Ciclismo 2017

0 Membros e 4 Visitantes estão a ver este tópico.

Hoje acaba no alto certo? Teremos alguma hipótese para um top5? Algo do género?

Difícil, mas não impossível.

Quem costuma apostar forte na Volta ao Algarve é o Amaro Antunes, que agora corre pelo nosso maior rival. É o único português que vejo a ter hipóteses hoje
O Amaro esteve bem numa etapa recente de qualquer volta que deu na tv, vi o final e o gajo andava lá. Em Espanha se não estou em erro.
Hoje acaba no alto certo? Teremos alguma hipótese para um top5? Algo do género?

Difícil, mas não impossível.

Quem costuma apostar forte na Volta ao Algarve é o Amaro Antunes, que agora corre pelo nosso maior rival. É o único português que vejo a ter hipóteses hoje
O Amaro esteve bem numa etapa recente de qualquer volta que deu na tv, vi o final e o gajo andava lá. Em Espanha se não estou em erro.

Porque enquanto o ciclista normal está a começar a ganhar ritmo agora, o Amaro já está a apontar um dos seus picos de forma para esta fase precoce da época. No ano passado fez uma excelente volta ao Algarve (tanto que pensei que ele este ano saísse para o World Tour).

Não é uma má estratégia... Temos uma prova em Portugal com as melhores equipas dos mundo e o gajo tenta estar num primeiro pico de forma para se mostrar. Fê-lo em Espanha há dias e é capaz de o tentar novamente hoje. Como disse, fiquei muito surpreendido por ele se manter em Portugal, acho que tem valor para outros voos.

Depois aponta um 2º pico de forma para a Volta em Agosto... Claro que nos entretantos vai andar em baixa, mas é a estratégia dele e tem dado frutos. E se no ano passado a equipa ainda podia tentar pressioná-lo para estar melhor em mais provas (era claramente o melhor elemento da equipa), este ano deve ter liberdade para se focar no Algarve e na Volta porque o Porto tem outros valores que podem disputar as provas intermédias (Alarcón, Veloso, Carvalho, etc...)
Hoje acaba no alto certo? Teremos alguma hipótese para um top5? Algo do género?

Difícil, mas não impossível.

Quem costuma apostar forte na Volta ao Algarve é o Amaro Antunes, que agora corre pelo nosso maior rival. É o único português que vejo a ter hipóteses hoje
O Amaro esteve bem numa etapa recente de qualquer volta que deu na tv, vi o final e o gajo andava lá. Em Espanha se não estou em erro.

Porque enquanto o ciclista normal está a começar a ganhar ritmo agora, o Amaro já está a apontar um dos seus picos de forma para esta fase precoce da época. No ano passado fez uma excelente volta ao Algarve (tanto que pensei que ele este ano saísse para o World Tour).

Não é uma má estratégia... Temos uma prova em Portugal com as melhores equipas dos mundo e o gajo tenta estar num primeiro pico de forma para se mostrar. Fê-lo em Espanha há dias e é capaz de o tentar novamente hoje. Como disse, fiquei muito surpreendido por ele se manter em Portugal, acho que tem valor para outros voos.

Depois aponta um 2º pico de forma para a Volta em Agosto... Claro que nos entretantos vai andar em baixa, mas é a estratégia dele e tem dado frutos. E se no ano passado a equipa ainda podia tentar pressioná-lo para estar melhor em mais provas (era claramente o melhor elemento da equipa), este ano deve ter liberdade para se focar no Algarve e na Volta porque o Porto tem outros valores que podem disputar as provas intermédias (Alarcón, Veloso, Carvalho, etc...)
Isso explica porque anda em altas.
Grande resultado do Nocentini hoje na Foia.
5 lugar para Nocentini muito bom!
 :mais: :mais: :mais:
Sporting o Maior Clube do Mundo!
Bom resultado do Noce!

Fica aqui o video dos ultimos 2km
Com os resultados desta etapa parece-me que a aposta da equipa terá que ser o Nocentini, já que o Marque ficou demasiado longe.

Veremos como se comporta amanhã numa etapa onde terá que ter uma boa prestação. O resto da equipa que se resguarde e que continue o seu trabalho de preparação.
"O Sporting é nosso outra vez!"
Excelente prestação do Rinaldo :victory:

a dignificar o emblema.
“There seems to be this snobbery around football that everyone has to play the most entertaining football" 
Gary Neville dixit
Com os resultados desta etapa parece-me que a aposta da equipa terá que ser o Nocentini, já que o Marque ficou demasiado longe.

Veremos como se comporta amanhã numa etapa onde terá que ter uma boa prestação. O resto da equipa que se resguarde e que continue o seu trabalho de preparação.

O Nocentini vai perder imenso tempo no crono, mas não deixa de ser um grande resultado.
14:06
Três melhores tempos provisórios na meta




Km 18
Ryan Mullen (Cannondale Drapac), 21m59s
Marc Fournier (FDJ), 22m23s
Oscar González (Sporting-Tavira), 22m33s

SL
14:47

Top 5 provisório

Mads Pedersen (Trek-Segadredo), 21m53s
Ryan Mullen (Cannondale Drapac), 21m59s
Taylor Phinney (Cannondale Drapac), 22m20s
Marc Fournier (FDJ), 22m23s
Mads Würtz Schmidt (Team Katusha Alpecin), 22m26s

SL
15:04

Top 5 Provisional

Mads Pedersen (Trek-Segadredo), 21m53s
Ryan Mullen (Cannondale Drapac), 21m59s
Sep Vanmarcke (Cannondale Drapac), 22m07s
Taylor Phinney (Cannondale Drapac), 22m20s
Marc Fournier (FDJ), 22m23s

SL
15:28

Melhores tempos provisórios na meta


Km 18 Finish Line

Mads Pedersen (Trek-Segadredo), 21m53s
Lukasz Wisniowski (Team Sky), 21m58s
Ryan Mullen (Cannondale Drapac), 21m59s
Sep Vanmarcke (Cannondale Drapac), 22m07s
Evan Huffman (Rally Cycling), 22m11s

SL
15:38

Top 10 Provisório/Provisional

Lars Boom (Team Lotto NL-Jumbo), 21m35s
Arnaud Démare (FDJ), 21m36s
Edvald Boasson Hagen (Team Dimension Data), 21m44s
Mads Pedersen (Trek-Segadredo), 21m53s
Lukasz Wisniowski (Team Sky), 21m58s
Ryan Mullen (Cannondale Drapac), 21m59s
Sep Vanmarcke (Cannondale Drapac), 22m07s
Evan Huffman (Rally Cycling), 22m11s
Taylor Phinney (Cannondale Drapac), 22m20s
Marc Fournier (FDJ), 22m23s

SL
16:02

Top 10 Provisório/Provisional

Lars Boom (Team Lotto NL-Jumbo), 21m35s
Arnaud Démare (FDJ), 21m36s
Alex Dowsett (Movistar Team), 21m40s
Edvald Boasson Hagen (Team Dimension Data), 21m44s
Mads Pedersen (Trek-Segadredo), 21m53s
Lukasz Wisniowski (Team Sky), 21m58s
Ryan Mullen (Cannondale Drapac), 21m59s
Sep Vanmarcke (Cannondale Drapac), 22m07s
Evan Huffman (Rally Cycling), 22m11s
Dylan van Baarle (Cannondale Drapac), 22m15s

SL
16:28

Top 10 Provisório

Km 18

Lars Boom (Team Lotto NL-Jumbo), 21m35s
Arnaud Démare (FDJ), 21m36s
Alex Dowsett (Movistar Team), 21m40s
Edvald Boasson Hagen (Team Dimension Data), 21m44s
Nelson Oliveira (Movistar Team), 21m44s
Mads Pedersen (Trek-Segadredo), 21m53s
Lukasz Wisniowski (Team Sky), 21m58s
Ryan Mullen (Cannondale Drapac), 21m59s
Gianni Moscon (Team Sky), 22m00s
Sep Vanmarcke (Cannondale Drapac), 22m07s

SL
Rinaldo Nocentini: 22m46s
Alejandro Marque 21º na etapa, a 51 segundos.
Está agora no 14º lugar, a 2:08.

Quanto ao Rinaldo, defendeu-se bem num terreno que não é o dele, parece-me estar numa boa condição física. Espero que consiga manter o top-10 no Malhão, ou até mesmo subir um lugar ou dois.