Ciclismo

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Citar
Camisola do Sporting ainda "vale ouro" para adeptos

O regresso das camisolas do Sporting ao pelotão do ciclismo português tem sido bastante saudado no 32.º Troféu Joaquim Agostinho, que hoje prestou nova homenagem ao antigo corredor dos "leões".

"A reacção das pessoas nas estradas e, sobretudo, neste Grande Prémio tem sido bastante boa. Durante todo o percurso do prólogo estava gente a aplaudir, a gritar o nome do Sporting, mas o que mais se ouvia era que esta camisola vale ouro", explicou hoje à Agência Lusa o director desportivo da Bretescar-Sporting, Alexandre Gonçalves.

Depois da partida do prólogo, quarta-feira, em Brejenjas, aldeia natal de Joaquim Agostinho, hoje, a primeira etapa da prova partiu de Silveira, numa rua baptizada com o nome do antigo ciclista, junto ao cemitério onde está sepultado e onde foi prestada nova homenagem.

"Esta prova serve de motivação para estes atletas, muito jovens, que acabam por sentir muito o peso desta camisola", referiu Alexandre Gonçalves, estabelecendo como objectivo "entrar em fugas" e tornar a equipa "mais competitiva" na próxima época.

Joel Lucas, o melhor entre os "leões" no prólogo, que desistiu durante a primeira etapa, garantiu, à partida para a tirada, sentir "um grande incentivo correr com as cores do Sporting na região do Agostinho".

"É sempre bom saber que as pessoas gostam desta equipa e estão atentas ao nosso trabalho", sublinhou o ciclista, registando "bastante diferença" entre a "indiferença" do público à passagem de um corredor das outras equipas, à reacção "perante uma camisola às riscas verdes e brancas".

Para o director desportivo da equipa "leonina", este "peso" e "toda a simbologia e significado da camisola fazem esquecer alguns problemas", exemplificando com o caso de Joaquim Gregório, presente na prova, apesar de ter sido atropelado na última semana.

"Estou a correr porque estou na minha terra, mesmo que isso prejudique a minha saúde. Tem sido só sofrer, mas tenho dado tudo o que tenho", sublinhou o "Pula", a contas com uma fibrose no gémeo da perna direita, com o ombro inflamado e com um olho inchado.

Grande Leao.
As rapidas melhoras e que a presença na prova seja digna da nossa historia.

SL
Ontem ao ouvir os relatos do grande Marco chagas na RTPN acerca do tour e principalmente do enorme Sérgio Paulinho, fiquei com 1 certa "água da boca", porque é que o Sporting não cria definitivamente uma equipa de ciclismo para atacar os grandes eventos?
Bem sei que a curto prazo (exceptuando se existisse 1 investimento realmente forte é claro) iria ser dificil entrar pela discussão das grandes voltas, mas o sonho comanda a vida e ainda alimento a esperança de 1 dia ver a nossa camisola bem alto numa prova de montanha nos alpes ou pirinéus!
Certamente o Marco Chagas não se importaria nada em vir para o Sporting e trabalhar na equipa de ciclismo...

Dreaming: on!

O Sporting é nosso outra vez !
Ontem ao ouvir os relatos do grande Marco chagas na RTPN acerca do tour e principalmente do enorme Sérgio Paulinho, fiquei com 1 certa "água da boca", porque é que o Sporting não cria definitivamente uma equipa de ciclismo para atacar os grandes eventos?
Bem sei que a curto prazo (exceptuando se existisse 1 investimento realmente forte é claro) iria ser dificil entrar pela discussão das grandes voltas, mas o sonho comanda a vida e ainda alimento a esperança de 1 dia ver a nossa camisola bem alto numa prova de montanha nos alpes ou pirinéus!
Certamente o Marco Chagas não se importaria nada em vir para o Sporting e trabalhar na equipa de ciclismo...

Dreaming: on!

Ele não se metia nisso. :great:
Ciclistas da Bretescar- Sporting, cinco meses sem receber

Os ciclistas da Bretescar-Sporting, equipa formada no final da época passada com o apoio da direcção leonina presidida por Soares Franco, permanecem em competição após cinco meses sem receber os apoios acordados - vulgo “ordenados” na ausência de qualquer contrato profissional. A carência económica tem sido experienciada pelos ciclistas da equipa, numa situação eventualmente partilhada com a equipa técnica. Num momento de crise, os ciclistas da formação leonina continuam a treinar e a integrar as competições com as cores sportinguistas, malgrado a ausência de uma resposta definitiva quanto às suas solicitações e reposição dos subsídios acordados em atraso.
Em prova no presente Troféu Joaquim Agostinho, que decorre no concelho sede do principal patrocinador da equipa, a Bretescar, empresa do ramo automóvel sedeada em Torres Vedras, as garantias tardam a chegar à totalidade do plantel.
“Os patrocinadores do Sporting são grandes empresas. Por vezes é processo demorado resolver certos problemas, mas em princípio na próxima semana poderá haver algumas novidades”, adiantou ao Jornal Ciclismo, Alexandre Gonçalves, director-desportivo da formação apresentada a 19 de Fevereiro aos sócios do clube.
“O regresso do Sporting motivou muitos adeptos da região. Estamos na estrada e ainda hoje - com a fuga do Joaquim Gregório - mostramos ser combativos. Temos competido e os atletas sabem que representam um clube com peso e significado, continuam a competir e a confiar no projecto”, acrescentou não negando a “existência de alguns problemas que serão solucionados em breve”.

MAIS UMA VERGONHA
CONTINUA O ARRASTAR DO NOME DO SPORTING CLUBE DE PORTUGAL PELA LAMA
A ser verdade, e parece que é mesmo, é uma vergonha. «O que nasce torto, tarde ou nunca se endireita»

Sempre fui da opinião que este projecto foi montado em cima do joelho, e apesar da vitória do IF, já são demasiados percalços. Falta de comparência na Prova de Abertura, atrasos em provas internacionais, agora isto... Enfim.



PS: Também não acho bem a postura de alguns, que pouco ou nada ligam ao Ciclismo, mas que depois já ligam porque dá jeito como arma de arremesso contra os seus ódiozinhos de estimação. Posturas e modos de estar com as quais não concordo. Mas as acções ficam para quem as praticam. :arrow:
« Última modificação: Julho 12, 2009, 16:05 pm por Pedro 1906 »
PS: Também não acho bem a postura de alguns, que pouco ou nada ligam ao Ciclismo, mas que depois já ligam porque dá jeito como arma de arremesso contra os seus ódiozinhos de estimação. Posturas e modos de estar com as quais não concordo. Mas as acções ficam para quem as praticam. :arrow:

Se a boca era para mim, sim, eu pouco ligo ao Ciclismo. O único problema aqui é que o nome do Sporting está envolvido.
Não estivesse o nome do Sporting e pouco me interessava, não era problema meu. E não te preocupes que eu sei muito bem responsabilizar-me pelas minhas acções.
PS: Também não acho bem a postura de alguns, que pouco ou nada ligam ao Ciclismo, mas que depois já ligam porque dá jeito como arma de arremesso contra os seus ódiozinhos de estimação. Posturas e modos de estar com as quais não concordo. Mas as acções ficam para quem as praticam. :arrow:

Se a boca era para mim, sim, eu pouco ligo ao Ciclismo. O único problema aqui é que o nome do Sporting está envolvido.
Não estivesse o nome do Sporting e pouco me interessava, não era problema meu. E não te preocupes que eu sei muito bem responsabilizar-me pelas minhas acções.

Não é boca, é a constatação de um facto. E há quem não ligue a certas modalidades, mas que mesmo assim ainda se vai pronunciando e opinando. Não que seja obrigatório, longe disso, mas como dizes, e bem, é o nome do Sporting em jogo.
Ciclistas da Bretescar- Sporting, cinco meses sem receber

Os ciclistas da Bretescar-Sporting, equipa formada no final da época passada com o apoio da direcção leonina presidida por Soares Franco, permanecem em competição após cinco meses sem receber os apoios acordados - vulgo “ordenados” na ausência de qualquer contrato profissional. A carência económica tem sido experienciada pelos ciclistas da equipa, numa situação eventualmente partilhada com a equipa técnica. Num momento de crise, os ciclistas da formação leonina continuam a treinar e a integrar as competições com as cores sportinguistas, malgrado a ausência de uma resposta definitiva quanto às suas solicitações e reposição dos subsídios acordados em atraso.
Em prova no presente Troféu Joaquim Agostinho, que decorre no concelho sede do principal patrocinador da equipa, a Bretescar, empresa do ramo automóvel sedeada em Torres Vedras, as garantias tardam a chegar à totalidade do plantel.
“Os patrocinadores do Sporting são grandes empresas. Por vezes é processo demorado resolver certos problemas, mas em princípio na próxima semana poderá haver algumas novidades”, adiantou ao Jornal Ciclismo, Alexandre Gonçalves, director-desportivo da formação apresentada a 19 de Fevereiro aos sócios do clube.
“O regresso do Sporting motivou muitos adeptos da região. Estamos na estrada e ainda hoje - com a fuga do Joaquim Gregório - mostramos ser combativos. Temos competido e os atletas sabem que representam um clube com peso e significado, continuam a competir e a confiar no projecto”, acrescentou não negando a “existência de alguns problemas que serão solucionados em breve”.

MAIS UMA VERGONHA
CONTINUA O ARRASTAR DO NOME DO SPORTING CLUBE DE PORTUGAL PELA LAMA

É o que dá lançar projectos de modalidades que nem precisam de pavilhão à força toda antes das eleições. O futebol de praia não competiu no Campeonato, o Ciclismo tem sido o que se sabe desde o início...

Surpreende alguém?
"O Sporting é nosso outra vez!"
Eu lembro-me do Moura (acho que era ele) a alertar que isto de apenas dar o nome Sporting nao era um mar de rosas pois quando as broncas acontecem quem se lixa é o mexilhao...neste caso o Sporting , que dá o nome mas depois iliba-se demasiado das decisoes mas cabe-lhe muita responsabilidade. E é exactamente isto que se pretende evitar. Gosto de projectos estruturados , onde o envolvimento do Sporting nao seja apenas superficial.

Por outro lado....


Não é boca, é a constatação de um facto. E há quem não ligue a certas modalidades, mas que mesmo assim ainda se vai pronunciando e opinando. Não que seja obrigatório, longe disso, mas como dizes, e bem, é o nome do Sporting em jogo.

...isto tambem é uma grande verdade , os abutres andam ai (e nao é especifico a alguem deste topico em particular , mas é recorrente aqui no forum estes "adeptos") e nao perdoam !
My name is Ash and I am a slave. As far as I can tell, the year is 1300 A.D and I'm being dragged to my death. It wasn't always like this, I had a normal life, once.....
Sempre fui a favor do ecletismo.

Sempre ficarei contente com o facto de novas modalidades aparecerem bem como algumas serem reactivadas.

Sobre estas ultimas sempre tive um duplo sentimento. Contente por novos projectos  envolverem a camisola e nome do Sporting mas tb sabia que tinha muito de pré-eleitoralismo.É que eles fizeram de tudo para se manter no poleiro,até deram uma pala de quem se preocupava e incentivava o ecletismo.

Espero que os problemas se resolvam e o projecto possa proseguir.

SL
« Última modificação: Julho 12, 2009, 17:28 pm por reilagarto »
espero que este caso já tenho chegado ao Bettencourt. Apesar de gostar muito de ciclismo e de desejar o regresso da modalidade ao Sporting , isto para mim é zero. Ou o Sporting decide formar uma equipa a sério e fazer uma parceria a sério , como por exemplo o benfica fez com a empresa do João Lagos , com um Marco Chagas por exemplo a liderar o projecto , ou então acaba-se com isto , que para mim é uma palhaçada , não pondo em causa o esforço e bom nome dos atletas e dirigentes que muito devem ter lutado e trabalhado para este projecto. Mas , não há papel não há palhaço.
Esta parceria não trás ganhos nenhuns ao sporting, antes pelo contrário, só trás vergonhas (veja-se este caso dos ordenados, a falta de comparência a 1 prova e os atrasos em provas internacionais).
1 EQUIPA Sporting tem de estar sempre ao mais alto nível a competir pelas victórias e já se viu que esta equipa não luta pelas victórias e está muito mal estruturada...
JEB porque não uma equipa à séria?

O Sporting é nosso outra vez !
Eu desde que soube há uns meses que exstia um projecto a serio com imensos interessados e liderado pelo Marco Chagas e que isso foi recusado pelo Sporting porque este preferia apoiar a ideia da equipa da formação projectada por outros com menos organização e menos apoios sabe-se lá porquê (mas posso imaginar), já acredito em tudo.
Eu desde que soube há uns meses que exstia um projecto a serio com imensos interessados e liderado pelo Marco Chagas e que isso foi recusado pelo Sporting porque este preferia apoiar a ideia da equipa da formação projectada por outros com menos organização e menos apoios sabe-se lá porquê (mas posso imaginar), já acredito em tudo.

Fonte?
É inside info privada, lamento não ta revelar e percebo se não acreditares nela.
É inside info privada, lamento não ta revelar e percebo se não acreditares nela.

Confiando em ti, é de facto inadmissível ter havido uma opção tão errada como a que foi tomada, sobretudp com os resultados humilhantes conhecidos para o nome do clube! :arrow:
Hoje como sempre, tenho o FórumSCP na mente e o Sporting Clube de Portugal no coração!
Deve ter sido uma coisa muito muito privada :lol:, de certeza, já que nunca tinha ouvido falar disso no meio. Mas já agora, isso é coisa para ter aparecido mais ou menos quando?
Estranho muito o nome do marco chagas estar incluido nessas informacoes , pois tem sido "publico" que o seu afastamento é uma decisao pessoal e que nao tinha intencoes de assumir tal papel.
My name is Ash and I am a slave. As far as I can tell, the year is 1300 A.D and I'm being dragged to my death. It wasn't always like this, I had a normal life, once.....
Estranho muito o nome do marco chagas estar incluido nessas informacoes , pois tem sido "publico" que o seu afastamento é uma decisao pessoal e que nao tinha intencoes de assumir tal papel.

Precisamente! Ele próprio disse-me isso há uns tempos. Mas algo pode ter mudado entretanto, claro... :)
Isto foi na altura em que se criou a equipa de formação do ciclismo... não faço ideia do nível de envolvimento das pessoas no projecto que acabou por não ir para a frente nem de mais pormenores :inde:. Mas pronto, já era, não vale a pena pensar mais nisto.