Ex-jogadores do Sporting

0 Membros e 3 Visitantes estão a ver este tópico.

Citar

«ESTAMOS À ESPERA QUE O SPORTING NÃO DIGA NADA EM DEZEMBRO» - BARCOS
SPORTING 12:43
Por
Redação
Hernán Barcos, avançado argentino de 33 anos, voltou a falar do seu futuro que, para já, permanece uma incógnita. Certo é que o Sporting terá, caso queira, uma palavra a dizer, uma vez é detentor de 30 por cento do passe do jogador, havendo ainda uma opção de recompra.

«Estamos à espera que o Sporting não diga nada em dezembro e que possa ficar livre. Falámos com a direção da Liga de Quito mas não chegámos a acordo ainda. Está nas mãos da Liga», explicou Hernán Barcos, acrescentando que neste momento é «muito difícil, quase impossível» a sua continuidade no emblema equatoriano onde, em 35 jogos esta época, leva 21 golos marcados.

A Bola


até doi ler isto, 5Milhões :'(
Wow, parabéns ao Eric. Ser capitão da selecção inglesa aos 23 anos é impressionante.
Entretanto o Sporting também o congratulou:


De facto, dói saber que não o conseguimos aproveitar tanto quanto se poderia. Acho que mesmo sem aquela cláusula ridícula dos 5M€ ele teria saído mais cedo ou mais tarde, mas mesmo assim, custa. Aliás, para mim não termos conseguido dar aproveitamento à tripla Dier, Bruma e Ilori foi uma das maiores perdas que tivemos nos últimos tempos. Também foram perdas para eles (à excepção de Dier que beneficiou da saída), pois acredito que Ilori tinha um enorme potencial e teria sido muito melhor para ele ficar, e Bruma (que tem conseguido recuperar melhor que Ilori) teria hoje num clube de topo. Com Ilori guardo rancor (aquela frase do "prefiro ficar dois anos no banco no Liverpool do que ficar no Sporting" ou parecido, ficou encravada). Com os outros guardo menos. Bruma vê-se que é uma pessoa muito limitada intelectualmente, e foi claramente influenciado por um agente que era como um pai para ele. O Dier aproveitou a change para ir para a liga de sonho, no seu país de origem, num clube muito bom.
Foi uma pena não aproveitar todo o potencial do Dier, muito por culpa do Godinho, mas acho que beneficiou da saída.

Saiu para um clube que aposta nos jovens sem medo e com colegas de enorme qualidade na melhor liga do mundo e no país da sua seleção.

Mas a verdade é que foi dos poucos jogadores que saírem cedo do nosso clube que teve sucesso.

Parabéns Eric!
Mas a verdade é que foi dos poucos jogadores que saírem cedo do nosso clube que teve sucesso.
:arrow:
Se tivesse ido para um qq ainda lá estava estilo Cedric.
Mas a verdade é que foi dos poucos jogadores que saírem cedo do nosso clube que teve sucesso.
:arrow:
Se tivesse ido para um qq ainda lá estava estilo Cedric.

Não esquecer que fundamental para o sucesso dele foi / é o facto de ser inglês... Fosse português e teria muito mais dificuldade.
GUIMARÃES 2012 - A cultura do mundo numa só cidade...
www.sportingateamorte.blogspot.com
Bom era o Maurício...  ::)
“A lot of football success is in the mind. You must believe you are the best and then make sure that you are.” - Bill Shankly
Citar
SCHELOTTO E A PASSAGEM PELO SPORTING: «CHOREI DE RAIVA POR NÃO TER SIDO CAMPEÃO»
Lateral deixou Alvalade no verão e assinou pelo Brighton

Ezequiel Schelotto deixou Alvalade no último verão para assinar pelo Brighton, depois de ter sido dispensado por Jorge Jesus, e apesar de assumir que passou as 'passas do Algarve' nos últimos tempos de leão ao peito, treinando à parte na pré-época, o lateral italo-argentino não guarda rancor.

"Da minha parte não há explicação [para ter sido dispensado] porque sempre fui exemplar em tudo. Não sei o que falhou. Foi uma decisão do treinador", refere o jogador em entrevista ao 'Correio da  Manhã'. "O que vivi como jogador não desejo a ninguém. Não fazer o que mais gosto foi horrível (...) Só quem passa por isto é que percebe. Foi uma situação horrível, porque num momento és titular, despertas a atenção do selecionador da Argentina e depois começas a treinar sozinho."

Schelotto afirma que ainda hoje recebe mensagens dos adeptos leoninos e lembra que deu tudo pelo clube: "Sempre mostrei amor e paixão pela camisola, nunca virei as costas a nada, sempre quis o melhor para o clube. Chorei de raiva por não ter sido campeão, enojava-me quando perdíamos alguns jogos e aceitava as críticas para poder melhor. Por tudo isto, posso dizer que gostei muito do tempo que passei em Lisboa e claro gostava de ter ficado muito mais", sublinhou.

Record
Citar
HERNÁN BARCOS PODE RUMAR AO SPORTING... DE GIJÓN
Clube espanhol está interessado no avançado argentino

Com contrato com a Liga Deportiva Universitaria de Quito até final do atual ano civil, Hernán Barcos estará aparentemente na mira do Sporting de Gijón, segundo adianta o portal espanhol 'elGOLdigital'. Uma informação que pode interessar ao Sporting - neste caso o de Portugal -, já que os leões detêm 30% do passe do avançado argentino, assim como uma opção de recompra.

De acordo com o 'elGOLdigital', a equipa de Gijón, que está a apostar forte no regresso à Liga espanhola, estará disposta a investir 1,2 milhões de euros na contratação do avançado argentino de 33 anos, que tem sido um dos destaques do campeonato equatoriano, com 19 golos marcados em 35 encontros.

Record

Bom era o Maurício...  ::)
Nem me lembres desses anos...

Já não bastava o nosso futebol, mas depois ainda havia a turma iluminada que viu o Dier a sair, ficou com rancor porque lhe fizeram um contrato de m****, e ainda disseram que estava tudo bem porque o Mauricio era muita bom.

Não sei como não morri de trombose ao ver o Mauricio e o Rojo a fazer dupla no Sporting.
Citar
JEFFRÉN RECORDA SPORTING E FALA EM "SITUAÇÕES DESAGRADÁVEIS FORA DO CAMPO"
Venezuelano admite que foi uma "fase complicada e difícil"

Atualmente ao serviço do Grasshopper, o venezuelano Jeffrén recordou a sua passagem pelo Sporting, admitindo que as lesões que foi sofrendo nesses três anos de leão ao peito tornaram essa fase complicada. Mesmo assim, aquilo que mais afetou o extremo, agora com 29 anos, foram aquilo que apelida de "situações desagradáveis ocorridas fora do campo".

"É evidente que foi uma fase complicada e difícil da minha carreira, porque sofri muitas lesões. Mas o mais difícil foram algumas situações desagradáveis ocorridas fora do campo. Mesmo assim, pessoalmente aprendi imenso e tornei-me mais forte em face das adversidades. É por isso que agora luto todos os dias por aquilo que gosto de fazer, que é jogar futebol. Aprecio cada minuto", admitiu o espanhol, à edição em inglês do jornal 'Marca'.

Lembre-se que o internacional venezuelano chegou ao Sporting em 2011, na altura sob a presidência de Godinho Lopes, tendo saído três anos volvidos, já com Bruno de Carvalho na liderança.


Record
Imaginem Eric Dier formado no seixal. O que não se diria por aí ao envergar a braçadeira de capitão da selecção inglesa?

Eu sei que a saída dele não foi das coisas mais agradáveis de ser ver, bem pelo contrário, mas acho que às x's tb temos que saber nos fazer valer e auto-elogiar! Apesar de tudo, fico mto contente com este sucesso do Eric, é mais um grande marco no nosso clube!
FREE FIGO NO FORUMSCP  >:(
Citar

VAN BOMMEL ‘EMPURROU’ LABYAD PARA ALVALADE
SPORTING 20:36
Por
Redação
Zakaria Labyad explicou os motivos que o levaram a trocar o PSV Eindhoven pelo Sporting, no verão de 2012.

«Penso que sou mais um jogador para o meio-campo do que para as alas. Não queria voltar a jogar a extremo. Depois, Mark van Bommel regressou. E ele é o senhor PSV. Era certo que iria jogar no meio-campo, onde eu jogava», recordou em declarações à imprensa holandesa.

«Então decidi sair para o Sporting», acrescentou, lembrando que foi também abordado pelo Benfica.

Labyad não vingou de leão ao peito e acabou por regressar à Holanda para representar o Utrecht, cedido pelo Sporting. Voltou para ingressar na equipa B, e tornou a sair para o Fulham, de novo por empréstimo, até sair em definitivo para o Utrecht.

A Bola