Caso Hulk?

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Penso ser no record ou na abola referem-se a este jogador, como tendo representado 5 clubes em apenas 4 meses...mas que a fifa abriu excepção....Só que penso que nestes casos, não pode haver excepções.... :inde:
Sócio 92.508... até morrer Sporting alé.....
Penso ser no record ou na abola referem-se a este jogador, como tendo representado 5 clubes em apenas 4 meses...mas que a fifa abriu excepção....Só que penso que nestes casos, não pode haver excepções.... :inde:

Acho que já houve há 2 épocas com o Mascherano;Corinthians-West Ham-Liverpool,a UEFA ou FIFA autorizaram.
2h9m21s
Penso ser no record ou na abola referem-se a este jogador, como tendo representado 5 clubes em apenas 4 meses...mas que a fifa abriu excepção....Só que penso que nestes casos, não pode haver excepções.... :inde:

Acho que já houve há 2 épocas com o Mascherano;Corinthians-West Ham-Liverpool,a UEFA ou FIFA autorizaram.

yap, mas o belenenses também tentou contratar um jogador assim e não lhes foi dada autorização e também houve uma equipa mediana de um campeonato qualquer que tentou a mesma coisa mas sem sorte o que prova que há dois pesos e duas medidas para situações deste tipo. :inde:
...há dois pesos e duas medidas para situações deste tipo...

Não creio. Deve haver critérios bem definidos. Um deles deve ser a diferença de calendários, por exemplo.
 
«Opiniões divergentes não significam ataques pessoais»

Acho que já houve há 2 épocas com o Mascherano;Corinthians-West Ham-Liverpool,a UEFA ou FIFA autorizaram.


Sim, mas Mascherano só foi tranferido em Janeiro....
Penso que para além do Mascherano já com o Romário tinham abrido uma excepção. Se a FIFA autorizou então está tudo dentro da lei. Caso encerrado

Também achei estranho que o fcp se pusesse numa situação destas, eles nisto não costumam brincar, uma coisa é o Belenenses outra é o fcp, por lá não se costuma brincar aos futebóis.

Esqueçam lá isso, um caso destes nunca irá ser decidido contra o FCP.
Mais, se por acaso levantamos muito o assunto, ainda fazem com que o FCP repita os jogos que fez com o Hulk, por exemplo a Supertaça  :twisted:

Isso não seria bem assim, esse tipo de decisões não é tomada por cá, isso são regras da FIFA e se não tivesse havido autorização eles é que iam decidir sobre o assunto, mas como deram autrorização...  :inde:
Do que julgo saber, o que conta são as épocas desportivas.

Como tal, dada a diferença entre as épocas europeias e asiáticas (tal como as sul-americanas para o caso acima referido) pelo que é possível um jogador ter esse tipo de percurso de clubes.

Tal como é possível, creio, na mesma época de transferências um jogador ser transferido mais que uma vez.

Por outro lado o que foi sancionado no caso Meyong foi a utilização por 3 clubes na mesma época desportiva e não a sua inscrição. O que no caso do hulk julgo não ter acontecido!
Eu sou responsável pelo que escrevo, não pelo que os outros entendem!

Nunca discutas com um idiota. Ele arrasta-te até ao nível dele, e depois vence-te em experiência.
...há dois pesos e duas medidas para situações deste tipo...

Não creio. Deve haver critérios bem definidos. Um deles deve ser a diferença de calendários, por exemplo.
 
Pois tens razão
 Mas esse jogador que o belenenses tentou contratar era brasileiro e a situação dele era igual à do mascherano...
« Última modificação: Setembro 09, 2008, 12:58 pm por 182 »
...Também achei estranho que o fcp se pusesse numa situação destas, eles nisto não costumam brincar, uma coisa é o Belenenses outra é o fcp, por lá não se costuma brincar aos futebóis.
Esqueçam lá isso, um caso destes nunca irá ser decidido contra o FCP.
Mais, se por acaso levantamos muito o assunto, ainda fazem com que o FCP repita os jogos que fez com o Hulk, por exemplo a Supertaça
Isso não seria bem assim, esse tipo de decisões não é tomada por cá, isso são regras da FIFA e se não tivesse havido autorização eles é que iam decidir sobre o assunto, mas como deram autrorização... 

Por acaso, houve uma excepção, e o FCP meteu os pés pelas mãos, embora lá se tenha safado, a questão da ida à LC deste anos esteve tremida, esqueceram-se das consequências de não recorrerem...
Mas já aqui mencionaram que eles teriam recorrido a aconselhamento antes de inscreverem o Hulk, por isso tenho a certeza absoluta que não passa tudo de mau perder galináceo.
     
«Opiniões divergentes não significam ataques pessoais»
Um jornalista que começa um artigo com: " A dúvida foi levantada por um fórum na Internet afecto ao Benfica " devia ser sumariamente despedido....

Dava logo para perceber que dali não ia sair nada que se aproveitasse.

Caso Hulk só mesmo naquelas cabecinhas pensadoras.....
:: Eu Quero Ser Crónico ::
Acho que não restam duvidas que ele jogou por 3 clubes. Vejamos:

A 15 de Março joga pelo Kawasaki Fontale: http://www.j-league.or.jp/SS/eng/j1f/200801000102104_W0201_E.html

A 5 de Abril joga pelo Tokyo Verdy: http://www.j-league.or.jp/SS/eng/j1f/200801000105202_W0201_E.html

A 24 Agosto estreia-se na Liga Sagres pelo FCP: http://www.lpfp.pt/Liga_sagres/pages/jogo.aspx?epoca=20082009&jornada=1&jogo=5162

Agora se a FIFA permitiu a sua inscrição não há caso nenhum.
« Última modificação: Setembro 10, 2008, 02:37 am por FranciscoG »
Agora se a FIFA permitiu a sua inscrição não há caso nenhum.

Isso é uma falácia. Por essa ordem de ideias também o Gil Vicente não devia ter sido punido por usar o Mateus, pois a Liga autorizou a sua inscrição (ainda que obrigada por um tribunal civil) ou o Belenenses não devia ter sido punido por usar o Meyong, pois a Liga também autorizou a sua inscrição.

Eu não sei como funciona o processo de inscrição mas se a Liga ou a FIFA, para autorizarem a inscrição de um jogador precisam de dados fornecidos pelo clube, e o clube fornece dados incorrectos ou incompletos, não se pode imputar à Liga ou à FIFA a responsabilidade por tomar uma decisão baseada nesses dados, pelo que a decisão não é legítima e o responsável terá que ser o clube.

EDIT: de qualquer das maneiras, parece que ele não se inscreveu no Rentistas, já que este era apenas um dos clubes que detinha o passe, portanto não deve mesmo haver caso.
« Última modificação: Setembro 10, 2008, 03:42 am por Eddie Verdde »
Quod scripsi, scripsi.:
Tudo pelo Sporting, nada contra o Sporting.
Banca, Academia, Paulo Bento.
Evolução na continuidade.
Orgulhosamente sós a bater palmas ao mau futebol. Para Alvalade, rapidamente e em força.
Vamos a ver,
 
Agora se a FIFA permitiu a sua inscrição não há caso nenhum.
Isso é uma falácia. Por essa ordem de ideias também o Gil Vicente não devia ter sido punido por usar o Mateus, pois a Liga autorizou a sua inscrição (ainda que obrigada por um tribunal civil)

Logo aqui já devias ter percebido que são coisas totalmente diferentes. Por isso é que houve a bronca que houve.

ou o Belenenses não devia ter sido punido por usar o Meyong, pois a Liga também autorizou a sua inscrição.

Estás a misturar alhos com bugalhos. As Ligas podem autorizar tudo e mais alguma coisa, mas em circunstância alguma isso pode prevalecer sobre as FIFA e UEFA. É óbvio.

Eu não sei como funciona o processo de inscrição

[Q.E.D.]
Já aqui se falou sobre isso.

mas se a Liga ou a FIFA, para autorizarem a inscrição de um jogador precisam de dados fornecidos pelo clube, e o clube fornece dados incorrectos ou incompletos, não se pode imputar à Liga ou à FIFA a responsabilidade por tomar uma decisão baseada nesses dados, pelo que a decisão não é legítima e o responsável terá que ser o clube.

E que eu saiba, os clubes que infringem os regulamentos são punidos, como foi o caso recente do Belenenses.

O que interessa aqui é que se a FIFA e UEFA autorizam, aceitam, sancionam, registam, como lhes quiserem chamar, uma inscrição, ou até, como parece ter sido o caso, respondem a um pedido de informação, isso é lei, pois estão no topo da pirâmide, não há entidade desportiva acima delas.
Se o FCP enviou a uma dessas entidades um pedido de informação, e se este foi respondido favoravelmente, é porque a inscrição do jogador era legítima. Não é credível que interpretassem no momento os regulamentos duma forma diferente da habitual (ainda para mais a favor dum clube meio queimado, bué suspeito, alvo até de bocas do Platini).
Se responderam dizendo que o jogador podia ser inscrito é porque pode.
E não creio que o clube possa ter incluído dados incorrectos no pedido de informação. Isso seria detectado rapidamente.
"Posso inscrever o jogador x na liga tuga?"
"Deixa cá ver... O jogador x... Ora aqui está, jogou na liga y pelo clube z, de tantos a tantos, depois no clube a,  de tantos a tantos, o calendário era o b, agora quer ir para  a liga c, cujo calendário é o d..."
Etc.
De certeza que foi estritamente by the book.
Mas não dá mesmo para perceber porque estamos a discutir balelas, uma vez que quem levantou a lebre foi a lampionagem, o que por si só é suficiente para ignorar o assunto.
         
«Opiniões divergentes não significam ataques pessoais»
O que interessa aqui é que se a FIFA e UEFA autorizam, aceitam, sancionam, registam, como lhes quiserem chamar, uma inscrição, ou até, como parece ter sido o caso, respondem a um pedido de informação, isso é lei, pois estão no topo da pirâmide, não há entidade desportiva acima delas. (...) De certeza que foi estritamente by the book.

Mas não dá mesmo para perceber porque estamos a discutir balelas, uma vez que quem levantou a lebre foi a lampionagem, o que por si só é suficiente para ignorar o assunto.        


Eu não sei se a FIFA/UEFA confirmaram elas próprias a situação do jogador, ou se se limitaram a dar um parecer ao pedido de informação do clube.

Eu não sei se a informação que o FCP enviou à FIFA/UEFA, foi a mesma que agora nos é revelada, tal como não sei o conteúdo do parecer da FIFA.

Eu não sei se o processo de inscrição é independente do parecer da FIFA.

Como tal, não estou em condições de tecer afirmações peremptórias sobre quem tem ou não razão e portanto só me posso limitar a fazer a suposição de que, se a FIFA deu um parecer baseando-se em dados incorrectos, esse mesmo parecer deixa de ter valor e há irregularidade na inscrição do jogador, e foi essa mesma suposição que fiz. De resto, também não tenho a certeza de que realmente o FCP tenha informado a FIFA da situação e tenha recebido parecer positivo da FIFA. Apenas sei que isso é o que é dito pelo Pasquim. E não percebo como é que alguém que acha que se a questão foi levantada pela lampionagem, só pode ser descabida, seja depois capaz de vir fazer eco do mesmo pasquim que achou a questão legítima, ao ponto de escrever uma peça sobre ela.
Quod scripsi, scripsi.:
Tudo pelo Sporting, nada contra o Sporting.
Banca, Academia, Paulo Bento.
Evolução na continuidade.
Orgulhosamente sós a bater palmas ao mau futebol. Para Alvalade, rapidamente e em força.