Os Álbuns da minha vida.

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

opah, quantas horas temos?!  :lol:
já não se fazem capas como antigamente c******  :mrgreen:



Black Sabbath - Paranoid
Ozzy - Blizzard of Ozz
Deep Purple - Burn
Whitesnake - 1987
Malmsteen - Marching Out
Judas Priest - Painkiller
Iron Maiden - The Number of the Beast
Tarantula - Kingdom of Lusitania
Hendrix - Are You Experienced
and so on...
Esforço, dedicação, devoção e glória – Eis o Sporting Clube de Portugal!
Yes! Tudo muito bom.

Epá também curtes Underoath! Podíamos ter sido best buddies em adolescentes/jovens adultos!  :mrgreen:

Provavelmente cruzamo-nos no passado em alguma matinée de 20inchBurial, If Lucy Fell, More Than a Thousand(vi uma carrada de concertos deles quando ainda tinham dois vocalistas) e outras tantas bandas dessa altura.

E já agora aqui fica mais um:

Podia falar de albuns dos  Beatles, Pink Floyd, Led, The Who, Bruce Springsteen, Neil Young, Bob Dylan, David Bowie, que aprendi a amar graças ao meu Pai e que hoje em dia são alguns dos meus artistas favoritos.

Mas se tivesse de escolher 1 álbum, apenas 1, escolhia o Grace do Jeff Buckley. Uma obra prima, um artista fabuloso que infelizmente partiu demasiado cedo.
Se aprecias o Grace de Jeff Buckley procura ouvir Pink Moon de Nick Drake. Dos álbuns mais belos, profundos e genuínos alguma vez criados. Música e emoção no seu estado mais puro. Uma obra prima desconhecida de muitos.

« Última modificação: Janeiro 25, 2018, 22:34 pm por sealight »
Gun's n Roses - Use your Illusion I & II
Pearl Jam - TEN
Faith no more - Angel dust
AC/DC - Back in Black
Nirvana - Nevermind
Iron Maiden - Fear of the Dark
Green Day - Dookie
Ugly Kid Joe - America's Least Wanted
Off Spring - Smash
GUN - Gallus
Smashing Pumpkins - Mellon Collie and the Infinite Sadness
Metallica - Master of Puppets
James - Seven

aconselho

Vi-os ao vivo à 2 anos (?). Grande concerto. Pessoalmente gosto mais do Blackbird, um habitué da lista musical, mas esse álbum também é excelente!
Uma das bandas mais underated da atualidade, as jams que têm durante os concertos é algo do outro mundo, e hipnótico.

Enviado do meu SM-J510FN através do Tapatalk

Estes devem ter sido os que ouvi mais vezes. Para mim sao eternos.

Pink Floyd - Animals
Pink Floyd - TDSOTM
QOTSA - Songs For The Deaf
Pixies - Doolittle
Led Zeppelin - Physical Graffiti
Black Sabbath - Paranoid
Iron Maiden - Powerslave
Sepultura - Chaos A.D.
The Doors - The Doors
Bruce Springsteen - The River

Ao vivo:

Motorhead - No Sleep 'til Hammersmith
Dire Straits - Alchemy
Deep Purple - Made in Japan
The Who - Live at Leeds
Estes são os álbuns que eu ouvia durante a minha infância e que ainda hoje têm uma enorme influência em mim.

Pink Floyd - Dark Side Of THe Moon
Pink Floyd - The Division Bell
Pink Floyd - The Wall
Prince - For You 1977
GNR - Appetite For Destruction
Velvet Revolver - Contraband
Michael Jackson - Bad Album
Dire Straits - Brothers in Arms
Dire Straits - Dire Straits 1978
Jamiroquai - A Funk Odyssey
Daft Punk - Homework
Xutos & Pontapés ‎– Nesta Cidade
Kraftwerk - Computerwelt
D'Angelo - Brown Sugar
Marvin Gaye - Let's Get It On



Outro grande álbum, muito multifacetado. Com trip-hop e RnB como mote de criação mas com algumas samples de jazz, gospel ou metal. Faz em alguns momentos lembrar um estilo de bonobo ou massive attack, ou até badbadnotgood. Diria que é o melhor álbum dele, DJ shadow, porque é neste álbum que podemos ver as melhores transformações de estilo para estilo, e de que forma se compõe a melodia, uma base sólida em constante reinvenção. É um álbum que resulta como álbum e não como músicas individualmente. Aconselho vivamente.
Muito bom album @Kronos  :great:

Também sou fã dos trabalhos iniciais do Shadow, pena que nunca mais tenha lançado algo ao nível e estilo dos três primeiros álbuns.


Mais alguns...







Muito bom album @Kronos  :great:

Também sou fã dos trabalhos iniciais do Shadow, pena que nunca mais tenha lançado algo ao nível e estilo dos três primeiros álbuns.


Mais alguns...








É. Ele fez o caminho inverso, ao invés de solidificar uma identidade, perdeu-a.

Enviado do meu SM-J510FN através do Tapatalk

Ser do Sporting não se explica, sente-se...
Podia falar de albuns dos  Beatles, Pink Floyd, Led, The Who, Bruce Springsteen, Neil Young, Bob Dylan, David Bowie, que aprendi a amar graças ao meu Pai e que hoje em dia são alguns dos meus artistas favoritos.

Mas se tivesse de escolher 1 álbum, apenas 1, escolhia o Grace do Jeff Buckley. Uma obra prima, um artista fabuloso que infelizmente partiu demasiado cedo.
Se aprecias o Grace de Jeff Buckley procura ouvir Pink Moon de Nick Drake. Dos álbuns mais belos, profundos e genuínos alguma vez criados. Música e emoção no seu estado mais puro. Uma obra prima desconhecida de muitos.




Já a sua mãe - Molly Drake - cantava com uma profundidade invulgar






Um por artista, dos que mais me marcaram e que não comecei a ouvir por influência de outrem.