Pré-Época 2017-2018 (Estágio e Jogos Amigáveis)

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

Ainda não se sabe as horas do jogo com o Mónaco no dia 22 deste mês?


EDIT: peço apagar, enganei-me no tópico, ups...
« Última modificação: Julho 14, 2017, 16:49 pm por LuisT_76 »
"Good judgment comes from experience, and experience comes from bad judgment." - Barry LePatner
Citar
Programa do estágio ajustado
15:22 - 14-07-2017
A-  A  A+
Depois de dois jogos em dois dias, com Fenerbahçe (2-1) e Valência (0-3), Jorge Jesus procedeu ajuste no programa do estágio que decorre na Suíça até à próxima terça-feira.

O treino matinal, previsto para as 9 horas locais, acabou por ser cancelado, tendo em conta o desgaste acumulado dos dois jogos em 48 horas, sendo que o último se realizou às 20.30 horas e com uma viagem de mais de 200 quilómetros, ida e volta.

Deste modo, o Sporting fará o primeiro treino de hoje - o penúltimo antes da partida de amanhã, com o Basileia, marcada para as 18 horas de Portugal - às 17 horas locais (menos uma em Portugal Continental), sendo os primeiros momentos abertos à Comunicação Social.

A Bola
Parece que o Jovane e o Domingos já regressaram a Lisboa.

Neste momento ficam então 27 jogadores em estágio.
Croquetes? Não, obrigado.
Parece que o Jovane e o Domingos já regressaram a Lisboa.

Neste momento ficam então 27 jogadores em estágio.
Certamente já seria essa a ideia quando os jogadores foram.
«O importante é ganhar. Quer se goste mais de umas coisas e menos de outras, quer se tenha uma opinião mais para a esquerda ou mais para a direita, o que realmente importa é que cada um de nós ponha sempre os interesses do Sporting Clube de Portugal acima de qualquer gosto particular, de qualquer ataque dos nossos adversários, e tão alto que nada nem ninguém nos impeça de sermos cada vez mais fortes, ganhadores e campeões».
SPORTING
Domingos Duarte e Jovane Cabral autorizados a regressar a Lisboa
17:12 - 14-07-2017
A-  A  A+
Domingos Duarte e Jovane Cabral abandonaram o estágio do Sporting na Suíça e, devidamente autorizados pelo clube de Alvalade, regressaram a Lisboa.

No caso de Domingos Duarte, o jogador português tem permissão para negociar o empréstimo a um clube da Liga e o Chaves é a mais forte possibilidade para o jovem de 22 anos.

O cabo-verdiano Jovane Cabral também está de regresso a Portugal mas para integrar os trabalhos da equipa B dos leões.
Parece que o Jovane e o Domingos já regressaram a Lisboa.

Neste momento ficam então 27 jogadores em estágio.
Certamente já seria essa a ideia quando os jogadores foram.

Sim, o Jovane muito dificilmente faria parte do plantel.
Depois havia a questão dos centrais. Sabia-se que dos 6 sairiam pelo menos dois. Até ver serão P.Oliveira e Domingos. Tobias permanecerá como 4º central, ou vamos buscar mais um como avançam alguns jornaleiros? Fica a dúvida. Por mim não mexia mais.
Croquetes? Não, obrigado.
Pronto, 3 já arderam.

E quando voltarem da Suíça mais uns 7 ou 8 se seguirão.

Assim de cabeça: 2 daqueles 3 GRs, um dos dois trincos que está a mais (Petro ou Palhinha, sendo que neste caso a sua saída pode não ser imediata), Matheus, Gauld, Gelson, André Geraldes e mais algum que me possa estar a esquecer.
Citar
PROSSEGUEM OS TRABALHOS EM NYON
Por Jornal Sporting
14 Jul, 2017
EQUIPA PRINCIPAL
Esta tarde (sexta-feira), o Sporting CP cumpriu mais um treino no Centre Sportiv de Colovray

Cumpriu-se mais uma sessão de trabalhos para a equipa do Sporting CP em território suíço. No Centre Sportif de Colovray (Nyon), local de treinos dos comandados de Jorge Jesus na Suíça, foram 27 (Jonathan Silva, Sebastián Coates, Fábio Coentrão, André Pinto, Bruno Fernandes, Alan Ruiz, Bruno César, Rodrigo Battaglia, Daniel Podence, Francisco Geraldes, André Geraldes, Mattheus Oliveira, Jeremy Mathieu, Petrovic, Azbe Jug, Ryan Gauld, Bas Dost, Stojkovic, Iuri Medeiros, Tobias Figueiredo, Gelson Dala, João Palhinha, Matheus Pereira, Pedro Silva, Doumbia, Leonardo Ruiz e Piccini) os jogadores que subiram ao relvado depois da partida frente ao Valência.

De realçar que Domingos Duarte teve autorização para viajar para Lisboa, tal como Jovane Cabral. Relativamente a Paulo Oliveira, o terceiro ausente do treino, pôde deslocar-se até Espanha de forma a resolver assuntos pessoais.
 
O Sporting CP volta a entrar em campo amanhã (sábado, 15 de Julho) para disputar o terceiro jogo referente ao Festival dos Alpes, desta vez frente ao Basileia. Poderá acompanhar o encontro a partir das 18h30 (hora portuguesa).


http://www.sporting.pt/pt/noticias/futebol/equipa-principal/2017-07-14/prosseguem-os-trabalhos-em-nyon
O MaisFutebol diz que o Geraldes, o Gauld e mais 2 treinaram à parte esta tarde. Mas no site do Sporting, diz que treinaram juntos..

"SPORTING Há 1h e 28min
Palhinha, Geraldes, Gauld e Leonardo Ruiz trabalharam à parte
Entretanto Paulo Oliveira, Domingos Duarte e Jovane Cabral já abandonaram o estágio
Redação
     
Palhinha, Geraldes, Gauld e Leonardo Ruiz trabalharam à parte
João Palhinha, Francisco Geraldes, Ryan Gauld e Leonardo Ruiz treinaram esta sexta-feira à tarde à parte do restante plantel do Sporting. Os quatro jogadores não estiveram às ordens de Jorge Jesus e trabalharam na companhia dos adjuntos noutro campo.

De fora das opções de Jesus, em definitivo, estão já Paulo Oliveira, que rumará ao Eibar como o Maisfutebol escreveu, Domingos Duarte e Jovane Cabral. Os três já abandonaram inclusive o estágio que se realiza na Suíça. O central deverá ser emprestado, enquanto o extremo regressará à equipa B.

Ou seja, Jesus levou 30 jogadores para estágio, mas esta sexta-feira trabalhou apenas com 23."
O MaisFutebol diz que o Geraldes, o Gauld e mais 2 treinaram à parte esta tarde. Mas no site do Sporting, diz que treinaram juntos..

"SPORTING Há 1h e 28min
Palhinha, Geraldes, Gauld e Leonardo Ruiz trabalharam à parte
Entretanto Paulo Oliveira, Domingos Duarte e Jovane Cabral já abandonaram o estágio
Redação
     
Palhinha, Geraldes, Gauld e Leonardo Ruiz trabalharam à parte
João Palhinha, Francisco Geraldes, Ryan Gauld e Leonardo Ruiz treinaram esta sexta-feira à tarde à parte do restante plantel do Sporting. Os quatro jogadores não estiveram às ordens de Jorge Jesus e trabalharam na companhia dos adjuntos noutro campo.

De fora das opções de Jesus, em definitivo, estão já Paulo Oliveira, que rumará ao Eibar como o Maisfutebol escreveu, Domingos Duarte e Jovane Cabral. Os três já abandonaram inclusive o estágio que se realiza na Suíça. O central deverá ser emprestado, enquanto o extremo regressará à equipa B.

Ou seja, Jesus levou 30 jogadores para estágio, mas esta sexta-feira trabalhou apenas com 23."
Treinaram à parte porquê? O Palhinha até tinha vindo a ser utilizado na época passada.
O MaisFutebol diz que o Geraldes, o Gauld e mais 2 treinaram à parte esta tarde. Mas no site do Sporting, diz que treinaram juntos..

"SPORTING Há 1h e 28min
Palhinha, Geraldes, Gauld e Leonardo Ruiz trabalharam à parte
Entretanto Paulo Oliveira, Domingos Duarte e Jovane Cabral já abandonaram o estágio
Redação
     
Palhinha, Geraldes, Gauld e Leonardo Ruiz trabalharam à parte
João Palhinha, Francisco Geraldes, Ryan Gauld e Leonardo Ruiz treinaram esta sexta-feira à tarde à parte do restante plantel do Sporting. Os quatro jogadores não estiveram às ordens de Jorge Jesus e trabalharam na companhia dos adjuntos noutro campo.

De fora das opções de Jesus, em definitivo, estão já Paulo Oliveira, que rumará ao Eibar como o Maisfutebol escreveu, Domingos Duarte e Jovane Cabral. Os três já abandonaram inclusive o estágio que se realiza na Suíça. O central deverá ser emprestado, enquanto o extremo regressará à equipa B.

Ou seja, Jesus levou 30 jogadores para estágio, mas esta sexta-feira trabalhou apenas com 23."
Treinaram à parte porquê? O Palhinha até tinha vindo a ser utilizado na época passada.
Estiveram a fazer treino mais físico em virtude de terem menos minutos... Vi na sporttv +

Enviado do meu ALCATEL ONE TOUCH 7041X através de Tapatalk

Assim já faz sentido.
   A precipitação a colocar o treinador do Sporting em causa por causa das opções que faz, mal ou bem, é um bocado... precipitada. Nem os jogadores da formação são olhados com desprezo por ele, nem alguns estão já desenvolvidos ao ponto de pegarem de estaca no plantel.

   Palhinha ainda não faz melhor que Petrovic, por exemplo. E por aí fora... calma, paciência e visão de médio longo prazo são necessárias.
"Isto aqui não é a operação lava-jacto, isto é mas é a operação lava-porta-aviões"
Rui Trindade

Hic Sunt Leones
Citar
O ‘FANTASMA’ DE WILLIAM
Petrovic leva vantagem sobre Battaglia, mas o dono da posição está a chegar... e até pode ficar

De todas as equações que foi decifrando, de todos os dilemas que já dissipou, já só há um que ainda atormenta Jesus: quem joga na posição 6, verdadeiramente sacramental segundo a ideia de jogo do treinador?
Petrovic e Battaglia são os concorrentes mais fortes ao lugar, com vantagem para o sérvio... neste momento. Sucede, porém, que o dono desta posição é William Carvalho, que vai ser reintegrado na próxima semana... e até pode ficar no clube por mais uma temporada.
Ora, se tal acontecer, problema resolvido, praticamente sem discussão, fazendo fé nos créditos que este campeão europeu por Portugal acumulou na contagem de Jesus. E se chegar a Alvalade uma proposta capaz de convencer Bruno de Carvalho? Quem será o 6, afinal?
Tal como Record noticiou, Petrovic é o predileto de Jesus, treinador que por mais que uma vez fez prova de fé nas qualidades deste internacional sérvio (44 jogos, 2 golos). Depois de um tirocínio pelo Rio Ave, o novo 25 dos leões voltou mais bem adaptado ao futebol português. Pelas indicações que já deixou nos treinos e nos jogos, estará mais consciente da ideia de jogo do treinador, o que faz dele o favorito a colmatar a provável saída de William Carvalho.
Apesar da preferência do treinador, Battaglia não se rende. Este argentino até é mais 8 que 6 mas o estatuto de Adrien (ainda é leão...) e a qualidade de Bruno Fernandes fazem adivinhar que dificilmente jogar mais adiantado. Sobra-lhe, pois, a adaptação a médio-defensivo, processo que já está em curso sob a supervisão de Jesus. O treinador reconhece a Battaglia potencial para também ele vir a ser alternativa válida no caso de William vir mesmo a sair.

Por se tratar precisamente de um processo de adaptação, o argentino parte em desvantagem sobre Petrovic, por exemplo, uma vez que, aos olhos de Jesus, precisará de tempo - e treino - para se afirmar como ‘o’ médio-defensivo do 4x4x2 dos leões.

Coentrão quase no ponto

Foi uma das contratações mais sonantes do defeso português, a entrada no Sporting colocou em causa a relação com... os benfiquistas e ainda teve de lidar com rumores de que já não estaria na posse de todas as qualidades que o elevaram ao topo do futebol português. Fábio Coentrão vai respondendo o contrário. Se é um facto que ainda não está no pico das suas capacidades físicas, também é indesmentível que conserva o talento que o tornou lateral de elite.

Aposta fortíssima de Jesus, o internacional português vai dando passos seguros para voltar a ser quem foi. A sua situação obriga, no entanto, a cuidados nesta fase, por conta do historial recente de lesões. Daí que tenha jogado 45 minutos nos duelos contra Fenerbahçe e Valencia.

Alan Ruiz ‘contra’ Doumbia

Jesus está decidido em manter a aposta em Alan Ruiz e Bas Dost no ataque, mas a contratação de Doumbia já foi suficiente para criar ‘problemas’ ao treinador. O foco de Jesus está na reabilitação de Alan, que vai dando os primeiros passos depois de debelada uma lesão grave no joelho. A confiança no talento deste jogador é tal que até acabou o jogo a ponta-de-lança contra o Valencia.

O argentino vai continuar a ter minutos, ao abrigo de um plano que visa proporcionar-lhe ritmo competitivo a tempo do arranque oficial da temporada. Doumbia, por seu lado, pode nem vir a ser titular indiscutível, pelo menos no início da época, mas será certamente um avançado a ter em conta, devendo jogar de início mediante as características dos rivais que forem saindo ao caminho dos leões.

Record
Não estou a gostar desta pré-temporada. Não tem que ver com os resultados ou com a qualidade das exibições ou com o número de jogos ou com os adversários. Tem que ver, pura e simplesmente, com a construção do plantel, construção essa que, diga-se, está a ser tão ou mais anárquica do que a da temporada anterior.

Na temporada anterior, compreensivelmente, os adeptos não quiseram saber. Encolheram os ombros e disseram: estes gajos sabem o que estão a fazer. É compreensível porque o Sporting CP tinha vindo da sua melhor prestação de sempre no campeonato nacional (em termos pontuais). Apresentava uma equipa a jogar bom futebol e, para além disso, ainda estavam para chegar os campeões europeus.

Nesta pré-temporada estou a ver muito do que se passou na temporada anterior, mas sem que exista o estado de graça. É que, sinceramente, até ao momento, não consigo perceber o fio condutor na construção do plantel. E isto vem de alguém que até defendeu a ideia dos 30 jogadores para estágio e afins. Confesso que, até ao momento, não percebo o que passa pela cabeça dos responsáveis do Sporting CP e, tendo isso em conta, começo a ficar preocupado.
Não estou a gostar desta pré-temporada. Não tem que ver com os resultados ou com a qualidade das exibições ou com o número de jogos ou com os adversários. Tem que ver, pura e simplesmente, com a construção do plantel, construção essa que, diga-se, está a ser tão ou mais anárquica do que a da temporada anterior.

Na temporada anterior, compreensivelmente, os adeptos não quiseram saber. Encolheram os ombros e disseram: estes gajos sabem o que estão a fazer. É compreensível porque o Sporting CP tinha vindo da sua melhor prestação de sempre no campeonato nacional (em termos pontuais). Apresentava uma equipa a jogar bom futebol e, para além disso, ainda estavam para chegar os campeões europeus.

Nesta pré-temporada estou a ver muito do que se passou na temporada anterior, mas sem que exista o estado de graça. É que, sinceramente, até ao momento, não consigo perceber o fio condutor na construção do plantel. E isto vem de alguém que até defendeu a ideia dos 30 jogadores para estágio e afins. Confesso que, até ao momento, não percebo o que passa pela cabeça dos responsáveis do Sporting CP e, tendo isso em conta, começo a ficar preocupado.

Queres explicar o que isso quer dizer?

É que não explicaste nada do porquê de estares desiludido :inde:
"Sporting! Minha vida é o Sporting, minha paixão é o Sporting, meu amor é o Sporting, é o Sporting é o Sporting é o Sporting! Meu vício é o Sporting, minha família é o Sporting, Sporting, Sporting, Sporting, é o meu Sporting!"
Não estou a gostar desta pré-temporada. Não tem que ver com os resultados ou com a qualidade das exibições ou com o número de jogos ou com os adversários. Tem que ver, pura e simplesmente, com a construção do plantel, construção essa que, diga-se, está a ser tão ou mais anárquica do que a da temporada anterior.

Na temporada anterior, compreensivelmente, os adeptos não quiseram saber. Encolheram os ombros e disseram: estes gajos sabem o que estão a fazer. É compreensível porque o Sporting CP tinha vindo da sua melhor prestação de sempre no campeonato nacional (em termos pontuais). Apresentava uma equipa a jogar bom futebol e, para além disso, ainda estavam para chegar os campeões europeus.

Nesta pré-temporada estou a ver muito do que se passou na temporada anterior, mas sem que exista o estado de graça. É que, sinceramente, até ao momento, não consigo perceber o fio condutor na construção do plantel. E isto vem de alguém que até defendeu a ideia dos 30 jogadores para estágio e afins. Confesso que, até ao momento, não percebo o que passa pela cabeça dos responsáveis do Sporting CP e, tendo isso em conta, começo a ficar preocupado.

Queres explicar o que isso quer dizer?

É que não explicaste nada do porquê de estares desiludido :inde:

Penso não ter dito desiludido, mas sim preocupado (e que não estou a gostar): e expliquei, de maneira clara, o porquê de estar preocupado.