Carlos Lopes- 24 anos depois

0 Membros e 1 Visitante estão a ver este tópico.

2 de Agosto de 1984: A noite em que Portugal não dormiu

Carlos Lopes, aos 37 anos de idade, encorpava a esperança de um País inteiro: um português ganhar, finalmente, uma medalha de ouro em Jogos Olímpicos.

A Nike havia preparado uns ténis especiais que pesavam apenas 190 gramas e que haviam sido testados apenas durante 20 minutos, num treino.

Apesar do calor que, naquela tarde, se fazia sentir em Los Angeles, o ritmo da prova da maratona foi bastante rápido. Nada se passou de extraordinário até ao quilómetro 19, até um dos favoritos, o norte-americano Alberto Salazar, ceder; o australiano Robert de Castella resistiu até aos 34 quilómetros e os japoneses Seko e Takeshi ficaram definitivamente para trás, aos 36.

Na cabeça da corrida, ficaram Carlos Lopes, o irlandês John Tracy e o inglês Charles Spedding. Dois quilómetros adiante, Lopes desferiu o ataque que o levaria a vitória. Aqueles quase cinco quilómetros finais nunca mais acabavam. Por fim, a entrada triunfal no Coliseu de Los Angeles, um ambiente fantástico nas bancadas, com cerca de 200 metros de avanço, numa passada firme, autoritária.

Os últimos metros, corridos já com os braços erguidos ao céu, deixaram o País em delírio. O sonho da primeira medalha de ouro olímpica tornara-se realidade. Tracy chegaria 35 segundos depois, logo seguido do inglês.

Para além da grande vitória, Lopes bateu o recorde olímpico da maratona, com o tempo de 2h 09m 21s, que, passados 24 anos, ninguém conseguiu melhorar. Eram 3 horas e 10 da manhã.

Dois meses depois, o Presidente dos Estados Unidos da América recebeu na Casa Branca o campeão olímpico da maratona, Carlos Lopes, acompanhado pelo presidente João Rocha. Ronald Reagan felicitou-o, e agradeceu o exemplo dado ao povo americano e ao Mundo de como um atleta, pelo facto de ter 37 anos, não ser “velho”. Lopes, riu-se, mas Reagan tinha razão. No ano seguinte, ainda bateria o recorde mundial da maratona e seria de novo campeão mundial de corta-mato!

Portugal não esquecerá jamais o momento em que, em Los Angeles, Carlos Lopes fez ouvir, pela primeira vez, o hino nacional numa Olimpíada e proporcionou a subida da bandeira nacional ao mastro maior do Estádio.

Longe estava eu de pensar, naquela madrugada, que 20 anos depois, em 2004, o Carlos Lopes me iria confiar e entregar num fim de tarde, aqueles sapatos especiais e mágicos, o calção, a camisola e o dorsal, com os quais se consagrou como o primeiro campeão olímpico português, e que são o orgulho da nação sportinguista que visita o Mundo Sporting, o Museu do Sporting Clube de Portugal.

OBRIGADO, CARLOS LOPES!

Mário Soares Casquilho


in sporting.pt
É sempre bom recordar essa grande vitória,que no meu caso só através de relatos e imagens sei como foi(tinha 1 ano de idade na altura).
Grande Carlos Lopes. :clap:
2h9m21s
Carlos Lopes, um grande Leão que por diversas vezes foi maltratado pelo seu clube de sempre. Mais uma prova da falta de cultura Sportinguista que tem dominado a nossa classe dirigente durante os ultimos anos.

Ao Carlos Lopes só posso agradecer o facto de juntamente com o Mamede, terem levado o nome do Sporting ao topo do mundo, quando o futebol não nos dava alegrias.

Que nunca se esqueçam as nossas verdadeiras glórias, os atletas, que elevaram o nome do Sporting, e que fazem com hoje haja milhões de sportinguistas por todo o mundo!
Sporting Sempre! 14.244
Um verdadeiro símbolo do SCp e do desporto nacional.
 :clap: :clap: :clap:
Grande campeão.
“no small number of these whaling seamen belong to the Azores, where the outward bound Nantucket whalers frequently touch to augment their crews from the hardy peasants of those rocky shores.”
Herman Melville - Moby Dick
E dias antes tinha sido atropelado, incrível. Um verdadeiro Herói. :clap: :clap: :clap:
Simplesmente um símbolo!  :clap:

É natural aqui da minha cidade Viseu, e a minha avó materna é prima em 2º grau do grande atleta!  ;D

Esforço, Dedicação, Devoção e Glória. Eis o Sporting!!
Grande Carlos Lopes um símbolo do Sporting e de Portugal.  :clap:
Quando pessoas dizem que Moutinho e Barbosa são símbolos do Sporting, gostaria de saber como apelidariam este grande atleta que representou as nossas cores durante quase 20 anos e que nos levou à glória internacional numa altura em que o mundo era muito mais fechado...

Quando se fala em Sporting é praticamente impossível não falar num grupo bastante restrito de pessoas, nas quais se inclui indiscutivelmente o nome de Carlos Lopes!
Quando pessoas dizem que Moutinho e Barbosa são símbolos do Sporting, gostaria de saber como apelidariam este grande atleta que representou as nossas cores durante quase 20 anos e que nos levou à glória internacional numa altura em que o mundo era muito mais fechado...

Quando se fala em Sporting é praticamente impossível não falar num grupo bastante restrito de pessoas, nas quais se inclui indiscutivelmente o nome de Carlos Lopes!

Sem dúvida !! Grande Carlos Lopes !!!
Tinha 13 anos na altura e lembro-me de ter ficado acordado na companhia da minha mae para ver
o Carlos Lopes.

Tambem me lembro de passar de carro na segunda circular logo de manhazinha e ouvir o meu pai
dizer: Lá anda o Carlos Lopes nos treinos !
Hoje em dia nao cabe na cabeca de ninguem que um atleta com possiblidades de ganhar uma medalha
de ouro nos Jogos Olimpicos, treine na segunda circular no meio daquela fumarada e sujeito a ser
atropelado.

So foi pena nao ter corrido com a camisola do Sporting  ;)
Carlos Lopes está na RTP N! Grande campeão!
Desenterro este tópico para colocar um link a quem, como eu, não teve oportunidade de ver os feitos deste senhor e que se queixa da falta de material em vídeo que relate as façanhas deste símbolo vivo do Sporting.

Embora a página não lhe seja dedicada a ele, mas sim a um concorrente seu directo, a verdade é que estão lá dois vídeos (embora de má qualidade  ::)) com ele, nos quais num ele fica em segundo na prova de Roterdão e no outro ele sagra-se campeão olímpico.

http://www.juanjosemartinez.com.mx/DeCastella.html