toda a hora, a narrativa sabe parar e acalmar para nos dar tempo a conhecer e de certa maneira entender a personagem. E esta construção funciona muito bem dentro deste género e dentro do ambiente selvagem do próprio filme sempre com uma banda sonora nostálgica a fazer lembrar os filmes de antigamente.
Mas não se pode esconder que o filme é completamente carregado aos ombros pelo Vince Vaughn. Esteve impecável e é tão bom vê-lo a entrar nesta sua "nova" fase da carreira. Depois de True Detective e Hacksaw Ridge, agora mais um papel diferente do seu registo habitual. Like.


Rush, straight outta compton e 12 years a slave. Grandes filmes bibliográficos, aconselho vivamente.
Wubba lubba dub dub, PICKLE RIIIIIIIIIIIIICK!
The Dark Tower é uma cagada autêntica.